Templates by BIGtheme NET

O Código de Turim nos crops circles

Desde 2006, uma série de enigmáticos crops circles aparece, todos os anos, na região de Turom (Torino), norte da Itália, e me parece uma série crop circle a parte em termos de códigos revelados em série crescente.
Vejamos tais crops circles.

O primeiro crop circle na região de Turim, Itália, em 2006, 25 de Junho.

TORINO (TURIM), ITÁLIA 25-06-2006
Sol rodeado por dois anéis, as órbitas de Mercúrio e Vênus, e a Grande Estrela que lembra Lamat Maia, e que é o símbolo de Vênus. E em volta, a marcada órbita da Terra nos quatro pontos sazonais, e suas luas marcadas, em suas quatro fases. Trata-se de uma representação do sistema solar interno, com destaque para Vênus.
TORINO, ITÁLIA, 10-06-2007
Versão de um vórtice de seis ondas, com pequenos quadriláteros marcados, doze no total (completos). Uma imagem de movimento: o vórtice pode retratar muitas coisas, um Sol energético, um portal, um disco voador, um sistema girante… algo que nasce, que desperta, que começa a vibrar, a girar, a se movimentar… algo que nasce… por exemplo, a Igreja do Apocalipse 12.
TORINO, ITÁLIA, 20-06-2008
Este parece um relógio com doze ponteiros apontando ao centro… a convergência 2012… a Hora da Igreja no Relógio de Deus, o Juízo Final, Mateus 24 e 25 e seus anúncios… todos os ponteiros apontam para o centro… para o fim.
TORINO, ITÁLIA, 20-06-2009
Trata-se de um modelo duodenário em movimento, são doze círculos, tem total conexão com as simbologias do Apocalipse e outras partes bíblicas associadas a Mente Cristo e os doze elementos. Lembra, aquela questão do número doze como semente de Egrégora-Cristo?
Contando o total dos círculos da composição, temos lá o Número de Deus e do Pentagrama, 72… são doze grupos de cinco círculos na borda, mais doze círculos dentro: total, 6×12 = 72, o número de Deus, dos Gênios do Céu, do Pentagrama, de muitas coisas no universo da Cabala.
TORINO, ITÁLIA, 13-06-2010
Conserva os valores 6 e 12 na estrutura: flor de doze pétalas internas, e flor externa de seis pétalas. E o código decimal ASCII nas pétalas, o primeiro no gênero nestas formações em Torino.
E ele codifica a famosa equação de Einstein, pelo que podemos visualizar nesta Flor de seis pétalas a figura do Sol (cujo número de ordem é 6 na Cabala) e a própria equação para explicar as transformações internas do Astro-Rei e das estrelas em geral. Cada pétala tem 13 círculos, de cada lado, na borda, e 13 é o arcano da morte-transformação. Cada pétala tem 13+13 = 26 círculos, o Número do Nome de Deus, IHVH. O Espírito Imortal.

E o total de círculos das seis bordas, se minha contagem estiver certa, é de 168 mais o círculo central, 169, que é o quadrado de 13… mensagem dupla do 13… morte e transformação do Sol para gerar luz e calor ao mundo… simbologia adequada para representar Cristo…O Sol da Igreja, o Cristo, o Grande coração ao redor do qual se reúne os 144 mil eleitos (simbologia comparativa). A equação de Einstein é, em termos de ciência, tudo o que o arcano 13 significa em termos de Cabala para a matéria e energia que vestem o espírito imortal do homem.

De repente, algum dia, entenderemos E=mc2 para explicar a transformação do espírito em Filho de Deus carregando seu corpo e seu coração como um sol particular, dentro de transformações reais de sua matéria e substância (carne e sangue) a semelhança da uva e trigo (trigo, crops circles) em vinho e pão, em fruto e espiga pelo poder solar… capazes realmente de gerar vida, luz, cura e graça para os seres dos mundos que lhe necessitam! Tudo porque este Filho transformado encarnou o VERBO DE DEUS na Garganta, este Verbo que transmite diretamente, e sem bloqueio algum, todo o Poder da Nota-Chave do coração, o trono de Deus no Homem, a Palavra Perdida, o Som do Universo que ecoa nele mesmo… e que agora ele não só escuta, como também propaga ao redor…!
O CÓDIGO TORINO 2010 E=MC2 (A EQUAÇÃO DE EINSTEIN)
Curiosamente:

69+61+77+67+94+50 = 418, soma 13!
Cada detalhe está bem pautado aqui!

 

TORINO, ITÁLIA, 20-06-2011
Na sequência, a mensagem continuada.. este modelo Heptagonal (7 ângulos) refere-se mais a Ser Humano Iniciado, transformado. Por isso, traz o nome da antiga divindade sumeriana em duas versões, Enki e Ea.
E apresenta sete códigos binários ASCII. Sete é o número de Deus, do Espírito, e da realização humana plena no Espírito, num processo de transformação e divinização do humano, que se chama INICIAÇÃO. Esta, portanto, é a Estrela da Iniciação (de Enki?)
A continuação da mensagem anterior, o Sol-coração passando por um misterioso processo de transformação interior, levantando o Filho de Deus no homem, conforme a mensagem de Jesus a Nicodemus *João 3.

Nas sete pétalas, a imagem de constelações do céu… estrelas, imagem simbólica da transformação do homem em Filho de Deus, já que estes, os Anjos, os espíritos do céu,eram retratados por estrelas na antiguidade. Estrelas em ordem no céu em sua marcha, Anjos,. estrelas caídas, Anjos rebeldes, precipitados em Terra, demônios.

 

***************O CÓDIGO TORINO 2011 ENKI EA

 

 

 

TORINO, ITÁLIA, 17-07-2012
O sistema solar interno, e uma órbita extra com 18 (9-9) linhas de meteoros em rota de ingresso no sistema solar interno. Um deles é destacado, e parece vir da direção da constelação de Câncer, onde um Segundo Sol foi retratado *Nêmesis.
No conjunto, o crop circle quer ilustrar que a aproximação de Nêmesis (na constelação de Câncer?) é que está causando o efeito do bilhar cósmico, e a revoada de meteoros em grande escala nos últimos anos. Um deles, me parece (aquele destacado) será de algum modo significativo, talvez com ameaça potencial.

CONFORME a sequência das mensagens anteriores, Sol, segundo Sol, massa e energia, calendário maia, transformações de impacto para a humanidade além de 2012, etc…

 

 

CÓDIGO TORINO 2012: SISTEMA SOLAR INTERNO, METEOROS SE PRECIPITANDO, REFERÊNCIAS AO PLANETA X E A ESTRELA COMPANHEIRA DO SOL, NÊMESIS, DESENCADEADORAS DOS PROCESSOS CATASTRÓFICOS DO FIM DO CICLO, CONFORME PREVIRAM OS MAIAS. CROP CIRCLE EXATAMENTE POSTO EM 2012, FIM DO CALENDÁRIO MAIA.
Apropriado o gancho desta nova mensagem em código… porque Cristo é retratado como o Sol…. o Segundo Sol que retorna… o retorno de Cristo é representado pela revelação deste Segundo Sol do sistema Solar ao mundo… por isso, essa mensagem 2012 em Torino… bem no ano em que o Calendário Maia fechou a conta da humanidade e o Grande Juízo se aproxima a partir deste dia.

Aliás, o padrão de posicionamento dos planetas Mercúrio, Vênus, Terra e Marte em relação ao Sol dentro do crop circle e o cinturão de asteróides depois da órbita de Marte, corresponde ao padrão de posição do céu no dia 21-12-2012. Ao lado, não creio seja a representação do planeta X, porque alguns estudos recentes demonstram que ele provavelmente está na região zodiacal de Peixes, na constelação de Cetus, ao sul do Equador Celeste…e sim, de algum cometa ou meteoro potencialmente perigoso para a Terra, mais a Estrela Companheira reconhecida (em Câncer)?

 

 

TORINO, ITÁLIA, 30-06-2013
Este crop circle apareceu numa região chamada CAVALLO GRIGIO (Cavalo Cinza), e traz uma IMAGEM DA ORDEM, Estrela da Ordem, como uma condecoração… com quatro letras em código binário: K D S H… ora, as letras do nome de Deus KADOSH, que significa SANTO, e aparece no Apocalipse 4 (4 letras) na invocação das quatro criaturas do Trono: Kadosh Kadosh Kadosh… Santo Santo Santo…

Ninguém soube interpretar este símbolo fantástico, dado o seu caráter iniciático secreto.

Porque a Estrela apareceu num dia 30, e num campo chamado CAVALO. Ora, o grau 30 da Maçonaria é este: Cavaleiro Kadosh, grau 30!

Esta é a Estrela de Condecoração do dito grau.

Seu símbolo é uma águia bicéfala com uma espada nas garras.
Cruz vermelha ao fundo, estilizada, quatro letras T justapostas (outro tetragrama de Nome).

Numa das bordas da estrela, vemos seis setas ou pequenos triângulos espalhados. E dentro da estrela, um lado com uma seta, e outro lado com duas setas, unidas. Pegando os números de setas, 1, 2, 6… temos os dígitos de 2016, o que nos leva para a revelação de um código final para toda essa série de crops circles destacados na Itália.

A Palavra ou nota-chave de um código partilhado, a mesma espada na garra, poder partilhado, palavra de poder partilhada, o código final.

Massa, energia, transformação do Sol interior, o coração, o Anjo de Deus na estrela.

O único sentido para se aparecer uma Estrela octogonal da Grande Ordem Iniciática dos Cavaleiros de Sirius (?) é o fato a estabelecer relação com o misterioso Ea-Enki anunciado em 2011, e destacado em outros crops circles também.

É como se este SER estivesse sendo acompanhado atentamente pelos ETs,como mais um raro Filho de Deus sendo levantado pela Iniciação legítima na Terra, talvez o último de sua casta e espécie, o último dos Iniciados antigos.

Outra relação: o símbolo se relaciona a Cavalo.

A mensagem de Torino 2015 fez referência indireta ao Cavalo de Tróia, além de exibir um Portal de ligação Sol-Sirius em seus códigos “implícitos”.

Todas essas mensagens estão encadeadas numa única mensagem.
Itália, onde fica a MATRIZ das Igrejas, o Vaticano.

Sirius, estrela onde fica a MATRIZ das Igrejas ou templos celestiais, onde se localiza a sede da Grande Ordem dos Espíritos da Fraternidade Branca.

E a estrela de Oito pontas é uma representação de SIRIUS!
Lembrando também que um dos denominadores da mensagem crop circle 2015 foi justamente o modelo siriano das estrelas de oito pontas… o chamado de Sirius, a Estrela de Belém, o Iniciado que se levanta em Terra e precisa ser apresentado no Templo, no OITAVO DIA de vida iniciática, para o ritual da circuncisão espiritual, que significa a remoção de todo e qualquer vestígio de animalidade no corpo, para transformá-lo em templo dedicado tão somente ao espírito, e não mais aos apetites da carne e desejos dos instintos… mistérios profundos…. corrente de mistérios preservada no tempo… o que é eterno nunca pode ser apagado pelo que é moderno…
Se em 2013, era o Grau 30… 2014, 31… 2015, 32… e finalmente 2016, 33! O fechamento do processo e o código final!

 

 

O CÓDIGO TORINO 2013, QUATRO LETRAS DENTRO DA ESTRELA DA ORDEM (KDSH).


REFERÊNCIA AO GRAU 30 DA MAÇONARIA, E AO NOME KADOSH DE DEUS: SANTO, AQUELE QUE APARECE NO APOCALIPSE, LOUVADO PELOS QUATRO ANIMAIS DO TRONO:

SANTO SANTO SANTO O SENHOR DEUS ONIPOTENTE, O QUE ERA, O QUE É, O QUE HÁ DE VIR.

 

 

TORINO ITALIA , 20-06-2014
Embora um crop maker  chamado FRANCESCO GRASSI e sua turma  tenha pleiteado direitos autorais sobre este crop circle, podendo inclusive tentar forjar provas e confundir, lá na Itália, a exposição do Novo e esperado crop circle de TORINO 2016, temos neste um legítimo crop circle que expande o significado essencial de vários pictogramas emitidos na Inglaterra desde o ano de 1990.
(As provas e argumentos por eles apresentados não me convenceram, quero ver eles fazerem os objetos anunciando-os ANTES e não depois que aparecem: qual Alien virá cobrar direitos autorais?)

Um sistema duplo, que pode representar, essencialmente, a ligação Terra-Vênus, ou o próprio sistema binário do nosso sistema solar, duas estrelas repartindo o mesmo centro orbital de gravidade.

No círculo menor, existe a representação do Sol e alguns anéis. Três anéis, três órbitas, Mercúrio, Vênus, Terra. Então, este círculo com três anéis, deste canto, representa o Sol e o sistema solar interno até o campo de ação do planeta Terra.

Dele sai um símbolo em forma de garfo, letra F. E que em alguns outros modelos, semelha-se a uma CHAVE. Ele se conecta a um círculo maior, com anel interno e anel externo com códigos binários, divisão octogonal. O Eixo de ligação é tríplice, constando de sete círculos no centro, e duas barras laterais de três círculos cada, formato 3-7-3. Soma total 13, arcano da transformação. O sistema revela uma troca de energias entre os dois objetos, dois planetas, Terra-Vênus, ou simplesmente entre uma NAVE específica e a órbita terrestre de suas visitações.

Este modelo repete alguns elementos do crop circle anterior, Cavallo Grigio, 2013. Lembra também um OLHO-PORTAL, já que, na simbologia antiga, OLHO assumia o valor simbólico de PORTA DA LUZ… é a porta orgânica do nosso corpo por onde entra a luz exterior.
As feições do código das mensagens acumuladas aparece: eixo com 13 círculos, arcano 13, transformações no espaço-tempo que permitem a formação de PORTAIS e a viagem do sistema solar ao sistema SIRIO pelas naves?
Houve um crop circle em 2015 com essa idéia.
Lua e estrela, e estavam colocadas dentro de um círculo com treze barras: a imagem do PORTAL DO TEMPO, ARCANO 13, ESPAÇO TRANSFORMADO, WORMHOLES, Quarta Dimensão, 1+3 = 4., tudo isso e algo mais.

Por isso, Einstein em 2010 e tantos alinhamentos numéricos em torno de 13 naquela formação em código de Torino, e por isso, esses crops circles com estrelas, octógonos, transformações, códigos, senhas.

Tudo ficou reforçado em TORINO 2015.
E agora, os modelos 2016 já falam em símbolos de vórtices.

 

 

 

O CÓDIGO TORINO 2014: EXPANSÃO DOS MOTIVOS PICTOGRAMAS DESDE 1990. A CONEXÃO ENTRE OS MUNDOS, ENTRE VÊNUS-TERRA. RUNAS REPETIDAS. O OLHO DE DEUS. SENTIDO DE PORTAL.
Num sentido mais elevado e apurado, pode estar revelando uma conexão cósmica ainda mais profunda, a estabelecida entre o Sol e a nossa Terra com o sistema solar de SIRIUS. Porque o círculo maior tem divisão octogonal, Oito, a Estrela.
Parte importante do código fala justamente do destaque dado a essa estrela no nosso universo galáctico, como se confirmando que ela seja mesmo uma SEDE ESTELAR DAS ORDENS EXTRATERRESTRES.
E o modelo aí representaria o eixo de portais, wormholes e atalhos no espaço-tempo de escape das naves, transitando livremente entre Sírius e o nosso sistema solar, e vice-versa, e entre outras estrelas e rincões do universo.

Sirius sempre foi uma estrela muito sinalizada na antiguidade, pelos egípcios, pelos Dogons, por muitos povos.

Outro gancho aqui é a menção de Einstein e sua famosa equação no primeiro crop circle codificado de TORINO, em 2010, justamente para celebrar a lembrança das teorias da Relatividade Geral, espaço curvo e atalhos (Buracos de Minhoca) usados no trânsito das naves entre enormes distâncias como esta. Elas explicam o mistério das auto-estradas entre o nosso Sol e Sirius… ou seriam UFO ESTRADAS?

Obtive duas linhas de código:
1) J 4 + 1 ^J 4 ^J 6
e
2) R m P – Q ^M T –

(8 caracteres, em dois sentidos de leitura, horário e anti-horário).
e trocando números por letras (hebraicas)

Estou guardando estes códigos e o que interpretei deles ainda a espera de outras expansões, para tentar fechar um código final.

Observando o símbolo central, de conexão entre os dois campos de sistemas, evoco uma aparição recente no céu do México, em 18 de Abril de 2016.

Uma flotilha sinalizando um símbolo…como uma letra E deitada ou simplesmente o símbolo de Netuno, o tridente… México, cenário de muitas manifestações ufológicas importantes, dada a carga cultural forte daquele país ligada a sua própria identidade ancestral… em miúdos, o retorno de Quetzalcoatl… que é uma temática muito recorrente na exposição do fenômeno crop circle.

Me pareceu que são 10 UFOs compondo o símbolo, e que lembra uma mão estilizada. Mão, em hebraico, Iad, valor simbólico do número 10 (10 dedos).

Mas há outros símbolos envolvidos. Aliás, é muito comum perceber flotilhas sinalizando assim.

Temos aí o famoso tridente, símbolo das antigas divindades (Posseidon, Shiva).

Ele compõe a letra grega PSI, símbolo da alma e, por extensão, da Psicologia.

Temos aí a letra hebraica Shin, a de número 21 naquele alfabeto.
Desde 1990, numerosos pictogramas mostram, nos campos de cultivo, precisamente este símbolo, as vezes associado a outros.
Em alguns modelos, representa um sistema gravitacional tríplice… como Sirius, aliás, nome que começa com a letra Shin (som de S). Sótis era seu nome egípcio, Sirius é grego.

Shin, com 10 UFOs (I = 10).: SI, Sirius.
Shin, Psi, Si, Shadai, Nome que significa PODEROSO, um dos atributos de D’eus.

Trata-se de um simbolo vasto demais, antigo demais e arraigado demais para não chamar muito a atenção nesta nova sinalização ufológica no México.

E como em muitas outras aparições do tipo, apagam-se lentamente, cientes de que o SINAL foi captado por alguém lá embaixo, dando a clara idéia de que era isso o que queriam, ou seja, enviar o sinal aos humanos.
Acho simplista dizer que são balões, sinalizadores ou fake… essa análise superficial não resiste a uma análise mais profunda e conectada muito satisfatoriamente com outros elementos do universo ufológico e sinalização extraterrestre, antiga e moderna.

1. letra PSI (grega)
2. letra Shin/Sin (hebraica)
3. Pictograma de 12-6-1999, o maior que já apareceu neste estilo (foto/detalhe).

Ps: curiosidade credível ou não, aquela tal mensagem gravada das décadas passadas em que uma entidade que se dizia líder da frota estelar se pronunciava aos governos da Terra, chamava o nosso planeta de SHAN, nome que começa com Shin, a letra que apareceu no céu.

Lugares míticos da Terra, como Shamballa e Shangri-lá, tem a mesma letra inicial.

Shalom = PAZ.
É que a comunicação extraterrestre é essencialmente simbólica, haja visto os crops circles, que nunca fizeram exposição direta, mas sempre simbólica, com a necessidade de interpretação.

Aí voce regride no tempo, na origem das culturas,das ciências, dos alfabetos, dos símbolos,e se depara com o maravilhoso Idioma da Sabedoria ancestral, chamado Arquétipos… é assim que os seres divinos se comunicam.

Parou pra pensar como é eficiente e rápida a comunicação via números, via símbolos, via signos?

Parou também para pensar como a questão das centenas de idiomas e dialetos neste mundo são uma forma absurdamente PRIMITIVA de comunicação?

Sempre vou insistir, estamos lidando com a realidade ET, e não com a humana.

Nossa mania é sempre fazer projeções para eles com base nos nossos modelos, e sempre caímos em erro. Temos que tentar imaginar pura e simplesmente a base deles, e os registros do passado nos dão uma pista.

Porque eles não modificaram isso, até os dias de hoje.

Eis a vantagem do Idioma Universal, não precisa ser modificado e corrigido, dada a sua extrema simplicidade e eficiência.

 

TORINO, ITÁLIA, 23-06-2015
Este foi, até o presente, o código mais complexo da série TORINO. A primeira vista, em código binário simples ASCII, apresenta três palavras:
timeo ET ferentes!
(16 caracteres, incluindo o sinal de exclamação).
E faz relação com o poema de Virgílio e o famoso episódio do Cavalo de Tróia, presente de grego, ameaça de presentes extraterrestres, até como alertou a mensagem de Crabwood 2002: CUIDADO COM OS PORTADORES DE FALSOS PRESENTES E PROMESSAS QUEBRADAS… também em código binário, isso há 13 anos.

Mas este crop circle é muito mais complexo e, aparecendo misteriosamente no meio do aeroporto de Torino, sugere relação com viagens espaciais, embarques, resgate….

O disco tem 16 pétalas, é o símbolo do SOL, e não somente isso, representa, na cabala hebraica, o OLHO DE DEUS, relacionado a letra-arcano 16, chamado HwIN, o Olho, e retratado por uma Torre, ou acesso ao mundo espiritual, como as pirâmides.

HwISh
HwIN

Basta substituir a letra final da palavra OLHO (HwIN), o N por Sh, e temos HISh, o nome hebraico da estrela SIRIUS!

HwISh vale 380, o código 3-8 da sinalização estelar, e a soma das medidas da Arca de Noé (300+50+30), e HwIN OLHO vale 130, o mesmo valor de SLM, escada…e o mesmo valor de SINI, nome do Monte de Deus, SINAI…a Escada de Jacó… a Pirâmide… a Torre de Deus…a Montanha Sagrada, sistemas de acesso aos mundos espirituais por meio de PORTAIS DIMENSIONAIS, os mesmos pelos quais UFOs viajam!

Um misterioso código de triângulos aparece dentro do crop circle, em dois anéis internos. Temos triângulos voltados para dentro do circulo e para fora, e podemos imaginar, no conjunto de simbolos, a representação de UFOS TRIANGULARES que entram e saem pelo Portal interno do Sol, indo e vindo de SIRIUS, a capital extraterrestre da nossa Galáxia, e de outros pontos do espaço sideral.

Recombinações do código TIMEO ET FERENTES mostram essas possibilidades e a chamada de um contato efetivo.
Muitos crops circles mostram esse padrão UFO TRIANGULARES ENTRANDO EM PORTAIS. Abaixo, alguns modelos.
ferentes timeo ET:

1) feet men! Is time of (ET)
Pés, homens! (Corram, homens) é tempo (dos ETs)
2) If seen, meet ET Tor!
(se compreendeu, encontre o ET TOR!)
3) existem quatro letras em repetição no código, na direção dos triângulos assinalados nos dois anéis internos:
E t m e.

Podemos escrever:
a) Me ET (Eu ET)
b) Meet (Conheça-me ou Encontre-me)
Há muitos códigos paralelos, complexos, mas estes são os principais.

Sugerem todos eles não um simples contato somente, mas um verdadeiro chamado de Sirius e talvez incluindo uma viagem em UFO através de portais e dimensões.

E o padrão de outros crops circles se repete: Sol central, primeiro anel (Mercúrio/órbita), segundo anel (Vênus/órbita) e as naves triangulares transitando, indo e vindo por estas órbitas, e círculo de pétalas, 16 pétalas, a órbita da Terra, o limiar do contato, onde o código fora escrito.

 

 

O CÓDIGO TORINO 2015: TIMEO ET FERENTES. PALAVRAS LATINAS: DEVEMOS TEMER OS PRESENTES DOS ETs.
NO MEIO DO AEROPORTO DE TORINO, UMA ADVERTÊNCIA.
Os antigos determinaram que o Arcano 16 era a Torre, a Casa de Deus, ou a ponte entre o céu e a Terra, como as pirâmides. Como a Torre de Babel, símbolo de uma tecnologia antiga que visava alcançar as estrelas pelos atalhos dimensionais.
Coisa do nível de tecnologia extraterrestre somente.

Então, fotos do Projeto Filadélfia dão a entender porque os antigos fizeram relação entre PORTAIS dimensionais e O OLHO DE DEUS. Porque eles realmente se parecem com OLHOS!

E colocaram o termo HwIN OLHO no arcano 16.

O Sol era retratado na antiguidade com 16 raios, em várias culturas. Porque sempre foi o OLHO DE DEUS… porque SEMPRE FOI UM PORTAL PARA OUTRAS DIMENSÕES, ATALHO PARA AS ESTRELAS DISTANTES…. corredor de UFOs…!
UFO-ESTRADAS!

 

 

A ESPERA DO CÓDIGO TORINO 2016, CÓDIGO RESOLUTIVO NA MENSAGEM PARA A IGREJA (TORINO, ITÁLIA, VATICANO, REFERÊNCIA INDIRETA A IGREJA DO APOCALIPSE, 1260 DIAS E A CONTA FECHANDO EM 2016 (2012+1260 DIAS = 3 DE JUNHO DE 2016 – HOJE).

 

 

Relação quase direta entre os crops circles seriais de Turim (Torino) e o fato de o SANTO SUDÁRIO se encontrar atualmente na Catedral de Turim? No contexto plenamente cabível das mensagens anteriores analisadas?


Sol-Cristo, Morte, Ressurreição, transformação, o Segundo Sol que retorna… etc.


Aliás,em 2010,quando apareceu o primeiro crop circle com códigos em Turim, apareceu também, na Inglaterra, o crop circle duplo da Face de Cristo que foi comparado… ao rosto do Sudário!

 

(E em 2016, Torino não falou nos campos… subentendida a mensagem, então, decodificada. Chegando a hora da Igreja arrebatada pelos venusianos em 1260 dias)…

 

************************************************************

Comentários