Adam Kadmon ou Adão original – O homem antes da queda

Adam Kadmon ou Adão original – O homem antes da queda

Ou Adão e Eva antes da queda.
Moisés, quando desceu do Monte Sinai com as duas tábuas da Lei, e viu o povo em adoração orgiástica ao bezerro de ouro, quebrou as duas tábuas na montanha, porque aquele povo não era digno da primeira Lei.

Então, Deus lhe determinou que fizesse duas outras tábuas, com a lei (decálogo ou dez mandamentos) que conhecemos hoje.

O que concluir desse episódio?

As duas tábuas quebradas (a lei original) representavam o casal original do Éden antes da queda, que se deu porque os seres humanos passaram a cultuar a carne, o corpo e os desejos, não mais o Espírito que habita dentro da carne (essa queda representada pelo culto do bezerro de ouro).

Então, as leis divinas foram adaptadas para uma humanidade rebelde, desobediente e depravada.
E se tornaram muito mais duras… afinal, DEUS se manifesta de acordo com o nivel de consciência do povo por Ele visitado através de seus Anjos e profetas.

Adam Kadmon—אדם קדמון—Homem Primordial.
Adam é o equivalente hebraico para homem; Admon ou Admoni, primeiro ou original

E a Cabala mostra importantes conexões.
Os três nomes divinos envolvidos com a criação de Adam Kadmon são:

YHVH – ALHIM – ADNI

IEVE – ELOHIM – ADONAI
26 + 86 + 65 = 177

O mesmo número da expressão GAN EDEN
GN-HDwN = 53 + 124 = 177

A Bíblia diz que o Jardim do Éden foi criado do lado do Oriente.
E QDM, raiz de Qadmon, significa exatamente isso, Leste.
Nos escritos do Êxodo, o Espírito que soprou toda a noite para que o Mar vermelho se abrisse em duas bandas e permitisse a fuga do povo de Israel, soprou do leste.
UM Vento forte do Espírito de Deus soprou do leste (nascente do Sol).

Leia também  Astronomia Harmônica

QDM, Leste, vale 144! O número-chave das medidas da Jerusalém celeste e dos escolhidos da Terra para voltarem ao estado de Humano primordial Filho de Deus!
(Apocalipse, Livro da Revelação)

(Conforme o Apocalipse 7, 14, 21, ou 7×1, 7×2, 7×3)Harmonia do setenário.

Adam Kadmon era esse humano imortal, como o Sol, em duas expressões, homem e mulher, na semelhança com os deuses antes de sua opção na queda animal (o fruto tentador).

A Cabala está para a Bíblia como a partitura está para a música: impossível extrair dali as melodias quem nada sabe de Harmonia??

Existe toda uma Bíblia jazendo oculta no fundo dessa surdez da humanidade moderna perante a Música da Cabala, que eu definiria como A CIÊNCIA DO ESPÍRITO.

No hebraico, Cabala tem quatro letras QBLH.
E seu valor é 137, soma 11, soma 2: a força do conhecimento oculto.

Se o verdadeiro ser humano caiu e tudo o que somos hoje é uma descendência de seres humanos caídos na condição racional limitada e mortal, então realmente não podemos nos apegar a nada do que essa humanidade em estado de severa limitação de faculdades publica a respeito do Universo, Deus e as leis que o regem.

Temos que estar prontos para atirar o velho homem na cruz da renúncia.
Para que possamos abrir caminho para o nascimento do novo homem dentro de nós, porque o embrião de Adam Kadmon descansa como um embrião divino nas profundezas da nossa alma ainda desconhecida…

ADONAI

JP em 11.01.2021

Comentários
Compartilhar