Templates by BIGtheme NET

A Espiritualidade comercial

 

 

 

 

Você sabe o que é a espiritualidade comercial?

Trata-se da mais fantástica e generalizada distorção materialista do sentido das antigas religiões e doutrinas, tomadas como negativas, manipuladoras, etc etc, vertendo uma retórica absurdamente superficial e leviana, julgando que o caminho da legítima espiritualidade, feito de sacrifícios e auto-exploração, possa ser conduzido com a barriga …

A regra básica da espiritualidade comercial é:

Aprenda a dizer não a dolorosa verdade dos fatos, mas o adocicado discurso que as pessoas querem ouvir.

Vou começar fazendo uma comparação entre a espiritualidade comercial e a espiritualidade legítima.

Uma pessoa bastante gorda (obesa) diante de duas opiniões:

1. Médica
2. Espiritualista comercial

O espiritualista comercial diz ao gordo/a:

você tem que se aceitar, olhar no espelho, se sentir linda, poderosa, incrível, mesmo sendo gordo, se aceitar, se amar, vibrar positivo, pensar luz, assumir sua gordice sem preconceitos, etc etc… e bla bla bla…

Essa seria a cartilha da espiritualidade comercial.

O médico diz ao gordo/a:

você tem que emagrecer urgentemente, caso contrário, você desenvolverá muitas doenças, sofrerá bastante e poderá até morrer. Não tem opção aqui: é emagrecer ou emagrecer. Não digo isso para lhe ofender, mas para salvar sua vida…

O espiritualista comercial, como sabemos, diz o que as pessoas querem ouvir, e por isso, atrai simpatizantes e muito dinheiro. Nos seus discursos extremamente superficiais, o mal não existe, Deus é amor, tudo é luz, é só se “aceitar” e tudo fica lindo por efeito. Não existe ego dentro de ninguém, você é filho de Deus, vai para o céu assim que morrer, que todo mundo evolui na espiral de luz, que não é necessário sacrifício nenhum, é só entrar na luz, aceitar Jesus, etc etc, fazendo vistas grossas ao grande inimigo do homem que está escondido dentro dele mesmo e que filosofia barata alguma mudará, apenas esconderá mais para dentro de seu subconsciente inexplorado…

No mais, cegos guiando cegos e todos rumando para o abismo.

Igrejas evangélicas já entraram também no esquema da espiritualidade comercial, declarando aos fiéis que o céu deles está garantido só pela aceitação do Nome de Jesus nas suas vidas, a preço de bons dízimos para os pastores…

Não me espanta, portanto, a carreira tão difícil dos profetas da antiguidade e do próprio Cristo, todos odiados e perseguidos pelo povo que, não suportando ouvir a dolorosa verdade aguilhoando a culpa em suas consciências, preferiram inventar crenças de auto-consolo, nomeando mestres para si que endossassem todo esse discurso vazio.

Esses mensageiros da Luz que nunca se auto-promoviam, nunca cobravam pelos seus ensinamentos e nunca criavam uma falsa imagem para idolatria geral. Tão diferentes da linha comercial de gurus auto-declarados no nosso tempo.

A grande verdade da espiritualidade legítima é:

A menos que alguém reconheça todos os seus defeitos e os elimine de sua natureza originalmente pura e sagrada, é que poderá começar a viver em comunhão com Deus. Ninguém pode se declarar saudável se possui infecções e doenças.
O primeiro passo da iluminação real é detectar todos os focos de infecção moral e doença espiritual do EGO, e seguir eliminando tudo isso. Só assim, a luz brilhará por dentro e por fora, e a saúde espiritual acontecerá.

Jesus disse que veio para os doentes da alma, e não para os saudáveis.

A humanidade está, toda ela, doente da alma. Mas enquanto fugir da verdade e tentar esconder de si mesma o inimigo que mora dentro, viverá de crença em crença até a morte sem obter as respostas desejadas.
E também não vai para o céu.

E todos esses modernos guros seguirão posando de iluminados, enquanto colocam todas as suas sujeiras para debaixo do tapete…. como se Deus não visse nada disso.
Trapaceiros espirituais existem aos montes.

Não se trata de negar a luz interior, mas sim, de abordá-la de forma mais madura, consciente e profunda.

E não fazer dela um slogan e um mercado de venda e consumo de auto-imagem.

Quanto mais imperfeito alguém se considere, mais a sua consciência está atenta e madura em sua realidade interior, fazendo da humildade a sua conduta, mas quanto mais iluminado e perfeito alguém se declare, mais a sua consciência está cega pelo orgulho e doente, totalmente negligente nas estradas do auto-conhecimento, querendo esconder de si mesma a situação real das coisas…

Os espiritualistas comerciais e suas filosofias baratas acham que subir ao céu é como amarrar o corpo em balões coloridos.

Mas os espiritualistas que seguem a verdade nunca deixaram de entender que…

 

“Entrai pela porta estreita; porque larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela; e porque estreita é a porta, e apertado o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem”
Mateus 7:13,14

Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências;
E desviarão os ouvidos da verdade, voltando às fábulas.
2 Timóteo 4:3,4

 

JP em 25.11.2019

Comentários