Monolitos: a Saga

Monolito da Romênia

E tudo começou com a descoberta “acidental” de um objeto destes no deserto de UTAH, USA em 18 de novembro. Um objeto com rebites, e aparentemente mau feito, que não foi levado muito a sério pela maioria… até que esse mesmo objeto (com algumas variações) começou a surgir em outras partes do mundo, desde então, e até agora (dia 11 de dezembro) as suas aparições só aumentaram.

Monolito de Utah

Então, artistas oportunistas se valeram da publicidade aberta para ganhar seus 15 minutos de fama, plantando um e outro objeto aqui e ali. E fazendo o mundo crer que todos os objetos eram de sua autoria.
Mentiras promocionais.

Monolito promocional de Joshua Tree, Califórnia, do grupo de artistas
Oportunismos comerciais se alastrando junto com os monolitos

O Mistério dos monolitos pelo mundo – o prisma triangular

O modelo matemático e geométrico do teletransporte dimensional contido no Prisma triangular (o formato dos monolitos)

Golpe publicitário para um novo filme?
É o que 99.999% das pessoas acham. Uma jogada de marketing.

Mas eu evito sempre pensar o óbvio, e fico tentando entender algo mais.
Principalmente porque, desde 2018 e 2019, elaborei estudos (baseado em experiências astrais recebidas) com base na geometria do teletransporte dimensional contida no tetraedro e no prisma triangular.
Exatamente a geometria dos tais monolitos.

Muitos apenas julgam a partir do material do objeto, da sua constituição rudimentar, e associam tudo a humanos.
Porém, poucos estão tentando avaliar a mensagem da geometria envolvida.
E da “brincadeira” de fazer a peça se MOVER pelo mundo.

Tal como sugere o teletransporte dimensional.

Quando um objeto material é transportado, ele não é desintegrado para ser reintegrado depois, como pensam alguns, ele é apenas relocado em novas coordenadas dimensionais, no caso, as coordenadas dimensionais da quarta dimensão totalmente relacionadas com a geometria e matemática do tetraedro e do prisma triangular.

Até o fato da maioria deles aparecer no alto de colinas corrobora com essa mensagem de ascensão, de levitação, teleportação e, talvez, arrebatamento implícito (o que não está longe de acontecer, em vista do próprio mundo atual – só não estou certo sobre o monolito de UTAH, mas todos os outros apareceram no topo de colinas)

Eu acho cedo demais para emitir certezas, e apesar dos deboches em larga escala… eu ainda prefiro esperar um pouco mais para ter certezas.
Eu nunca dou risada antes da hora.
Sempre prefiro esperar.

Até porque o agroglifo torto do Brasil previu terremotos com precisão depois de seu surgimento.

E todo mundo, vendo o agroglifo torto, julgou que era obra humana só por sua aparência, apesar dos relatos locais não registrarem em tempo algum atividade humana na região.

Mas a humanidade sempre julga depressa demais.

E só pela aparência.
Podem estar usando monolitos tortos para mensagens certas.
E de repente, no meio dos monolitos tortos, exista algum monolito real que a generalização e o deboche não estão considerando… 

Monolitos, o atual mistério

De duas, uma:
1.Obra humana, pegadinha, piada global, marketing, etc
2. Códigos alienígenas enviados ao mundo.

Qualquer uma das duas situações me deixará perplexo.
Se for mensagem alienígena, perplexo pela sofisticação do seu conteúdo que poucos ainda notaram.

Mas se for obra humana, uma pegadinha global promovida por interesses de marketing ou pura diversão, isso também vai me deixar perplexo em relação a atual capacidade humana de enganar, zombar do povo e se divertir com isso.

Ambas as situações tipificando mesmo um ciclo que chega ao seu fim e necessita de urgente renovação.

Observação:
Tivemos também um monolito no Peru, e no país vizinho, Bolívia, na cidade de Tiahuanaco, existem muitas imagens do deus Viracocha em forma de monolitos.

Talvez isso faça parte da mensagem global destes objetos.
Um código de ascensão. 

Padrões nos monolitos

Nos três objetos noticiados até agora (fora os objetos não noticiados do Peru e da França) há padrões.

Todos os três são metálicos, estruturas de 3.0 ou mais de 3,0 metros similares (prismas triangulares) mas não são idênticos.
Todos foram colocados de forma anônima, e o segundo monolito, Romênia, desapareceu antes de poder ser analisado.

Todos foram colocados em colinas, montes, elevações.

Não sei se o suposto marketing envolvendo as peças vai dar certo.
Pode inclusive gerar reação contrária, ainda mais do jeito que a humanidade anda, nervosa por tudo, debochando de tudo.

Uma coisa é certa: são eventos assim que servem para o grande povo extravasar todo o seu deboche e sua raiva costumeiras para aliviar o stress e a tensão diária dessa forma.

Leia também  Jesus Cristo ensinou a assexualidade?

Terapia pra muita gente! 

Oportunismo comercial: monolito para atrair clientela em Pittsburg,USA.

Experiência astral com o monolito em 2019

Eu trouxe essa lembrança na manhã de 23 de maio de 2019.

E por isso, quando esses monolitos começaram a aparecer pelo mundo, eu sabia que já os tinha visto em algum lugar. Precisei apenas conferir meus cadernos de registro, um por um, até encontrar o registro que eu queria.

Manhã de 23 de maio de 2019

Sonho astral, aquele que você relembra como sonho, mas foi uma experiência fora da cama.
Pela manhã
eu andava pela minha casa, e no quintal dos fundos, alguém estava construindo um estranho aparato tecnológico.
Uma “entidade” alienígena que eu não conhecia, e que ergueu três peças de cristal no meu quintal, como que os adaptando à minha casa.

Duas delas, grandes prismas triangulares de cristal (exatamente como as imagens dos atuais monolitos de estrutura triangular metálicos) e um grande prisma retangular, mais largo.
Perguntando a ele do que se tratava, ele me disse:
São instrumentos de teletransporte.
Os triangulares são para uma pessoa, e o retangular, para quatro pessoas.
São ajustes para o futuro.

Detalhe importante: os objetos estavam pendurados, isto é, suspensos no ar por fiações. E eram de puro cristal.
**************************************************************************

Espero que alguns possam compreender agora a grande relevância para mim deste fenômeno mundial.
Em parte, que já pode estar sendo usado como campanha publicitária do tipo oportunista.
Infelizmente, porque para esse sistema de mundo, não interessa a Verdade.

E farão tudo para camuflar as coisas.
Desde 1947 e o incidente de Roswell, eles fazem isso.
E me parece que a grande maioria ainda não aprendeu essa lição. 

Monolitos
Uma contagem regressiva para os eventos cósmicos à frente?

Uma pista dos monolitos no último crop circle da temporada?
O agroglifo brasileiro

Primeiro, porque este objeto brasileiro (do dia 29 de outubro de 2020, em Santa Catarina) foi o último, e de cara, vemos a face triangular nele, destacada.

Lembrando que estes monolitos, todos eles, até agora, tem uma estrutura triangular, e vistos de cima, mostrarão essa face triangular plana, aliás, como mostram os crops circles, visões aéreas na sua perspectiva final.

A imagem do agroglifo combina o triângulo a uma geometria de intersecção de quatro círculos (omitidos na figura final) e que produzem uma resultante em forma de OLHO.

Olho e Triângulo, o argumento do Delta maçônico, importado da sabedoria egípcía antiga, olho de Hórus, símbolo da Onisciência divina.
Aqui começa a primeira relação com os monolitos.
Precisamos regredir no tempo e encontrar os monumentos ancestrais mais próximos a eles.
Os obeliscos (do Egito antigo)

É o Latim OBELISCUS, do Grego OBELISKÓS, que se formou a partir de OBELÓS, “vara, pilar aguçado”.
Esses monumentos tem a função de pontes entre o céu e a Terra, análogos das pirâmides nesse sentido místico e espiritual (também relacionado a portais de acesso ás dimensões superiores, invisíveis).

O detalhe destes monolitos, na forma como tem sido apresentados (acreditamos que alguns deles ou vários deles são de origem não-humana, como parte final das mensagens crop circle tomando forma diante dos olhos de todos, apesar dos esforços das mídias do mundo inteiro tentarem abafar o caso, dando-lhe apenas notas sensacionalistas de entendimento comercial), não aparecem na estrutura de base quadrada dos obeliscos e das pirâmides, sua analogia imediata) mas sim, todos eles até agora, em base triangular.

Os chamados prismas triangulares apresentados em estruturas metálicas na vertical, confirmando a mesma simbologia dos antigos obeliscos.

Aqui aparece a primeira conexão.
O triângulo equilátero está na face das pirâmides.
E na simbologia derivada, o Olho de Deus dentro do triângulo significa Onisciência, o Olho de que tudo vê.
E o agroglifo combina Olho e triângulo.

O sentido de olhar para o céu, para onde os monumentos apontam, talvez para acentuar os sinais cósmicos do final deste ano de 2020 e tudo o que eles trazem de bom e de ruim para o mundo, profeticamente falando.

Mas tem mais.
No Taro, as 22 letras do alfabeto hebraico foram convertidas em arcanos, leis, mistérios.
E um entre eles, o arcano 16, retrata uma Torre, e humanos tentando alcançar o céu sem permissão, pelo que são feridos pelo raio da Justiça cósmica.
Porque a Torre, o obelisco, a pirâmide, eram representações de pontes dimensionais entre os planos humano e espiritual.

E o nome da letra 16, que tipifica o Arcano 16, é Hwain, que significa OLHO.

Leia também  Teorias do espaço-tempo oscilante vinculadas aos alinhamentos cósmicos

O Arcano 16 tem um caráter de punição, de karma, ajuste de contas da Lei divina com a humanidade.
Parece que o ano de 2020 já entrou na Balança em questão.
E 2021 não mostra nenhum sintoma prévio de melhoria.

Mas só de piora. E de tudo o povo debocha, debocha e debocha!
Debochar virou o grande escape do stress e neurose sociais modernas!

Por isso, esses objetos também podem significar arrebatamentos via teletransporte, conforme os estudos sobre a geometria dos tetraedros e a transposição dimensional da matéria cúbica. 

Um contato via monolitos?

Muitos aqui se lembrarão que, no dia 07 de dezembro, eu fiz uma brincadeira, dizendo que desejava acertar o meu “primeiro monolito”, e que ele apareceria no Brasil, nos dias 8 ou 9 de dezembro.
Eu não levei muito a sério mas… houve uma resposta!

No dia 8 de dezembro, no Texas, apareceu um monolito na cidade de El Pasos, diante de um estacionamento.
E no mesmo dia 8 de dezembro, lá na Inglaterra, em Glastonbury, diante da torre do castelo TOR, apareceu outro monolito ainda mais estranho, com inscrições no metal.

NOT IS BANKSY!
E com um gato marcado com uma espécie de tinta preta na base do monolito.
Lembrando que gatos já apareceram em crops circles.

Ora, isso porque BANKSY é um grafiteiro famoso na Inglaterra, e o monolito tratou de dizer que NÃO É BANKSY, isto é, não é obra dele.
E o termo BANKSY esconde um anagrama de duas palavras: ABN e SKY
Uma hebraica (ABN, Even, Pedra) e outra, inglesa (SKY, céu)

Pedra e céu? Um sentido perfeito. Monolitos antigos, dólmens, Stonehenge, Obeliscos, pedras apontando para o céu.
E o gato?
Já escrevi aqui várias vezes sobre as capacidades de teleportação do gato, o que reforça a ideia de mensagem geral deste monolito.

Então, no mesmo dia 8/12,
meu sobrenome (em espanhol) El Pasos (os Passos)
E o nome TOR (Valiant Thor) marcados por monolitos.
No dia que eu disse viria novo monolito, TOR e Passos assinalados.

E vieram vários pelo mundo.

COntato ou mera coincidência?

Monolitos codificando pirâmides

Para quem não viu ainda,
ontem publiquei extenso trabalho demonstrando matematicamente que estes prismas triangulares (com base em triângulo equilátero) comportam tetraedros e pirâmides retangulares em sua estrutura.
Isso é parte da mensagem.

Tetraedro representa o elemento FOGO e se associa à quarta dimensão e energia (vibração).
Pirâmides são pontes, portais de acesso ás dimensões.

Estas pirâmides não são quadradas, como as tradicionais (base quadrada) mas possuem um retângulo comprido na base, com duas aberturas angulares, e me espantei quando vi que as duas aberturas angulares eram 30° e 19°28′, que são as latitudes (norte) das maiores necrópoles do mundo com suas pirâmides:
Gizé, Egito e Teotihuacan, México.

Tenho que avisar os tais artistas, porque acho que nem eles sabem disso.

A Porta do céu

Sinceramente, eu nem lembro mais que Covid existe. Diante de algo tão grandioso acontecendo, é hora de bater as migalhas da mesa, levantar e partir. Deixando que as formigas comam as migalhas que caem no chão.

Lamento eu não nasci para ser formiga.
Eu nasci com uma carreira cósmica.

Infelizmente, poucos terão olhos para contemplar a joia preciosa que está se apresentando na raridade deste exato momento.
E é por isso que o Sistema está fazendo um monte de coisas para distrair atenções e manipular opiniões.

A coisa está tão gritante que eu não me conformo haver tanta gente dormindo nesse palco todo, nesse teatro a céu aberto, colocando a sua fé e a sua vida em tudo o que o sistema está programando.

A porta do céu está sendo reaberta agora, depois de milhares de anos fechada, e convidando os homens a ascender.
Mesmo assim, a maioria prefere brigar pelas migalhas que caem da mesa.
O chamado só faz sentido para corações preparados, nunca para corações desavisados.

Momentos mágicos e raros como este nunca foram apreciados por multidões… e enquanto um Deus nascia na Terra, há dois mil anos atrás, sob o esplendor de uma nova estrela, apenas alguns poucos pastores se apresentaram na manjedoura.

A maioria continuou comendo, bebendo, contando moedas e dormindo.

Estamos vivendo outro momento raro como aquele.
E a maioria continua comendo, bebendo, contando moedas e dormindo.
Porque a Luz brilhou nas trevas.
Mas as trevas não a compreenderam… 

JP em 11.12.2020

Matérias relacionadas:

Comentários
Compartilhar