“Donald Trump ia revelar a presença dos Extraterrestres, mas foi impedido por eles”, diz ex-chefe de segurança

Um ex-chefe da segurança espacial israelense levantou as sobrancelhas para o céu ao dizer que os terráqueos estiveram em contato com extraterrestres de uma “federação galáctica”.

“Os Objetos Voadores Não Identificados pediram para não publicar que estão aqui, a humanidade ainda não está pronta”, disse Haim Eshed, ex-chefe do diretório espacial do Ministério da Defesa de Israel, ao jornal israelense Yediot Aharonot . A entrevista em hebraico foi veiculada na sexta-feira e ganhou força depois que as peças foram publicadas em inglês pelo Jerusalem Post na terça-feira.

Um professor respeitado e general aposentado, Eshed disse que os alienígenas estavam igualmente curiosos sobre a humanidade e buscavam entender “a estrutura do universo”.

Eshed disse que acordos de cooperação foram assinados entre as espécies, incluindo uma “base subterrânea nas profundezas de Marte”, onde há astronautas americanos e representantes alienígenas.

“Há um acordo entre o governo dos EUA e os alienígenas. Eles assinaram um contrato conosco para fazer experimentos aqui”, disse ele.

Eshed acrescentou que o presidente Donald Trump estava ciente da existência dos extraterrestres e estava “prestes a revelar” informações, mas foi solicitado a não fazê-lo para evitar “histeria em massa”.

“Eles têm esperado até hoje que a humanidade se desenvolva e chegue a um estágio em que possamos entender, em geral, o que são o espaço e as espaçonaves”, disse Eshed, referindo-se à federação galáctica.

A Casa Branca e as autoridades israelenses não responderam imediatamente ao pedido de comentários da NBC News. Sue Gough, porta-voz do Pentágono, não quis comentar.

Um porta-voz da NASA disse que um dos principais objetivos da agência é a busca por vida no universo, mas que ainda não encontrou sinais de vida extraterrestre.

“Embora ainda não tenhamos encontrado sinais de vida extraterrestre, a NASA está explorando o sistema solar e além para nos ajudar a responder a questões fundamentais, incluindo se estamos sozinhos no universo”, disse o porta-voz em um comunicado.

As ideias de Eshed são explicadas com mais detalhes em “O Universo além do horizonte – conversas com o professor Haim Eshed” por Hagar Yanai publicado em novembro.

Fonte

Comentários
Compartilhar