Como será o Amanhã?

Apesar de existir um ditado muito popular e certo que declara que:
“o Amanhã a Deus pertence”…
o que mais vemos (e lemos) hoje em dia são teorias de todos os tipos sobre o amanhã,
e cada um procura construir suas teorias com o que sabe, ou acha que sabe,
em função do que leu, do vídeo que assistiu, do pensador que segue,
das interpretações que acredita, etc… e ainda que todas elas se contradigam
no meio dessa batalha ideológica sem fim,
cada qual procura construir sua forma de entender o amanhã.

Como eu faço?
Procuro consultar todas as noites a Inteligência infinita
me esvaziando de conceitos, crenças e preconceitos formulados,
e nesse estado,
as orientações são recebidas pela manhã,
conforme a solicitada Vontade do Criador
e não a minha.

Depois, eu pego esse material
e vou procurar alinhá-lo com as informações disponíveis,
atuais ou antigas
bíblicas ou científicas
e aquela parte que se alinhar, eu retenho para mim como verdadeira
e a parte que não se alinhar
eu descarto.

Parte substancial desse trabalho consiste em procurar as corretas interpretações proféticas, porque o que mais existe é deturpação de profecias e passagens bíblicas em prol de misticismos vazios, sem o espírito de Cristo presente ali, o que resulta um pantanal estéril sem fim revelando sua mentira com o tempo (porque são previsões que nunca se realizam, basta esperar e confirmar).

Outra parte é consultar as atualizações científicas que, mesmo ateístas em essência, e materialistas em finalidade, conseguem várias vezes demonstrar as grandes verdades do espírito contidas no acêrvo da sabedoria antiga. Mas também não é o caso de creditar 100% de confiança nessa ciência moderna que, além de estar programada pelo Sistema, é muito limitada ainda em suas descobertas, e se ela é extremamente limitada, como alguém declara 100% de confiança numa visão que mal alcança 10% de sua acuidade?

Não há o menor sentido, pois. Se a ciência negar algo que a sabedoria antiga de Deus procedente afirmou, não é a sabedoria antiga que se equivocou. Mas sim, a ciência moderna. Porque ela só enxerga em três dimensões, sendo que a Sabedoria eterna foi escrita nas Sete Dimensões fundamentais do Universo.

Leia também  Os Anunnaki de Moisés

Tenho conquistado muitos resultados acertados dessa maneira, sempre tentando consultar o Criador que vive em mim e ao redor, logicamente, dentro das coisas que eu possa compreender e também, esteja preparado para saber.

A minha regra de ouro é procurar compreender a Vontade de Deus nos seus caminhos de sabedoria infinita
ao invés de tentar escrever as coisas como eu (meu ego) acha que vão ser amanhã,
evitando entrar em correntes de pensamento,
que geralmente desconsideram o ponto de vista do Criador,
mas apenas o próprio.

Sabendo que o Criador derramou luz abundante em todos os espelhos do Universo
e instruiu todos os anjos (mensageiros) para iluminar a humanidade,
a meditação e o esvaziamento de conceitos se tornam a chave-mestra
que nos dá acesso ao conhecimento legítimo
acima, muito acima e além das especulações da era moderna
que mais parece um mar revolto de ondas combatendo-se mutuamente
e afundando muitos na incerteza.

Para escapar de tudo isso, precisamos aprender a colocar a mente no modo neutro, e entender que positividade ou negatividade são conceitos relativos. Às vezes, o bem que julgamos se torna um mal no futuro, e o mal que interpretamos se converte num bem amanhã. Por tal razão é que nossos juízos são muito falhos e equivocados.
Melhor aprender a alinhar a mente com a Verdade.

Porque nossos sentidos ainda nos atraiçoam, são muito limitados e incapazes de sondar as causas no passado profundo da humanidade e seus efeitos nas incertezas do amanhã que nos aguarda.

O tempo não falha. O que o tempo traz, é justo e merecido.
Porque o tempo é o ceifador do espírito posicionado na matéria.

Todo esforço em alinhar a mente com a Sabedoria divina se chama Consciência.
Enquanto tentar deduzir as coisas fora dessa Verdade se chama opinião.

Leia também  Chefe da NASA admite grande risco de queda de asteroides na Terra

Opiniões divergem o tempo todo, ideologias têm colocado o planeta em guerra, mas a consciência nos reunirá com todas as mentes vibrando na mesma sintonia, e haverá paz, harmonia e uma civilização realmente unida numa renovação sob os Olhos e a Vontade do Pai das luzes.

Porque opiniões são geradas no ego, ou alma em estado de sombra.
E como cada um tem sua sombra particular (ilusões) formará opiniões diferentes das outras pessoas sobre muitas coisas.
Mas a consciência é o reflexo do Sol único em nossa alma, e sendo somente um Sol, uma Luz, uma verdade, as consciências estarão naturalmente alinhadas, e reunirão grande força e poder de renovação, quando agregadas.

É incrivel que a gente tenha que chegar nesse ponto do discurso lembrando algumas pessoas que as coisas serão da forma como o Criador quer, e não a criatura.

Eu me espanto com a dificuldade que muita gente ainda tem de compreender a coisa mais elementar de todas.

Conclusão
Se fazer pequeno diante do Grande, vazio diante do Pleno, humilde diante do Elevado, receptivo diante do Iluminado, modesto diante do Poderoso e ignorante diante do Onisciente, será sempre a única maneira de se obter conexão com a Verdade e fazer o Sol brilhar no pensamento lúcido…

Ps: a sabedoria antiga já foi deixada escrita na pedra, nos pergaminhos, nos livros e nos corações dos sagrados humanos que pisaram neste mundo como um guia para os tempos modernos, porque Deus já sabia que nunca o mundo precisaria tanto do socorro da sabedoria eterna como agora, quando o homem pretende ser deus, invertendo a finalidade da existência humana na idade da loucura.
Ou era das trevas.

“Naquele tempo, respondendo Jesus, disse: Graças te dou, ó Pai, Senhor do céu e da Terra, que ocultaste estas coisas aos sábios e entendidos, e as revelaste aos pequeninos.”
Mateus 11:25

JP m 04.11.2020

Comentários
Compartilhar