CiênciaUfologia

“Punhal de Tutancâmon é de origem Extraterrestre”, afirmam os cientistas


É evidente que os mistérios do Antigo Egito ainda assolam as mentes dos curiosos seres humanos. Enquanto grande parte não é revelada, aos poucos vamos montando esse enorme quebra-cabeças.

tutancâmon - ToNoCosmos
Tutancâmon, a múmia mais famosa de todos os tempos.

Um grupo de cientistas confirmaram que uma, das duas facas que foram encontrados na tumba do jovem faraó Tutancâmon, é de origem extraterrestre. Esta revelação foi feita na publicação de um artigo da Meteoritics & Planetary Science, que reproduziu os meios de comunicação internacionais.

Os antigos egípcios consideravam o ferro um metal mais valioso do que o ouro, porque não tinha minas e não tinha desenvolvido uma cultura de tratar o metal como em outras culturas antigas. Assim, a origem dos punhais de ferro  tinha sido um enigma desde que descobriu a tumba do jovem faraó em 1922.

Através de uma análise utilizando a técnica de fluorescência de raios-X, a equipe internacional de pesquisadores confirmou que a composição dos punhais de ferro têm diferentes concentrações de cobalto e níquel em relação ao percentual típico e mais se assemelha de ferro de meteoritos.

tuntacâmon punhal adaga -ToNoCosmos
O punhal de baixo seria feito com materiais de outros lugares do Cosmos.

De acordo com o estudo: “Para além da área do Mediterrâneo, a queda de meteoritos era visto como uma mensagem Divina para as antigas culturas. É geralmente aceito que outras civilizações do globo terrestre, incluindo os Inuítes, as antigas civilizações do Tibete, Síria e Mesopotâmia, além da pré-histórica Hopewell do Leste da América do Norte, usaram ferro oriundo de meteoritos para a produção de suas ferramentas e objetos cerimoniais.”

Porcelli elucida como os pesquisadores estabeleceram que o punhal era composta de materiais do espaço. A composição da adaga é de 10 % de níquel e 0,6% de cobalto. Concentrações típicas de meteoritos. Porcelli ainda diz que pensar que eles são resultados de uma simples fusão de metais, nessas concentrações, é impossível.

Não sabemos realmente se foi oriundo de algum meteorito, ou alguém, de algum lugar longínquo, resolveu presentear Tutancâmon com uma nobre adaga de origem misteriosa.

Comentários
Compartilhar

Botão Voltar ao topo