A flecha, a fechadura, a porta e o que vem por ai em dezembro…

O misterioso geoglifo que apareceu na Croácia, e agora está submerso no lago da região de Imotski, fala desse grande evento astronômico raríssimo de 14 de dezembro de 2020.

O Sol é o objeto (círculo) maior, onde consta uma fechadura, sentido de porta que se abrirá.
Desta fechadura desce uma linha que alcança um segundo círculo em forma de Lua.

O Eclipse, e também, o período intenso de quinze dias entre o eclipse lunar de 30 de novembro e o eclipse solar que lhe segue, total, em 14 de dezembro, a passar sobre o sul do nosso continente (América do Sul).

Abaixo, em um círculo cruzado por uma flecha, a representação provável do objeto P 7X, e também dos vetores de energia gravitacional gerada no período, que será enorme. Flecha e fechadura.
A flecha é a chave que abre a porta.

Muitos filmes de ficção (com conhecimento de causa) já usaram em seus roteiros esse argumento de grandes eclipses ou raros alinhamentos planetários abrindo certos portais nas dimensões que envolvem a Terra, especialmente os portais das infradimensões… algo que o LHC está tentando fazer mas ainda não sabe bem como…

E fazem dois mil anos que o Apocalipse de João, capítulo 9, anuncia que certa ESTRELA a cair na Terra abriria as portas do abismo, fazendo sair de lá de dentro o … inimaginável pelos moradores da superfície!

E a estrela que cai (pode ser também um asteroide) pode já estar relacionada com o objeto P 7X posicionado perto do eclipse solar e da grande conjunção de Júpiter e Saturno naquele dia!

E quando falamos em portas dimensionais, necessariamente temos que falar em portas de tempo, já que tempo e espaço dividem o mesmo tecido da quarta dimensão, tecido sensível a todas as flutuações gravitacionais, como Albert Einstein demonstrou brilhantemente em suas Teorias da Relatividade.

Podemos falar que uma porta do tempo vai se abrir em dezembro, além de portas de energia nas dimensões alinhadas pelos vetores planetários reunidos…

No último círculo, uma representação estilizada da Terra, com níveis internos abertos, como galerias ou níveis de um labirinto.

Repare como se parece com engrenagens de um mecanismo que, desde o centro da Terra até a superfície, aplicado sobre toda a energia do sistema em que vivemos, o nosso mundo, essa flecha disparada em dezembro irá mover essas engrenagens internas, produzindo uma sucessão de processos de transformação que provavelmente não cessarão mais, como uma onda expansiva.

A geometria do círculo está dividida em ângulos de 90° e 180°, mostrando uma curva que, saindo da superficie, cumpre uma série de giros e mudanças angulares até alcançar o centro vital do planeta, o núcleo.
A ciência não conhece quase nada sobre a dinâmica de energias e operações do núcleo da Terra.

Mas se você comparar esse núcleo à raiz de uma árvore, entenderá que a raiz é o fundamento da árvore, e saberá a importância que o desconhecido núcleo da Terra assume diante de eventos como estes, alinhamentos com um poder de redimensionar toda a grande matriz planetária e a vida que lhe cobre… na direção de um processo que as profecias estão em comum acordo:
é preciso terminar o velho ciclo para começar o novo.

E algo muito importante nesse sentido terminará em 2020 para que algo comece em 2021, e nem chegará a ser tão surpreendente assim porque o ano de 2020 já está preparando a humanidade para as grandes mudanças, e que não tem mais volta.

A porta a se abrir é uma porta na Terra, tem a ver com portais e ingresso de energias, e certamente, uma nova fase de transformações intensas no tempo que vem em seguida, 2021.

Por ora, me resta dizer que muitas profecias falaram desse dia.
E esse geoglifo, provavelmente a última mensagem alien de 2020 do tipo, está realçando o teor e importância do grande evento astronômico de 2020.
Ele será único.
E marca uma profunda transição entre todas as coisas que foram,
e todas as coisas que virão, e já chegam,
tendo em 2020 o divisor de águas de um mundo que nunca mais será o mesmo…

Vou postar muita coisa sobre isso, com explicações mais detalhadas…

JP em 26.10.2020
Veja também:

Comentários
Compartilhar