A Dieta das Emoções

 

 

 

 

 

Atualmente, os hábitos de muitas pessoas interessadas em praticar a boa saúde tem sido mudados pela maior e melhor informação a respeito. Temos visto muitos progressos nesta área, e hoje em dia, temos todo o tipo de informação sobre alimentos que fazem mal e alimentos que fazem bem.

Lembrando inclusive a máxima do Pai da Medicina antiga, Hipócrates, que dizia:

“Faz do alimento o teu remédio!”

E devemos acrescentar aqui:

Nem todo alimento é remédio, pelo contrário, é veneno… mas até o bom alimento, se ingerido em excesso, também se torna veneno!
Mas, acima da alimentação como prevenção de doenças, existe um outro fator, mais importante que ela:
A Dieta das emoções!

Isso porque o grande inimigo do corpo e potencializador de doenças são as emoções negativas… é delas que temos que fazer dietas severas…rígidas mesmo. Elas é que perturbam tudo dentro do corpo e da mente. São verdadeiros terremotos orgânicos, derrubando muitas estruturas e deixando frágeis muitas outras!

Emoções negativas são o grande vilão que compromete a boa saúde, e isso eu já ouvi de muitos médicos.
As emoções negativas causam uma lenta infiltração no sistema nervoso, e como é no pensamento que reside a causa de todos os males e doenças, com o tempo, todas as emoções negativas transplantam imagens mentais negativas que são interpretadas como doenças pelo organismo.

Note que a doença, quando se manifesta fisicamente, já é efeito de uma causa muito anterior a ela, causa mental, que foi semeada há mais tempo ainda por aquela emoção negativa e persistente que não foi combatida.
Portanto, comece sempre com a dieta das emoções.
Emoções sem gordura pesada, emoções sem açúcar, emoções sem álcool, emoções sem químicos… ou seja, ingira apenas as boas emoções.
E cure a si mesmo.

Porque nenhum remédio de farmácia pode fazer isso.
E pior, se você não combater essas emoções negativas associadas a cada doença, vai continuar se entupindo de remédios e piorando o quadro geral de sua saúde.
Porque estará mascarando o real causador de sua doença.
Apenas para exemplificar, eis o sumário das emoções negativas que mais se tornam doenças com o tempo:

Raiva, ódio
Ansiedade
Preocupação
Tensão mental prolongada
Stress
Medo
Depressão
(***)

Pode ter certeza que esses invasores da alma irão, com o tempo, abalar tudo, coração, pulmões, cérebro, sistema nervoso, rins, ossos, estômago e intestino, pele, fígado, pâncreas, glândulas, etc etc…
E saiba que remédios de farmácia nada curam. Mas muito lucram!
Apenas aliviam os sintomas ou combatem efeitos, mas a causa continua lá, viva e ativa, matando você aos poucos nas emoções negativas envenenando seu sangue, seu oxigênio e até seus pensamentos…

Então, se as doenças ancoram no corpo através das emoções ruins, é fácil deduzir que a cura aparece na mesma proporção na presença das boas emoções.
Basta mudar o cardápio diário da sua alma!

JP em 22.10.2019

 

A imagem pode conter: noite
Comentários
Compartilhar