Asteroide de 340 toneladas raspará a Terra na quinta-feira

Um asteroide recém descoberto passará muito perto da superfície da Terra na próxima quinta-feira, mas os cálculos mostram que o risco de impacto são muito baixos.

O momento e maior aproximação será durante o período da manhã no Brasil.Momento da máxima aproximação do asteroide 2020 SW, em 24 de setembro de 2020.Momento da máxima aproximação do asteroide 2020 SW, em 24 de setembro de 2020.

Batizado de 2020 SW, o objeto foi descoberto em 18 de setembro de 2020 através do telescópio do Observatório de Monte Lemmon, no Arizona. De acordo com o JPL, da Nasa, a distância mínima durante a passagem será de apenas 0,07 LD, o equivalente a 26908 km do centro da Terra ou 20530 km da superfície.

Essa distância coloca o asteroide 2020 SW muito abaixo do cinturão de satélites geoestacionários, situados a 36 mil km de altitude.

2020 SW se desloca a 7 km/s e tem cerca de 6 metros de comprimento. Sua massa estimada é de 339 toneladas, contidas em 114 metros cúbicos. Se atingisse a Terra, liberaria energia equivalente a explosão de 2 mil toneladas de TNT.Capa do site Apolo11.com mostrando dois asteroides potencialmente perigosos em aproximação, entres 2020 SW.Capa do site Apolo11.com mostrando dois asteroides potencialmente perigosos em aproximação, entres 2020 SW.

Embora a distância com a relação à Terra seja muito pequena, durante a passagem a rocha sofrerá forte desvio pela interação gravitacional com a Terra, o que diminuirá ainda mais os riscos de impacto.

A aproximação máxima está prevista para acontecer às 08h18 BRT (Hora de Brasília) sobre algum ponto acima da Austrália ou Nova Zelândia.

Apolo 11
*********************************************************

Comentários
Compartilhar