Um labirinto no milharal dos USA

Um labirinto formado em um milharal se tornou atração turística no pequeno vilarejo de Malta, no interior de Illinois, Estados Unidos.

Os administradores da fazenda Jonamac Orchard cortam a plantação para fazer um labirinto anualmente há 21 anos. Desta vez, eles fizeram um mapa para ajudar os visitantes a se divertirem enquanto tentam achar a saída do milharal.

A atração se tornou uma forma de se divertir nesta pandemia de novo coronavírus: é um espaço aberto onde o visitante e sua família conseguem tomar distanciamento dos demais participantes da brincadeira.

Em entrevista à emissora NBC, a visitante Katie Newberg contou a experiência: “Estamos tentando encontrar quantas atividades forem possíveis para sentir que estamos em um outono normal”.

Além do milharal, a fazenda oferece outros passeios, como uma caminhada na plantação de abóboras ou uma colheita de maçãs. Há também um pequeno zoológico de animais do campo.

NBC
*********************************************************************

Vale como passatempo e diversão?
Tudo bem.


Contudo, há pelos 3 décadas, as inteligências alienígenas enviam mensagens totalmente coerentes e interpretáveis nos campos de cultivo do mundo inteiro e ninguém leva a sério.
Nenhuma mídia, jornal ou agência séria se prestou a explorar e acompanhar o caso com mais atenção e cuidado, e quando aparecem, é para debochar e desacreditar o fenômeno real.

E por outro lado, esse tipo de distração social e diversão cultural ganhando destaque.

Sem contar que esse modismo lançado pelos crops circles e que leva muitos humanos a brincarem de desenhar em suas plantações, ajuda a desacreditar ainda mais o fenômeno real, reforçando aquele coro que, mesmo sem conhecimento de causa, insiste em dizer que todos, todos os crops circles, são obra humana, sem exceção, menosprezando o valor do evento extraterrestre genuíno…


O mundo é deles, afinal… dos cegos por opção.

JP em 24.10.2020

Comentários
Compartilhar