A Verdade do Messias e a rebelião do EGO

A Verdade do Messias é esta: Obedecei a Vontade do Pai, e o Pai vos enviará o Messias, o Seu Filho, para em tudo vos ajudar, iluminar, instruir e elevar. A Humildade é o sinal da sua eleição.

Mas a Rebelião do EGO declara: não vamos cumprir a Vontade do Pai, e sim, a Nossa Vontade, porque o Universo está lá para nos satisfazer plenamente…. a arrogância é a pedra de tropeço de sua queda, e quando chegar ao ponto mais alto de sua soberba, a partir dele começará imediatamente a cair…

Antes de mais nada, alguns pontos teóricos que os negacionistas da Cristandade ignoram em sua aberta campanha anticrística que tenta apagar a imagem, conceito, doutrina e Verdade de Cristo do cenário mundial.

Se Jesus foi invenção dos primeiros católicos, como eles alegam, e nunca existiu de fato, então Hórus foi invenção dos egípcios, e Mitra, invenção dos Persas, e Buda e Krishna, invenção dos indianos, Héracles, invenção dos gregos, e Quetzacoatl, invenção dos mexicanos?

Jesus de Nazaré se encaixa no modelo de todo e qualquer raro MESSIAS que desde à Terra, de tempos em tempos, para curá-la de tanta escuridão e tanta maldade semeada pelo terrível ego humano.

Claro, estes seres divinos eram MODELO DE SOL, que para os antigos era o Astro celeste mais próximo de representar DEUS EM FACE VISÍVEL.

Só os hindus listaram DEZ ENCARNAÇÕES DE VISHNU-CRISTO para a História desta humanidade.

Por isso é que todos estes deuses, considerados encarnações solares, possuiam um modelo semelhante entre si, nascidos de Virgens, na época do Solstício de Dezembro, quando o Sol está mais distante da Terra (Terra em trevas, humanidade caída no materialismo) nascimento, ápice de missão, queda, morte e ressurreição (representando os pontos cardeais do Sol no céu, nascimento do Sol pela manhã, o Sol no ápice ao meio-dia, a queda do Sol no poente, a morte ou descida ao nadir pela meia-noite, e o retorno pela manhã, ou seja, nascimento, ápice, queda, morte e retorno/ressurreição do mestre solar!

Mas pessoas ignorantes, que não conhecem a fundo o status secreto dos Mestres encarnados, tomam Jesus como invenção da Igreja só por causa do paralelo de sua vida e obra com a vida e obra de outros deuses.

Além do mais, sucessivas descobertas arqueológicas em Israel provam cabalmente não só a existência de Cristo como daqueles ilustres nomes citados nos Evangelhos, e isso, os negacionistas do Cristo fingem ignorar…

Mas agora, narrei o motivo real de tudo isso.
Contudo, polêmicas a parte, para saber mais sobre a vida, mistério e obra de um Messias solar encarnado, basta estudar o Evangelho de João e as cartas de Paulo.

Nada além disso, nem mesmo textos apócrifos ou textos antigos que, só por serem antigos, não significam que sejam fiéis a verdade.

Ora, porque a antiguidade também abrigava gente ignorante que escrevia besteiras ou coisas mal compreendidas.

Então acham um texto de fulano de tal, escrito há dois mil anos, tentando narrar, sob sua ótica, o mistério de Jesus Cristo, e tudo o que está neste texto TEM QUE SER NECESSARIAMENTE CORRETO? Um rival do Mestre que, há dois mil anos ou após, se colocou a escrever toda sorte de ataques contra sua pessoa, e depois que esses escritos são encontrados como velharia antiga, são reconhecidos como autênticos em suas palavras? Ou autênticos somente em sua crítica ignorante? Aceito até aí!

Por tudo isso prefiro avaliar as coisas pelas palavras DAQUELES QUE VIVERAM AO LADO DELE, os apóstolos, e principalmente, as palavras de JOÃO, aquele discípulo amado que, com certeza, ouviu segredos do PEITO DO MESTRE que os outros não ouviram… como o próprio Apocalipse.

Os mestres solares da antiguidade, anteriores a Cristo, nunca negaram Jesus.
Apenas lhe confirmam.

Pois é, volta e meia nos deparamos com algum macaco amestrado, um mero repetidor de teorias negacionistas da Cristandade que mal compreende. Isso corre muito pela Internet, essas teorias fuleiras que procuram negar CRISTO em função desses comparativos com as divindades pagãs, e que certamente a IGREJA adequou aos arquétipos solares para que a verdade de Jesus pudesse ser melhor compreendida pelos povos, até então, pagãos e conhecedores dos mistérios das antigas religiões ANTES da manifestação de Jesus, que procurou sintetizar todas aquelas verdades antigas em ato e missão de fé e amor de Cruz-Sacrifício. Mas essa parte é sempre um ponto cego para os corações obscuros e petrificados por doutrinas materialistas.

Em outras palavras, quero dizer que a Igreja, em seus primórdios, adaptou a história de Cristo conforme os modelos pagãos porque os caminhos do Judaísmo eram estranhos para o mundo da época, mundo e pessoas acostumadas aos deuses solares do paganismo. Daí a estratégia da Igreja, em colocar o nascimento de Jesus em 25 de Dezembro, e outros aspectos que o tornariam RECONHECÍVEL E IDENTIFICÁVEL aos povos pagãos que a Igreja desejava catequizar eficientemente.

Mas os seguidores da letra morta nunca entenderão o MISTÉRIO CRÍSTICO DO UNIVERSO, que se faz carne e humano segundo os arquétipos do Sol, todas as vezes que um mundo qualquer caia na maldade, no materialismo e na escuridão do ego coletivo dos que lhe habitam, e que se torna esquecido das verdades mais altas da Luz.

Inclusive estamos no tempo da manifestação última do CRISTO, chamada pelos hindús de KALKI AVATAR, ou o Mensageiro do Cavalo, que concorda com a imagem integral do Apocalipse 19, o Messias montado no seu CAVALO BRANCO.

E muitos crops circles aparecem junto de monumentos ingleses antigos chamados
CAVALOS BRANCOS!

Há um movimento operante das forças do Anticristo na mente do coletivo que quer banir as religiões não exatamente por causa da indignação contra a Igreja ou todas estas suposições de alienação religiosa existente… o real motivo de tudo isso é que o EGO HUMANO não suporta mais regras, mandamentos, leis e deveres determinados pelo Ser Sagrado… o que realmente motiva o ego humano nestes ataques contra as religiões é que ele deseja sacralizar o pecado e justificar seus delitos, não mais assumindo responsabilidades pelos seus atos perante o Criador… quer repelir toda ideologia que fale em pecado ou imoralidade para poder desfrutar a vida sem lei, sem regras, sem limites, sendo ele mesmo o deus da sua existência arbitrária e imoderada.

Não são exatamente os maus sacerdotes que incomodam o ego, não são exatamente as pequenas discrepâncias da Bíblia que confundem a humanidade… tudo isso é cortina de fumaça, é justificativa de Pilatos lavando as mãos antes de entregar o Cristo a morte… o real motivo é outro. É a Rebelião do ego ao sistema que a religião lhe impõe: que o homem é criatura e Deus é Criador, e que, portanto, o homem deve submissão e obediência a Deus.

Para o Ego humano cada vez mais inchado e cínico, está cada vez mais difícil manter a postura humilde e submissa ao Criador, e por tal razão, ele está se cercando de teorias modernas e filosofias de negação sistemática.

Então, ele inventa um pequeno deus dentro de si para obedecer, e o cerca de teorias ilustres, mal sabendo que ele está endeusando o próprio ego, um deus de barro em um altar de ilusão. E encontra nesse deus o consolo para viver a vida como queira viver, se auto-justificando sempre, coisa típica de uma consciência adormecida e vendida aos pecados da carne.

Agora sabemos a razão escondida por trás de tantos argumentos aparentemente justos…

E assim, com o ego a lhes inspirar, e não a consciência, estes “entendidos” vão procurando contradições na Bíblia, pequenos erros de interpretação ou variações nos evangelhos (o que é comum quando pessoas diferentes dão seus testemunhos) para derrubar todo o enorme edifício moral e espiritual que ela representa para a humanidade, tentando a todo custo invalidá-la como Palavra de Deus revelada ao homem, usando aquele batido argumento de que foram homens que a escreveram, para, assim, torná-la questionável e, depois, descartável, porque convém ao ego que não exista mesmo um Deus Legislador a lhe regular a vida e as ações, para que ele continue cometendo em secreto suas torpezas, sua luxúria, sua gula, sua mentira e vida poluída sem que nenhuma autoridade espiritual lhe limite, lhe aponte o dedo, lhe cause constrangimento a esse estilo de vida que prega falsa liberdade porque se apóia em conduta errada, equivocada e pecaminosa… então, os mesmos iluminados ficam falando em um Deus Impessoal, cósmico, que está nos átomos, nas estrelas, na natureza, sim, está em tudo, mas esse Deus sábio e perfeito só não está mais na vida moral das pessoas, no corpo, nas suas questões pessoais. Isso me parece conveniente. Deus é infinito e em tudo está, EXCETO quando é para regular a moral da humanidade!

Sim, Deus é perfeito e sábio quando regula os átomos na matéria e as estrelas e mundos em suas órbitas… Deus é perfeito e sábio quando encontra o equilíbrio de todas as formas de vida nas cadeias da Natureza ou quando estabelece padrão de harmonia e beleza em todas as suas criações, mas quando se trata de regular a vida e a moral das pessoas, então não serve a perfeição e sabedoria de Deus, e aquelas leis que Ele ditou no Monte Sagrado pela boca de Moisés, ah, foram inventadas por homens para controlar outros homens!

Como se não matar, não roubar, não cometer adultério, não praticar cobiça ou falso testemunho e não viver a vida na concupiscência fossem, digamos, leis muito pesadas para o sensível ego da humanidade, já tão inclinado a corrupção!

As pessoas é que desejam ditar a Deus o que ele deve fazer ou conceder em suas vidas materiais…elas é que estabelecem seus critérios de moral na civilização, e Deus se tornará MAU SE NÃO CONCORDAR COM ELAS!
Mas que conveniente, não é mesmo?

Pensam que os mandamentos foram invenções de homens para regular outros homens, pensam que os homens inventaram os deuses para controlar os mais fracos e lhes tornar escravos, enfim, encontram inúmeras escapatórias e justificativas para a vida pecaminosa que levam EM SEGREDO… como se Deus não estivesse vendo tudo isso!
Subestimam demais a Inteligência Divina!

Eis a razão do ateísmo crescente: as pessoas estão perdendo completamente a capacidade de OBEDECER as Leis Superiores, querem elas mesmas inventar suas leis e viver a vida como ELAS ACHAM QUE DEVE SER, e não de acordo com um sistema religioso. Daí juntam suas provas, tentam encontrar discrepâncias na Bíblia, usam o exemplo dos maus religiosos e líderes da Igreja e de outras instituições religiosas, enfim, tudo para justificar seu novo e moderno estilo de vida, que diz;

FAZ TUDO O QUE QUISERES, HÁ DE SER DA LEI, DA TUA LEI!
Tu é o teu Deus. Tu faz as regras.
O que te dá prazer, seja a tua regra… etc…
Vamos banir Deus e as religiões para que o homem se sinta livre para fazer o que quiser, não há mais mandamentos e deveres a serem cumpridos, e o Criador, que dispôs um corpo para a alma e uma existência para o corpo, não precisa mais ser considerado.

Obedecê-lo? Não… obedeço o meu Ego, porque eu sou pura luz, sou puro amor transcendente, eu me amo, eu sou e penso positivo, etc… Acabou a Hierarquia no Universo: o pequeno não deve mais regular seu movimento pelo Grande, e nem o menor, se guiar pela Vontade do Maior.

Mal imaginam a fonte dessas inspirações, e donde, e de que Mente elas brotam, contaminando o pensamento de muitos.
Mas Deus conhece o coração dos homens e sabe qual é a verdadeira intenção em tantos discursos e filosofias baratas que mostram total ignorância em relação às leis do Criador.
E isso será por pouco tempo.
Não vai demorar mais…
O Criador conhece a criatura melhor do que ela mesma, apesar do orgulho distorcer tudo na mente do homem de ego.
O homem de alma reconhece estas coisas porque a humildade lhe inspira, mas o homem de ego as repele… o que fica agora compreensível a causa secreta por trás de tudo.

Não precisam de ajuda… não precisam de Messias… o ego delas lhes diz que elas se bastam… não precisam de salvadores, elas mesmas se salvarão… a moderna tecnologia as salvará e trará todas as soluções… sim!

Eu queria ver alguém dizer isso ao bombeiro estendendo a mão quando este alguém estivesse dentro de um prédio em chamas, ou um marinheiro tentando lhe puxar do mar, já quase se afogando… o orgulho é realmente cegante que não consegue mais perceber a situação crítica da humanidade e o real status do Coletivo diante da Verdade do Criador.
Começou a noite da rebelião do EGO contra o Criador.
Só os humildes serão poupados, porque só os humildes terão a consciência precisa do real estado de suas almas em relação ao Juízo do Pai… exatamente como descreveu a sétima e última mensagem dos Anjos às Igrejas:

” E como dizes, rico sou e estou enriquecido, e de nada tenho falta, e não sabes que és um desgraçado, e miserável, e pobre, e cego, e nú!
… aconselho-te que de mim compres ouro provado no fogo para que te enriqueças, e roupas brancas para que vistas, e não apareça a vergonha da tua nudez, e que unjas os teus olhos com colírio para que vejas!”
(Apocalipse 3: 17-18)

O Apocalipse ainda tem muito trabalho pela frente até esmagar completamente a absurda arrogância da humanidade, para que, vazia, pura e humilde, volte a clamar com todo amor e sinceridade pelo Pai-Mãe que estão nos céus e em seus corações, porque agora, libertos da praga do orgulho, seus corações podem ouvir, compreender e OBEDECER o Pai-Mãe que estão nos céus, amando-O sobre todas as coisas!

JP em 21.05.2020

Comentários
Compartilhar