A desconhecida face de Nostradamus

Falando em profetas, acho que a gente tem que considerar um nome de peso extraordinário em termos de visões futuristas concretizadas…Júlio Verne!

Também da França, que, aliás, foi chamada a Pátria da Luz na era do Iluminismo europeu, e produziu grandes mentes…
(não confundir com Illuminati)

Quem já não se divertiu com um dos seus filmes?

Outro mestre do pensamento futurista.

“Podemos violar as leis humanas, mas não as da natureza.”

(Júlio Verne)

O SEGREDO DAS CENTÚRIAS DE NOSTRADAMUS, de Pierre V Piobb

É um livro esotérico muito desconhecido, o pessoal conhece mais as centúrias e alguma coisa das cartas de Nostradamus, ao rei Henrique e ao filho César, onde fala sem enigmas sobre muitas coisas do futuro.

Mas este livro em particular mostra absurdos, intrincados e complexos códigos matemáticos e geométricos contidos nas centúrias, relacionados especialmente à França (sua pátria) e de modo geral, à Europa e o curso da História em seu tempo.

Descreve conspirações, ordens secretas, latitudes ocultas, mapas e coordenadas, o brasão da Flor de Lis, o Galo, o Barco, relações com a geometria secreta da Catedral de Notre Dame, o pentagrama de contorno do mapa da França, Paris na capital do mistério, símbolos esotéricos e palavras de ordem, etc..
tanta coisa e tão complexa que é muito difícil de entender. Um livro que voce não consegue ler, somente estudar, e por partes.

A sabedoria de Nostradamus era imensa, e o que é grande nele é essa arte da criptografia, esse modo de esconder e revelar ao mesmo tempo, de cifrar tudo, de esconder bem debaixo dos olhos destreinados verdadeiros mistérios estarrecedores… que deixariam qualquer roteirista de um filme como Matrix ou o Código da Vinci como meros aprendizes…

Muitas pessoas julgam Nostradamus segundo o pensamento popular.

Eu mesmo me lembro do eclipse de 1999, quando a Rede Globo e outras foram as ruas fazer enquetes. Uns 90% dos entrevistados falavam sempre a mesma coisa:

Que? Aquele velho louco?…

Mas ele entra para a galeria dos sábios incompreendidos da humanidade, loucos para o povão, de conhecimento básico, mas admiráveis para os conhecedores da arte, e legítimas estrelas para Deus…

https://archive.org/details/OSegredoDasCentriasDeNostradamus

Houve uma falsa interpretação da parte das instituições, todas em coro promulgando aquela estória de que 2012 seria o fim do mundo, já pra escrachar mesmo, como se fez com essa quadra central de Nostradamus. A própria NA$A foi uma das que promoveu essa campanha anti Calendário Maia, zombando como podia, e a mídia entrou no coro… fim do mundo em 21-12-2012? Só se falava nisso, enquanto os maias nunca falaram disso, e sim, que a partir dessa data, uma série de transformações começaria a sacudir o planeta, coisa que realmente estamos testemunhando nos dias de hoje.
Maias, sumérios, egípcios, Bíblia (Absynto), todos falam da existência desse astro, dessa entidade oculta do sistema solar que, em tempos de ciclo, se aproxima do Sol e traz impactos gravitacionais sensíveis não somente sobre a Terra, mas todos os planetas.

Gosto mais do conceito Nêmesis, anã marrom, do que Nibiru, planeta X. Não embarco nas fantasias sumerianas de Sitchin. De qualquer forma, aquela quadra de Nostradamus, X-72 (e olha o número, X é a Roda, arcano 10, e 72, o número de Deus, dos gênios da Cabala, dos Anjos, do pentagrama, ele era um esotérico versado na arte hermética) sim, ela fala que aquele Rei do Terror viria do céu. Isso é o que abriu espaço para as interpretações em torno daquele astro celeste mencionado.

Mas, Nostradamus também era astrólogo, e combinava profecia com astrologia, há então que se considerar a leitura que ele propôs do céu naquele dia e hora: 11 de Agosto de 1999, uma efeméride astrológica que ele calculou cerca de 500 anos antes de se formar no céu sem o uso de nenhum programa de computador… sabia que haveria um poderoso eclipse neste dia, junto com uma rara formação celestial astrológica… veja voce como esses homens eram sábios, projetou esse quadro no céu 500 anos antes, sem o uso de qualquer ferramenta tecnológica, só no cálculo puro e na visão aberta… sensacional…!

Veja no mapa daquele dia 11 de Agosto de 1999 ao meio dia, uma cruz planetária sobre os signos fixos, Sol em leão debaixo de um eclipse poderoso ao meio-dia no hemisfério norte, cuja sombra cobriu vários países da Europa e, principalmente, do Oriente Médio, a zona mais tensa do planeta… esse Rei do Terror se anexa às interpretações deste mapa em particular… alguns falam que realmente ALGUÉM ENCARNOU nesse dia, alguém com o espírito do Anticristo, e que seria peça decisiva no cenário da NOM. Bem, são coisas que não podemos e nem temos como averiguar… No minimo, a imagem de um grande ditador e um terrível e cruel ser sob a influência de quadraturas tão poderosas e debaixo de um eclipse, que simboliza a negação do Sol, da luz, da divindade…

Mas voce sabia que Nostradamus, sabendo que o povo iria errar nessa interpretação, lançou outra quadra, para complementar aquela? Veja:

“QUANDO HOUVER O ECLIPSE DO SOL
AO MEIO-DIA, O MONSTRO SERÁ VISTO
SERÁ INTERPRETADO DE OUTRO MODO,
INFELIZ POR NINGUÉM O TER PREVISTO!”
(III-34)

Aquele eclipse de 1999 foi exatamente ao meio-dia, e se fosse algum astro, teria que ser visto na ocasião. Porque ele afirma: o monstro será visto. Resta saber que monstro é esse, se realmente ele está falando de uma reencarnação do mal, e em que sentido, direcionada para a guerra:
Marte reinará! E completa: Infeliz por ninguém o ter previsto.

Nostradamus é sensacional!
Creio que a guerrinha fria sempre existiu, com momentos de pico e outros, de calmaria. Porém Nostradamus falou muito no avanço das forças do Islã como coadjuvantes da Guerra. Nesse aspecto ele foi bastante preciso.
O resto, teve mesmo que criptografar para não cair na fogueira da Inquisição.

Por causa disso, muitas profecias dele foram interpretadas erradamente, e assimiladas à cultura popular.
Quem não se lembra do famoso fim do mundo em 1999?
Mas quem conhece a fundo a centúria X-72, sabe que ele não falou de um fim do mundo naquele mês de agosto de 1999, e sim, de um prenúncio de guerra.

Porque ele anunciou um eclipse e um evento associado ao retorno não de um astro cataclísmico, como pensam muitos, e sim, ao retorno de um rei do terror, um rei humano,comparado ao feroz rei de Angolmois, ou seja, um tipo de líder ou liderança política. E não um astro, como o suposto Hercólubus.
Outras profecias cuidam do Segundo Sol, não esta.

Uma interessante interpretação, baseada no jogo da criptografia:

“Mas, o que é Angolmois? Dividindo essa palavra em duas partes, angol e mois, a primeira é um anagrama de Golan, ou Golã, e a segunda é o inverso de Siom ou Sion – lembrando que Sion é o nome judaico de Jerusalém e que Golã é o nome das colinas que Israel tomou da Síria. Dessa forma, com Angolmois, Nostradamus poderia estar se referindo a essa região que divide a Síria de Israel, ou a árabes e a judeus, ou a muçulmanos e a israelenses, ou ainda a oriente e a ocidente. Mais angol, como anagrama de anglo, permite associações com países de origem britânica. Outra associação de Angolmois seria com mês (ou período) de Algol (mois = mês) – época em que muitas pessoas perderiam a cabeça, conforme significado dessa trágica estrela – no sentido próprio ou figurado, com comportamentos trágicos impensados.”

A B’íblia também está criptografada em muitas passagens, e a Cabala é a chave empregada pelos estudiosos para quebrar estes códigos. Leonardo da Vinci e muitos outros sábios do passado usavam esta técnica para cruzar informações entre sábios da mesma escola ocultamente.

E não poderia ser mesmo o fim do mundo em 1999 porque Nostradamus deixou claro, no último verso:

ANTES E DEPOIS, MARTE REINARÁ!

Quer dizer, depois de 1999, como antes, a Guerra reinaria.

Se reinaria a guerra depois de 1999, não era o anúncio do fim do mundo.
As pessoas infelizmente não prestam atenção direito nas coisas, atiram interpretações equivocadas no ar, isso é assimilado pela cultura popular, passado de boca em boca e se instala como verdade.

Uma mentira contada mil vezes se torna verdade”.

É o mal que atinge profecias mal interpretadas. Bem como textos sagrados.

Isso tudo do grande rei do terror como Islã radical bate com outras muitas profecias sobre os mouros, o avanço do Crescente lunar… tem até o Livro de Imagens, associado a ele, onde as mesmas indicações são apontadas.



O Anticristo encarnado no Islamismo está presente naquela imagem… E se o Anticristo é o sistema que combate o Cristianismo, o que temos visto acontecer com os cristãos nas mãos dos Jihadistas, ultra-radicais do Islã?
Me parece exaltar essa ideia… um sistema de terror, rei do terror … Terrorismo!
Antes e depois, a Guerra reinará.

Não tem sido eles a principal pólvora acesa de tudo isso, de todo esse quadro tenso no mundo, entre outros?

Aquela imagem mostra o Anticristo na forma de serpente, a Lua crescente do Islã, e uma espada de combate, símbolo da Guerra. No céu, alguns astros, Sol e uma estrela desconhecida, como era típico do estilo de Nostradamus, fazer associações proféticas entre sinais celestes e eventos históricos. Mas isso não veio dele, a História de Jesus Cristo não começou com uma estrela anunciada?

A Estrela Azul foi profetizada pelos Hopis! Ela seria o sinal dos tempos do fim, das profecias…todas ligadas! E apareceu uma rara supernova azul em 1987!

Voce, como eu, admira Leonardo da Vinci?
Olha que profecia interessante sobre ele, de Nostradamus.

Quadra 94, Centúria 3:

Por quinhentos anos se falará nele
como ornamento de sua época.
Então será feita uma grande revelação
que agradará muito ao povo daquele tempo”

Olha que interessante: Leonardo da Vinci foi um ornamento vivo da Itália, e por 500 anos se celebra o seu gênio, em toda parte, ele já se tornou um ícone do homem de visão, o maior representante do Renascimento.

Então, uma grande revelação será feita… em nosso tempo! Lembra do famoso código da Vinci, explorado pelo escritor Don Brown, que começou a levantar a lebre sobre os códigos nas pinturas e desenhos do mestre? E a enxurrada de livros, documentários e estudos, na mesma linha? Aquelas histórias todas do Priorado do Sião, sociedade secreta dos mistérios do Graal e tudo mais?
Foi e ainda é uma sensação.

E todas estas revelações agradaram muito às pessoas da época em que se realizaram.
Ou seja, agora, 500 anos depois da morte dele.

Algumas profecias não são tão intrincadas assim, até dá pra tirar alguma coisa.

Outras, no entanto, são mais difíceis de resolver que cubo mágico, precisam de muito conhecimento específico, além de talento para quebrar os códigos criptografados.
Essa técnica, aliás, era bem empregada naquele tempo. Nostradamus foi contemporâneo de da Vinci, e certamente tinha ouvido falar muito dele.

De fato, a profecia se tornou um passatempo mesmo e uma distração na Idade Média, uma espécie de moda entre astrólogos e magos. Mas como em tudo, existiram os incompetentes aqui, e aqueles que deram muitos palpites falsos.

Por isso, gosto de estudar Parravicini, ele é um dos únicos a falar de forma clara e direta sobre o evento anunciado, não dando muitas margens a especulações na hora de se interpretar. Por exemplo, falou que o Vaticano teria um Papa argentino, enquanto o seu antecessor estaria vivo. Quer coisa mais direta? Depois disso, se tornou o profeta mais estudado de todo o planeta. Até porque muita coisa do que ele anunciou, acontece agora.

Existem dois grupos a abordarem a temática das profecias:

a. O grupo que, instantaneamente, sem qualquer análise mais profunda do tema ou conhecimento mais detalhado sobre o assunto, reage dizendo: ah, quanta bobagem!

b. O grupo que estuda detidamente as profecias, as compara com eventos no futuro, extrai pacientemente o valor de conteúdo dos símbolos e arquétipos empregados, e chega a conclusão de que realmente muita coisa faz sentido e tem coerência.

Só faltando então descobrir a relação de causa-efeito do processo.

Na Internet podemos encontrar os dois grupos.
Contudo, o profeta mais estudado da atualidade em todo o mundo é o argentino Parravicini, que fez profecias de forma direta, sem charadas ou enigmas, do tipo:

O próximo e último Papa será argentino, mudará a Igreja, revolucionará em idéias, mas coexistirá com um Papa vivo. (Bento XVI)

Poderia citar inúmeras profecias que ele acertou de forma direta, clara.

Chegou a prever que o primeiro ser vivo no espaço seria um cachorro. Isso décadas antes da missão russa.

Essa é só uma amostra, ele tem centenas de profecias lidas diretamente e concretizadas de forma cristalina. De praticamente todos os assuntos.

Quem não acredita em profecias deveria deixar Nostradamus de lado e conhecer a fantástica obra de Parravicini.

Com toda certeza, vai mudar de idéia.

É ele quem fala que, no ano de 2015, haveria uma série de transições na Terra para a chegada de uma onda de impactos, mudanças e eventos de grande porte.

É ele quem falava de discos voadores já em 1938, quase dez anos antes do evento de Roswell. Ele é o verdadeiro patriarca da Ufologia.

AKASHA

Isso se encaixa com aqueles apontamentos sobre Música das Esferas e movimento planetário, porque se diz que a Memória do tempo está registrada justamente nos tecidos espaciais misteriosos, e que, quando planetas passeiam sobre eles, principalmente em conjunções, alinhamentos e aspectos de importância, há uma espécie de atividade de tais registros, como se fossem acionados por aquele movimento, daí que algumas pessoas sensíveis captam. E alguns tem então que entrar em contato com os conhecimentos de Astrologia para tentar mapear, de alguma forma, tudo isso, dentro do tempo, nos ciclos da História e da humanidade em constante transformação.

Nostradamus é um bom exemplo desse modelo de previsão, todos mapeados com indicadores astrológicos.

O Akasha! A CAIXA.

Creio que vamos viver para ver a fusão da ciência com a espiritualidade. Einstein sonhou com esse dia, e eu também.

Profecias são baseadas em ciência dos ciclos, os ciclos cósmicos.
Eu posso pegar uma tabela de efemérides e prever, com precisão, que dia 27 do mês tal, ocorrerá uma super maré em função de alinhamentos Sol e Lua. Nostradamus era astrólogo, combinava profecias com movimentos planetários, especialmente os ciclos, e reunia tendências de curva projetadas no curso da História Humana.

Quando o nosso conhecimento é limitado numa determinada área, tendemos a rotular a referida área como imaginária. Mas todo o universo é regido por ciclos, e transportando esses ciclos para a influência astronômica ao redor da Terra, se conheciam tendências de comportamento coletivo, algo que a Psicanálise já estuda faz tempo na forma de Inconsciente Coletivo e tendências de grupo. Muitos estudos já fizeram essa análise, a relação entre as influências planetárias e a psique. Por exemplo, a Lua. Ninguém até hoje demonstrou no cálculo a sua influência, mas tudo na natureza e no psiquismo é regido por ela. Marés, pescaria,colheitas, ciclo gestacional, temperamento, etc.

Todas estas coisas tem uma ciência envolvida. O que não podemos é por rótulos em estado de ignorância. Nibiru? Não acredito no modelo proposto por Sitchin, mas acredito sim que o Sol tem uma companheira estelar, tipo anã marrom, de órbita excêntrica. Nada de mais, haja visto que é muito comum sistemas solares duplos, triplos no universo. Porque o Sol seria exceção?

Ciência e fé sempre coexistiram, mas cada um dos nossos dois olhos ainda as enxerga em separado. Talvez por causa da persistente cegueira do terceiro…este que consegue ver o laço das coisas em tudo.

A minha profecia particular predileta é esta:

NA FUTURA ERA DO SEXTO SOL, O ESPÍRITO SERÁ A FONTE DE TODA A CIÊNCIA DO HOMEM!

JP em 02.02.2020

Comentários
Compartilhar