EspiritualidadeMistérios

Novo Monólito traz uma sentença hermética em hieróglifos egípcios sobre um obelisco!

Sua origem é desconhecida

Um monólito “enigmático” com hieróglifos aparece em frente ao Mosteiro de Poblet em Tarragona, Catalunha.
No dia 29 de agosto, domingo.

“Não sabemos de onde vem nem quem o deixou lá”, diz o autarca de Vimbodí e Poblet, referindo que o Mosteiro também não sabe como é que apareceu.

Um misterioso monólito com o que parecem ser hieróglifos egípcios apareceu em frente ao Mosteiro de Poblet, na cidade de Vimbodí e Poblet (Tarragona), conforme relatado pela Câmara Municipal.

A autarca do município, Joan Canela, citada pela Europa Press, confirmou o aparecimento deste “enigmático” monólito. Como indicou, vários vizinhos repararam no domingo ao meio-dia, quando se encontrava em frente à entrada do mosteiro e supostamente “foi colocado” durante a noite” na zona de Sants Màrtirs.

“Não sabemos de onde vem nem quem o deixou lá , mas contactei o Mosteiro e eles não sabiam como tinha surgido”, acrescentou o primeiro autarca.

O Consistório está agora considerando se deve “removê-lo e realocá-lo em outra área da cidade e mantê-lo como um souvenir ou uma curiosidade “.

Artigos relacionados

De qualquer forma, lembrou, este não é o primeiro monólito a surgir ultimamente na Catalunha, onde um já apareceu em Platja d’Aro (Girona) e outro perto do Mosteiro de Santes Creus (Tarragona).

Estruturas misteriosas também surgiram na cidade de Celrà, em Girona, e em Ayllón (Segóvia), bem como em outras partes do mundo, como os Estados Unidos .


Um monólito metálico em 4 faces, estilo obelisco e com parte superior bem aguda, como uma agulha, indicando ascensão.

Na verdade, olhando bem, o formato preciso deste monólito é uma combinação entre um obelisco e uma pirâmide!

E numa de suas faces, 14 hieróglifos egípcios que, lidos de cima para baixo, escreveram uma mensagem (em inglês).

Em 30 de abril, Celrá, Espanha, apareceu o monólito “arco íris” e eu estabeleci relações com o sinal profético do Arco Iris, associado ao evento de Noé (Dilúvio) bem como ao Apocalipse 10 e a apresentação das duas testemunhas, porque, conforme a declaração do Anjo em juramento, “o tempo de cumprimento das profecias havia chegado”.

Um pouco antes, em 10 de abril, um monólito na Catalunha (Espanha) trouxe uma mensagem em hieróglifos egipcios, e o monólito tinha (como este recente objeto) o formato de obelisco (tipificando mesmo uma relação direta com os antigos mistérios do Egito).
Além da mensagem, um grande Olho de Hórus e um Escaravelho estavam estampados na peça.

E a mensagem escreveu:
THE GAME STARTS (O JOGO COMEÇA)!

Eu associei essa mensagem com alertas dos jogos do SISTEMA GLOBALISTA em ascensão no cumprimento de sua agenda conforme o Apocalipse relatou.

Este monólito apareceu no pátio de um Mosteiro, o Mosteiro de Santes Creux (Santa Cruz), Tarragona. O novo monólito apareceu no pátio do Mosteiro de Poblet, Catalunha.

O Real Mosteiro de Santa Maria de Poblet é um mosteiro cisterciense, fundado em 1151, localizado no município de Vimbodí, na província de Tarragona. O primeiro cenóbio foi patrocinado por Raimundo Berengário IV de Barcelona, que o entregou aos monges da abadia de Fontfroide em 1149.

Em 1991 foi declarado pela UNESCO Patrimônio da Humanidade. Poblet, com Guadalupe, O Escorial, San Millán de Yuso e San Millán de Suso são os mosteiros na Espanha com este título.

Detalhe:
Vários monólitos apareceram, como este, em espaços cristãos, como catedrais, pequenas igrejas, mosteiros e até cemitérios.
Uma relação indubitável com os valores cristãos que já aparecia em outro famoso monólito espanhol, do ano passado!
A ideia de um REFÚGIO ESPIRITUAL (mosteiros, igrejas) é anunciada em todos estes objetos relativamente aos locais onde seus autores e mensageiros os têm colocado!

A mensagem do Monólito de Tribaldos, Espanha, em 21 de dezembro de 2020, foi esta:
VITOR-SANTANA-BENDITA-TRIBALDOS-2020

Interpretando novamente sob a ótica cristã, seria:
VITÓRIA DA SANTA GRAÇA BENDITA (Ana significa GRAÇA em hebraico)
E Tribaldos 2020, o local e data.

Trata-se de uma mensagem de proteção em tempos difíceis da perseguição das forças tenebrosas do Anticristo em plena ascensão.

Aliás, a cidade de Tribaldos fica próxima de uma imponente catedral, que foi associada AO REFÚGIO DOS ELEITOS NOS TEMPOS DO FIM DO MUNDO.
O sentido de REFÚGIO E ABRIGO destes monólitos é marcante e indiscutível (veja matéria completa sobre isso no final deste artigo).

Todos estes elementos são importantes na tradução e interpretação da nova mensagem.

Tradução e interpretação

São 14 hieróglifos em uma coluna (vertical) e que devem ser lidos de cima para baixo.
A Pirâmide no formato estilizado o monólito (obelisco) também deve ser incorporada na mensagem:

WHAT IS UP IS DOWN
(Um enigma proposto)!

“O QUE ESTÁ EM CIMA ESTA EM BAIXO!”

Imediatamente, isso soa familiar ao Hermetismo, cujo berço não foi a Grécia, mas o Egito, na figura mítica de TOTH, o grande sábio, aquele que os gregos chamaram de HERMES TRISMEGISTOS, ou “Três vezes grande!”

O QUE ESTÁ EM CIMA ESTÁ EM BAIXO” é uma das leis mais conhecidas do Hermetismo, definindo o Cosmos como um conjunto de princípios herméticos dos quais a MENTE é a Base.
O TODO É MENTE!
O UNIVERSO PENSA!
O UNIVERSO É CONSCIENTE!

A associação com o Egito (obelisco, pirâmide, hieróglifos) não poderia ser mais apropriada, bem como o número de 14 caracteres ou hieróglifos, já que o ARCANO DA TRANSMUTAÇÃO HERMÉTICA é o de número 14, baseado na mitologia dos 14 pedaços do corpo morto de Osíris (assassinado pelo irmão Seth/Satan) que Isis recuperou pela sua magia alquimista, e com ele pode conceber seu filho Hórus.

São princípios herméticos e alquimistas superiores aplicados ao trabalho de autoconhecimento e da transformação interna das energias, dentro de um acervo de sabedoria ignorado pelo povo comum da Terra. Sabedoria alta demais para a mentalidade moderna tão apegada às suas ilusões materiais de consumo e culto corporal.

A própria pirâmide tinha uma definição alquimista de ascensão da alma do faraó que começava com a sua descida ao plano dos mortos, para Julgamento da alma, o qual, se favorável, lhe concedia a ascensão ao reino dos deuses após as provas cumpridas no Amenti.

Note que o monólito tem uma extremidade superior muito aguda, indicando mesmo uma ascensão, mas a mensagem observa que SUBIR E DESCER são movimentos relativos nestas questões.

A Bíblia é repleta destes enigmas e paradoxos da alma:
“Aquele que desejar possuir a sua alma, irá perdê-la, mas aquele que a perdê-la por amor a mim, este a encontrá-la-á.”

OU ainda “Elevarei os humildes e rebaixarei os soberbos”…

A Pirâmide era um instrumento de ascensão que exigia, antes, a morte (a transformação alquimista) num conceito que se alinha com a morte da doutrina cristã, a morte do ego que implica no renascimento da alma (apesar da deturpação religiosa ter perdido esse conceito com o tempo, transformando a morte física comum como passaporte da vida eterna, o que é um erro grotesco).

Então, a mensagem desse trabalho espiritual e alquimista está subentendido na sentença hermética. Algo que se encaixa no perfil dos escolhidos para SUBIR DAQUI, O QUE COMEÇA NUM MOVIMENTO DE DESCIDA… literalmente falando.

A relação com as BASES SUBTERRÂNEAS DE REFÚGIO (lembram, monólitos em igrejas e mosteiros, refúgios cristãos?)
E por que não aparecem monólitos em mosteiros budistas, hindus, ou mesquitas, ou sinagogas? São os Aliens e estão os Aliens aqui envolvidos com a CAUSA CRISTÃ acima de qualquer outra?

Aqui, subir significa descer.
Jesus Cristo mesmo desceu antes aos Infernos ou reino dos mortos antes de ascender ao Pai.
O Axioma Hermético tem muitas implicações, algumas simbólicas, algumas literais.

Como a ascensão dos (144 mil) escolhidos que serão levados para Bases no subterrâneo (descer significando subir).

Por fim, e tal como eu insisto desde o começo, este novo monólito que é um obelisco-pirâmide nos conecta OUTRA VEZ aquela profecia muito específica de ISAIAS 19:

“Naquele tempo o Senhor terá um altar no meio da terra do Egito, e uma coluna se erigirá ao Senhor, junto da sua fronteira.
E servirá de sinal e de testemunho ao Senhor dos Exércitos na terra do Egito, porque ao Senhor clamarão por causa dos opressores, e ele lhes enviará um salvador e um protetor, que os livrará.”
Isaías 19:19,20

Ela fala que os monólitos sinalizariam a chegada dos salvadores por causa da ascensão dos opressores no mundo. O que, em termos modernos, já vemos acontecendo de todas as formas e em todas as situações sobre as quais o SISTEMA (NOVA ORDEM MUNDIAL) exerce controle.

E que UM SINAL EM FORMA DE COLUNA (monólito) apareceria no meio da terra do Egito.
Ora, na relação com os tempos modernos, o Egito equivale a moderna Babilônia, terra da loucura, e cada nação onde um monólito aparece, especialmente estes objetos com estilo egípcio, são cumprimentos de Isaias 19!

Eu pessoalmente interpreto isso como uma indicação ao plano de resgate de parcela da humanidade para as bases intraterrestres preparadas e aparelhadas para quando chegassem os tempos da loucura humana e das comoções da Terra.

O mundo inteiro vasculha por provas de civilizações extraterrestres nos mundos e estrelas distantes, sendo que elas podem estar coexistindo com a nossa civilização literalmente abaixo de nós, em bases subterrâneas e submarinas.

Os que vivem EM BAIXO são como os que vivem EM CIMA, nas estrelas…!
E o que está mais perto de nós é o que menos vemos.
E isso também é um axioma hermético elementar!

Aliás, como já tenho visto e visitado faz algum tempo… e compartilhado várias vezes por aqui!

JP em 06.09.2021

Veja também:

A CATEDRAL DO FIM DO MUNDO

MONÓLITOS E A PROFECIA DE ISAIAS

OUTROS MONÓLITOS COM REFERÊNCIA EGÍPCIA

Comentários

Botão Voltar ao topo