Reflexões do Messias 4

 

 

 

A VERDADEIRA ESCRAVIDÃO
A VERDADEIRA LIBERTAÇÃO

Os hebreus eram escravos no Egito, e pediram um salvador, e Deus lhes enviou Moisés. Os judeus foram escravos em Babilônia e do mesmo modo pediram um salvador, e Deus lhes enviou o rei Ciro. Por fim, os judeus caíram escravos dos romanos e pediram por um Salvador, e Deus lhes enviou Jesus. Mas, diferente dos outros salvadores, Jesus ensinou: de nada vos adiantará que eu vos liberte de Roma se eu não puder vos libertar de vós mesmos, de vosso ego pecador, a real escravidão. Porque, mesmo se eu vos libertar de Roma, seguindo vós na escravidão do pecado, continuareis a cair escravos nas mãos de outros homens, porque está escrito: AQUELE QUE NÃO OBEDECE AS LEIS DE DEUS SE TORNA ESCRAVO DAS LEIS DOS HOMENS.

Portanto, que cada um NEGUE A SI MESMO, CARREGUE A SUA CRUZ E ME SIGA. Este é O CAMINHO, A VERDADE E A VIDA.

A única liberdade que existe é a liberdade do EGO que faz o homem pecar e perder a Graça do Pai Divino. Cair na escravidão dos poderosos deste mundo, que são o reflexo do poder de Satanás, é apenas consequência de tudo isso.
Por essa razão, os judeus não aceitaram o caráter messiânico de Jesus.

Preferiram receber um messias ou esperar por um messias mais ao estilo BARRABÁS, que os libertasse pela espada dos romanos e escondesse debaixo do tapete todas as suas transgressões contra a Lei de Deus, o que justificava de forma direta o jugo romano por castigo. Isso é nítido e transparente nas Escrituras.

Atualmente, toda a humanidade é escrava daquele sistema chamado NOVA ORDEM MUNDIAL, regido por aquele deus caído que Jesus chamou de Príncipe deste Mundo, cujo objetivo é triplice: ele dá poder, ele dá fama e ele dá riquezas aos seus seguidores. Viver a margem dele e do sistema que ele criou é viver sem fama, impotente e pobre diante das expectativas desse mundo, que o apóstolo João, no Apocalipse, comparou a Babilônia prostituída, e generalizou, na figura da Primeira Besta, aos governos e poderes políticos do mundo corrompidos, e na figura da Segunda Besta, aos sistemas religiosos e poderes sacerdotais de TODAS AS RELIGIÕES (eu disse TODAS).

Curiosamente, aquelas riquezas e glórias mundanas que Satanás ofereceu a Cristo no deserto, e ele as teria se, prostrado, adorasse o anjo caído, as quais Cristo repeliu com veemência… são as mesmas coisas que muitas religiões pervertidas ensinam o homem a buscar usando o PODER E O NOME DE DEUS!

E as pessoas, infelizmente (a maioria delas) continua evocando as religiões ainda hoje não para mudar seus erros e obedecer a Lei de Deus, e sim para buscar milagres, curas, salvação da alma e a tão badalada PROSPERIDADE MATERIAL.

Ou seja, pouca coisa mudou.
Quem é que se apresenta diante da Cruz de Cristo não somente para pedir, pedir e pedir, mas também para agradecer, agradecer e agradecer e, mais raramente ainda, oferecer a vida em sacrifício para a Causa e o Nome de Cristo na Terra?

Muito poucos entenderam a sentença de salvação dada pelo Mestre:

“Se alguém deseja seguir-me, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz e venha após mim. 35Quem quiser, pois, salvar a sua vida perdê-la-á; mas quem perder a sua vida por minha causa e pelo Evangelho salva-la-á! 36Portanto, de que adianta uma pessoa ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma? …”
Marcos 8: 35-36

Todo mundo quer sair ganhando na vida.
Perder… renunciar… se sacrificar… é a única forma que Deus tem para medir o tamanho do amor verdadeiro que existe em nosso coração. Este amor verdadeiro dentro do nosso coração é o real fator de salvação, porque ainda que Cristo volte e seja crucificado novamente, se não decidirmos de vez eliminar esse terrível ego egoísta e pecador, a causa direta de todos os nossos sofrimentos e escravidões, tudo será em vão.

Atirar o velho homem na cruz para que o novo homem possa nascer é tudo isso.

Não houve, em toda a história da Cristandade, um único homem ou mulher de Deus que não tenha sido MÁRTIR e testado a ferro e fogo, sacrifício e renúncia, em toda a sua vida. Não há outra maneira de desegoistizar o coração e cristificar a alma. Se padre, pastor ou guru te ensinar diferente, rejeite tal doutrina.
É falsa.
O SACRIFÍCIO É O TERMÔMETRO MEDIDOR DO AMOR VERDADEIRO.
Quem ama, se sacrifica.
Quem ama Cristo, se sacrifica pelos semelhantes.
Dá até a vida, se isso for necessário.
E quem dá a vida em nome do amor, se liberta na hora de toda e qualquer escravidão, e os portais do céu se abrem em luz e trombetas para receber mais um Filho de Deus renascido em Terra pelas provas do amor.
Salvar a si mesmo…. pelo poder do amor redentor do coração, seguindo o exemplo do Mestre… isso é ser cristão, e não decorar a Bíblia inteira mas seguir com ruindade, egoísmo, fanatismo e desejo egoísta de salvação da própria alma enquanto o resto da humanidade arde no fogo do sofrimento.

Religião sem doação é morta, porque o sacrifício é o agente do milagre.
Fé sem obras é morta, porque as obras é que oferecem mérito ao poder da fé.
Conhecimento das Leis de Deus sem ação prática é farisaísmo, que fecha ainda mais a porta do céu.
Amor a Deus sem relação de amor com o próximo é amor falso, é crença, é fanatismo, nem amor é.
Amor sem sacrifício não é amor. É nada.
O sacrifício é que permite que a flor do amor se converta em frutos de realizações, seja pela fé, seja pelo milagre.
O coração que tem amor é chamado ao sacrifício todos os dias de sua vida.
Essa é a longa e lenta terapia que Deus aplica aos filhos que Ele deseja curar e salvar… curar do ego, e salvar de si mesmos.
O ego egoísta, egocêntrico e de raiz maligna é o que nos condena em todas as situações. Porque o ego é incapaz de amar, e mais ainda, o ego é incapaz de se sacrificar.

O primeiro sinal de que o EGO está morrendo no coração é quando a nossa alma começa a ter mais desejos em dar do que receber. É quando a nossa alma se sente mais preenchida não quando tira proveito de algo, mas quando ajuda alguém. O Ego é o Câncer da alma. O amor é o seu único remédio, mas o catéter que introduz este remédio na alma é o SACRIFÍCIO, É A DOAÇÃO, É A RENÚNCIA.

Líderes que se deturparam a religião e usam o nome de Deus para progredir materialmente ou engordar ainda mais o ego das pessoas falam em nome de outro deus caído.
E eles existem em toda a parte, e em todas as religiões aquele deus caído já se infiltrou para confundir os caminhos do coração.

Mas a minha mensagem de Natal é esta:
Ame, mas ame com todo o seu coração, e esse amor é que se tornará canal daquele Espírito de Deus que abre o entendimento da Sua Lei e coloca os nossos pés na trilha santa e na senda correta, aquela que é feita da Verdade e da Vida do coração de Cristo.

Portanto, tudo não só no Natal mas de modo geral, nas religiões, cristãs e não-cristãs, soará falso, hipócrita e farisaista sem o espírito do amor aplicado no serviço, no sacrifício. Será tudo cena teatral, será tudo crença cega, alegoria mecânica, sem valor interior. Será tudo vazio do espírito de Deus ainda que recheado de pompa e circunstância.

Porque libertar a si mesmo do EGO é a única forma de se libertar da opressão de todos os males externos e alcançar a Paz e a Felicidade na Comunhão com o Deus Eterno, Infinito e Todo Amor e Perfeição!

O ser humano jamais manifestará o amor em seu coração enquanto o ego continuar a ser o rei e o guia de sua vida.

Será tudo na teoria e da boca pra fora… e quando aparecer o sofrimento e a oportunidade do sacrifício, tudo o que ouviremos da boca do ego serão lamúrias e lamentos, blasfêmias e revoltas, e pedidos incessantes para afastar o cálice purificador da penitência de nossas vidas.

“ORE SEMPRE NÃO POR FARDOS MAIS LEVES
E SIM, POR OMBROS MAIS FORTES!”

SANTO AGOSTINHO

 

SEXTA FEIRA NEGRA

Pois é, por todo o planeta, outra página de uma cultura negra ganha força, arrastando o materialismo e a cobiça no coração de bilhões de almas.
Será por acaso que o COMÉRCIO lançou essa febre do consumismo justamente numa SEXTA FEIRA, o dia mais sagrado da Semana, porque antecede o santo Shabat de Deus, ou repouso do espírito diante das coisas materiais?

Negra? Acaso aquela Sexta Feira em Jerusalém não celebrou todo o negrume da maldade humana, à nona hora de 33 dC?

Lamentável olhar nos jornais da TV e pelas ruas as pessoas se comportando como manadas enfurecidas, tudo para economizar alguns trocados.
Sei disso, em tempos de vacas magras, toda economia conta, mas será que o mesmo sacrifício para se comprar uma bolsa ou um novo aparelho celular aquela multidão faria em nome de outras aquisições, no caso, espirituais, caridosas e tudo mais?

E quem não conhece a fama da Sexta Feira em todo mundo?
Depois de uma semana cansativa de trabalho, muitos preparam sua Sexta Feira como escape de todos os desejos desenfreados… se fosse só para descansar, nada mais justo, porque o Sábado foi colocado como PAUSA dos trabalhos pelo próprio Criador… mas não… a Sexta Feira se tornou o altar que celebra em muitas casas e almas toda bebedeira, toda farra, toda luxúria, toda balada desenfreada, todo animal desatado quando o humano o solta da jaula comportada da semana… não julguem que esse rito do prazer tenha sido inventado POR ACASO na virada da Sexta para o Sábado.
Saibam de QUEM É O DEDO em todas essas invenções que contrariam de forma direta a Lei Sagrada da Vida… É só trocar as letras de SANAT que a resposta aparece… afinal, ele sempre foi o Inimigo e Opositor de Sanat, o sagrado de Vênus, cujo dia da Semana, por ele regido, vejam vocês…É SEXTA-FEIRA!

Mas eu tenho esperança que a nossa Sexta Feira volte a ser branca… que a nossa semana volte a pintar com as cores naturais do Arco-Íris as flores sem vida sobre os campos sem vida… e que os meses e os anos que correm tão difíceis nos rios de asfalto da letargia urbana nos levem para aquele tempo que não passa sobre a relva dos Campos Elíseos, cujos gramados virginais esperam pés limpos e corações puros para serem tocados novamente… pela esperança que renasce no peito!

Aí tem grande valor a Esperança!

Esse é o ato supremo dos heróis da fé: celebrar alegrias enquanto sua alma é esmagada no moinho da corrupção em larga escala. Ser feliz no Inferno com a promessa do paraíso no coração… qual Cristo, sorrindo nos últimos instantes de sua cruz porque, ao entregar o Espírito ao Pai, ele pôde finalmente ver o alcance dos milagres que sua Cruz realizaria no futuro… sem essa esperança, ninguém suportaria tamanha cruz. Nem mesmo Ele.

 

JP em 24.09.2019

 

 

O Segundo Templo de Jerusalém e a chegada do Anticristo

A todo vapor os preparativos para a edificação do Segundo Templo, e se os judeus estão acelerados nesse propósito, é porque, VOCÊ PODE TER CERTEZA, os rabinos de Israel JÁ TEM UM NOME PARA “MESSIAS”… e que certamente não é e nunca será Jesus Cristo, até porque um dos rabinos mais proeminentes daquela nação declarou recentemente, em alto e bom tom, para o mundo inteiro:

EU PREFIRO MORRER DO QUE ACEITAR JESUS CRISTO COMO MESSIAS!

Pois é…

Veja o vídeo e entenda a primeira profecia a ser cumprida de forma clara e imediata em breve.

Este sinal se somando a tantos outros sinais do fim, e de que o Apocalipse sempre esteve certo, só esperando a hora certa de acontecer… anotem nas suas agendas: os sete anos finais que cobrem os principais eventos do Apocalipse começaram em 14 de Maio de 2018, quando Israel completou 70 anos (a geração da Figueira).

E desde então, estou contemplando com precisão uma série de eventos confirmando TUDO.
Até a vaca vermelha já foi separada.

E enquanto isso, a publicidade do Segundo Templo em Israel está a todo vapor…. e quando ele for terminado, muitas nações e lideranças serão convidadas para tomar parte da cerimônia de posse do Novo Messias… e eu rezando aqui para que o BRASIL não tome parte disso.

Mas que seja a Vontade de Deus conforme o que tem de ser….

Em 2Tessalonicenses 2,3-4

“Porque primeiro deve vir a apostasia, e deve manifestar-se o homem da iniqüidade, o filho da perdição, o adversário, aquele que se levanta contra tudo o que é divino e sagrado, a ponto de tomar lugar no templo de Deus, e apresentar-se como se fosse Deus.”

 

JP em 26.10.2019

 

 

 

 

 

A Estrela que cai e abre a prisão dos condenados…

O Apocalipse 9 declara que “uma estrela cairia do céu na Terra” e o Quinto Anjo receberia a chave para abrir o abismo e libertar de lá de dentro, das masmorras do Inferno, o grande Abadon, líder supremo dos demônios, e junto com ele, as suas legiões, para atormentar a humanidade…

E eu me pergunto: até que ponto não estamos vendo no Brasil e no mundo a inversão dos valores chegando a mover o braço da própria Justiça dos homens para soltar da cadeia uma legião de canalhas?

E até uma estrela vermelha o Abadon brasileiro usa como símbolo… entendedores entenderão.

Uma coisa é certa: o Apocalipse está tomando forma diante do mundo em cada detalhe.
Nas simbologias antigas, Anjos e seres divinos eram representandos por estrelas brilhando no céu, mas tiranos, déspotas e os inimigos da humanidade, como Lúcifer, eram representados por estrelas caindo do céu.

Estamos realmente tendo a clara sensação de que o Grande Inimigo da Humanidade está dando força para que as leis dos homens facilitem as coisas para os malfeitores e as ideologias invertidas.

Quem viver… e sobreviver…verá!
Já está vendo!

E que outra citação do mesmo Apocalipse, relacionada ao mesmo Quinto Anjo, que tocou sua trombeta e fez cair a estrela que abriu as masmorras do Inferno, sirva de consolo a todas as almas que sofrem diante desse estado de mundo entregue a total injustiça e corrupção, achando que o Mal vai vencer:

E, havendo aberto o quinto selo, vi debaixo do altar as almas dos que foram mortos por amor da palavra de Deus e por amor do testemunho que deram.
E clamavam com grande voz, dizendo: Até quando, ó verdadeiro e santo Dominador, não julgas e vingas o nosso sangue dos que habitam sobre a terra?
E foram dadas a cada um compridas vestes brancas e foi-lhes dito que repousassem ainda um pouco de tempo, até que também se completasse o número de seus conservos e seus irmãos, que haviam de ser mortos como eles foram.

Apocalipse 6:9-11

Deus só está esperando seus outros Filhos se apresentarem para começar a aplicar severa Justiça sobre a Terra.

Fé… Deus está no controle.
Sempre esteve.
E tudo tem o seu motivo e razão de ser.
Confiar na Providência Divina, sem protestar com a nossa razão limitada e impaciente, é tudo o que precisamos fazer agora.

Afinal, uma ferida infeccionada só pode ser curada quando é totalmente expurgada de suas podridões.
Deus está espremendo todas as feridas do mundo, expurgando uma civilização completamente contaminada pela mentira e pelo materialismo há milênios de existência.

Por isso, o Inferno começou a ser espremido por suas Mãos, para expor ao mundo toda sua podridão escondida, e que não mais será.

Não há outro modo.
Senão que aguentar firme!
É a única forma de separar o joio do trigo.

JP em 10.11.2019

O segredo elementar da salvação

“Quando a dor do teu próximo for a tua dor, e quando a caridade for a tua melhor maneira de demonstrar Amor e Gratidão ao Criador de todos os seres, então o poder da compaixão te libertará de si mesmo”.

Porque muitos são os que se reúnem em igrejas pensando na própria salvação, tão ocupados desse desejo EGOÍSTA de fundo que se esquecem de prestar atenção em tantas almas sofredoras que poderiam ser aliviadas de sua dor, se seus corações não estivessem tão ocupados de pensar neles em primeiro lugar.

Muita gente pregando consciência cósmica por ai que não é capaz nem de dar um bom dia ao que está bem do seu lado…

Não repararam que Deus permite a dor no mundo para nos testar e nos ensinar o perdido sentimento de compaixão, o real vetor da consciência cósmica ?

Porém, a grande maioria se levanta como juiz da dor alheia, poucos são os que estendem a mão com amor… esse esquecer-se de si mesmo em atenção ao semelhante é oque desloca o centro de gravidade do ego para a consciência cósmica, mas o oposto disso torna a pessoa tão preocupada consigo mesma e com suas necessidades que cristaliza em sua consciência o egocentrismo, isolando-a da energia divina, como uma capa de chumbo ou armadura de ferro isolante do amor impessoal e incondicional…

Definitivamente, não é este tipo de fé e crença a que salva alguém… e isso das palavras do próprio Jesus Cristo:

“E quando o Filho do homem vier em sua glória, e todos os santos anjos com ele, então se assentará no trono da sua glória;
E todas as nações serão reunidas diante dele, e apartará uns dos outros, como o pastor aparta dos bodes as ovelhas;
E porá as ovelhas à sua direita, mas os bodes à esquerda.
Então dirá o Rei aos que estiverem à sua direita: Vinde, benditos de meu Pai, possuí por herança o reino que vos está preparado desde a fundação do mundo;
Porque tive fome, e destes-me de comer; tive sede, e destes-me de beber; era estrangeiro, e hospedastes-me;
Estava nu, e vestistes-me; adoeci, e visitastes-me; estive na prisão, e foste me ver.
Então os justos lhe responderão, dizendo: Senhor, quando te vimos com fome, e te demos de comer? ou com sede, e te demos de beber?
E quando te vimos estrangeiro, e te hospedamos? ou nu, e te vestimos?
E quando te vimos enfermo, ou na prisão, e fomos ver-te?
E, respondendo o Rei, lhes dirá: Em verdade vos digo que quando o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes.
Então dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e seus anjos;
Porque tive fome, e não me destes de comer; tive sede, e não me destes de beber;
Sendo estrangeiro, não me recolhestes; estando nu, não me vestistes; e enfermo, e na prisão, não me visitastes.
Então eles também lhe responderão, dizendo: Senhor, quando te vimos com fome, ou com sede, ou estrangeiro, ou nu, ou enfermo, ou na prisão, e não te servimos?
Então lhes responderá, dizendo: Em verdade vos digo que, quando a um destes pequeninos o não fizestes, não o fizestes a mim.”

Mateus 25:31-45

 

JP em 22.11.2019

 

 

 

Jesus falou em idioma maia na cruz?

Alguns estudiosos afirmam que, no idioma maia antigo, a expressão hebraica de Jesus na Cruz
“ELI ELI LAMAH ZABACTANI” tem tradução como sendo:

SENHOR, FUNDA-ME NA AURORA DA TUA PRESENÇA!

O que é bem coerente, já que, quando os primeiros colonizadores e catequistas da Igreja Católica chegaram no Novo Mundo, se assombraram com o fato de que os principais símbolos cristãos, como a Cruz (principalmente), entre outros, já existiam no universo místico pré-colombiano, e os indígenas reverenciavam os senhores de Vênus sob o signo da Cruz…
Aliás, o símbolo de Vênus na Astrologia antiga sempre foi uma cruz, debaixo de um círculo.

Ao falar em idioma maia na cruz, Jesus estabelecia a aliança com o Novo Mundo (que só seria descoberto pelo Velho Mundo 1500 anos depois) e, de alguma forma misteriosa, fazia sua energia crística cruzar os mares e alcançar as novas terras, muito antes dos primeiros padres tentarem ensinar os índios sobre a religião católica e seu dogma.

Afinal, povo algum poderia ficar fora do pacto da cruz, do Leste ao Oeste, o que descaracterizaria a mensagem do Amor Universal e Impessoal na obra do Mestre Maior.

E ainda tem gente que acha que Jesus Cristo é invenção da Igreja Católica Romana…!

Mas para qualquer mente séria e que não aceita argumentos rasos e preconceituosos, bastará a leitura de “O VÔO DA SERPENTE EMPLUMADA” de Armando Cosani (facilmente encontrado na Internet) para começar a repensar profundamente a figura, obra e entidade de Jesus Cristo (e de Judas Iscariotes!)

JP em 11.12.2019

 

 

 

A PROFECIA DAS SETENTA SEMANAS

A data entre 2018-2019 parece recorrente na agenda dos grandes eventos programados para a humanidade. Por exemplo, Israel completará 70 anos de nação restituída, desde a data oficial de 14 de Maio de 1948. E Jesus garantiu que Israel não passaria de uma geração (naquele tempo, uma geração contabilizava 70 anos) sem que todas as coisas que ele anunciou fossem cumpridas.

“Em verdade vos digo que não passará esta geração sem que todas essas coisas se cumpram.”

Mateus 34: 24

Isso também bate com a profecia das 70 semanas de Daniel.

Bem, está logo ali, dobrando a esquina do tempo. Vamos ver o que vem por ai, tanto do lado oculto da Lua como do lado negro da Terra.

Isso se encadeia com outra citação famosa de Jesus:

“Pois nada há de oculto que não venha a ser revelado, e nada em segredo que não seja trazido à luz do dia”
Marcos 4: 22

É, quem tem suas mentiras escondidas debaixo do tapete, é bom ficar esperto e limpá-las de lá antes que os faxineiros da Terra entrem em cena, porque eles vêm para levantar a saia de Babilônia e mostrar ao mundo tudo o que sempre esteve por baixo dela…

A Verdade já foi representada como um tigre feroz caçando na calada da noite, astuto e paciente, medindo com cuidado seu momento para que seu salto seja infalível, e seu golpe, mortal.

Ele não tem pressa. A Verdade nunca teve pressa. Ela sabe atacar na hora exata.

A geração, nos cômputos da Bíblia, durava 70 anos. Depois do êxodo dos israelitas após a destruição de Jerusalém pelas tropas de Roma, o que aconteceu no ano 70dC (ou seja, 70 anos depois do nascimento de Cristo, e ele acertou de novo, porque já nem estava mais por aqui no ano 70 dC, quando Israel naquela época completou 70 anos de sua presença) então os israelitas se espalharam pelo mundo, e nunca aceitaram Cristo como Messias. Pois bem, pela mesma linha de interpretação, eles voltaram para Israel, nação restituída aos seus filhos, em maio de 1948. O que se subentende da profecia estendida para o presente é que Israel terá novamente uma geração (70 anos) para aceitar seu filho mais ilustre, Jesus Cristo, como o Messias prometido. E em não aceitando, o feito de Roma se repetirá por lá, até 2018.

É como se costuma interpretar tudo isso.

No cômputo que considera o nascimento de Cristo em 0 dC, e embora se questione se ele tenha nascido exatamente neste ponto da História, o fato é que, no ano exato 70 dC, Roma invadiu Israel, destruiu Jerusalém e os israelitas foram banidos e nunca mais voltaram, isso até 1948.

É como se Jesus Cristo deixasse uma sentença permanente para Israel: eles teriam uma geração para me aceitarem como o Messias profetizado das Escrituras. Caso contrário, um novo desolador ou ídolo da abominação (conforme Daniel 9) faria a mesma coisa que Tito, de Roma, fez em 70 dc, após uma geração de Cristo, ou seja, de 0 a 70 dC.

E numa escala muito pior, porque quem vem não é Tito, mas o Anticristo.

Sem certos conhecimentos, não tem como interpretar devidamente tudo isso. Mas como está perto, será um modo bem prático de avaliarmos se Jesus tinha ou não razão.

Pelo menos, em 70 dC, ele acertou cravado, e nem mais estava aqui, entre os homens.

Estou esperando o tempo de Daniel, a contar da metade da última semana profética (Daniel 9).

Nos purifiquemos, então, porque este chegou.

Amigo meu, a alma é base eterna, não se destrói. A única coisa que desmorona é o templo-corpo, e sobre a mesma pedra é que reconstruiremos, a pedra que está oculta e bruta no coração de cada homem que se esqueceu do verbo amar. Mas a semente sempre germina à flor d’água e à luz do novo Sol de Shemá.

É a partir deste tempo que se contará:

“Setenta semanas estão determinadas sobre o teu povo, e sobre a tua santa cidade, para cessar a transgressão, e para dar fim aos pecados, e para expiar a iniqüidade, e trazer a justiça eterna, e selar a visão e a profecia, e para ungir o Santíssimo.
Sabe e entende: desde a saída da ordem para restaurar, e para edificar a Jerusalém, até ao Messias, o Príncipe, haverá sete semanas, e sessenta e duas semanas; as ruas e o muro se reedificarão, mas em tempos angustiosos.
E depois das sessenta e duas semanas será cortado o Messias, mas não para si mesmo; e o povo do príncipe, que há de vir, destruirá a cidade e o santuário, e o seu fim será com uma inundação; e até ao fim haverá guerra; estão determinadas as assolações.
E ele firmará aliança com muitos por uma semana; e na metade da semana fará cessar o sacrifício e a oblação; e sobre a asa das abominações virá o assolador, e isso até à consumação; e o que está determinado será derramado sobre o assolador.”

Daniel 9:24-27

Israel contará com uma geração (70 anos) em 14 de Maio de 2018. E então, oficialmente entra a última semana profética de Daniel, ou sete anos de Grande Tribulação (2018/2025), e para ela, o mundo tem acompanhado toda as TROMBETAS de aviso. Para que se prepare, para que se espiritualize, para que busque o contato com as forças da Verdade e da Justiça Divina!

A reconstrução já começou, porque as duas testemunhas já se apresentaram diante Adon Ha-Erets.

Agora é a fase da reunião dos remidos da Babilônia moderna, estes que reconstruirão a Eclésia legítima, não com granito, mas com gratidão em suas mãos, verdade em suas mentes e sabedoria em seus corações.

Quando Zorobabel tomar a pedra eleita nas mãos, e Josué avistá-lo debaixo da figueira e da videira, e ali unir-se a ele, então a reconstrução será!

Babilônia já está caindo, bem diante dos nossos olhos. Não ouves o lamento dos mercadores acerca de suas preciosidades perdidas?
E a ordem do Anjo: fugi dela, povo meu, pois que se tornou habitação de toda ave hedionda? O mundo se tornou uma grande praça de mercadores e mercados… o objetivo da existência humana, que é o da espiritualização da consciência, foi completamente traído pela ciência materialista e tecnologia vendida ao sistema, cujo alvo é o prazer da carne e o conforto dos sentidos.

Está caindo… só falta a Sexta Trombeta consumar seu toque.

*Somente quando a cinzelada pedra, sagrada e fundamental do AMOR AO PRÓXIMO estiver nas mãos de cada um dos que entram na partilha da grande família reunida e que reconhece-se a si mesma pelo igual Amor e Respeito ao Criador de todas as coisas, é que o excelso templo da HARMONIA poderá ser construído, abrigando a todos os homens de boa vontade que ainda existirem neste mundo sem PAZ.

Exatamente como a natureza consegue fazer, mas o humano ser prefere esquecer.

Observação:

O Sonho do rei Nabucodonosor e a interpretação de Daniel

“Tu, ó rei, estavas vendo, e eis aqui uma grande estátua; esta estátua, que era imensa, cujo esplendor era excelente, e estava em pé diante de ti; e a sua aparência era terrível.
A cabeça daquela estátua era de ouro fino; o seu peito e os seus braços de prata; o seu ventre e as suas coxas de cobre;
As pernas de ferro; os seus pés em parte de ferro e em parte de barro.
Estavas vendo isto, quando uma pedra foi cortada, sem auxílio de mão, a qual feriu a estátua nos pés de ferro e de barro, e os esmiuçou.
Então foi juntamente esmiuçado o ferro, o barro, o bronze, a prata e o ouro, os quais se fizeram como pragana das eiras do estio, e o vento os levou, e não se achou lugar algum para eles; mas a pedra, que feriu a estátua, se tornou grande monte, e encheu toda a terra”.

Daniel 2:31-35

A imagem simbólica do grande ídolo do rei Nabucodonosor desmoronando em seus sonhos, estátua fabricada com ouro, prata, bronze, e ferro e barro nos pés, simboliza, além dos quatro reinos que estarão em conflito nos tempos do fim sobre o mundo, as quatro raças anteriores que já saíram de cena da superfície da Terra, e o mesmo vai acontecer com a quinta e atual raça, chamada de Ariana, para dar lugar a Sexta Raça, esta que será transfigurada pelo poder crístico em toda a sua potência alinhada com as estrelas, raça que criará um poderoso e evoluido reino sobre a Terra renovada do amanhã.

E a pedra que foi tirada da montanha para ferir o ídolo diante do qual a humanidade inteira segue prostrada, é a palavra da Testemunha viva de Deus que se aproxima de Israel.

JP em 19.12.2019

A Saga Bíblica

A Bíblia inteira narra uma saga da escravidão do povo hebreu-judeu a reis e sistemas do tipo, até que Deus levantava um libertador. Então fica claro que existem dois lados aqui. Porque esse povo, hoje, alcança toda a humanidade, e não só os hebreus-judeus históricos (que conseguiram destruir o pacto com Deus ao assassinarem seu Filho na Cruz, obviamente).

Os primeiros escravizadores foram os demônios, que induziram a raça original pura ao pecado carnal. E toda a humanidade se tornou escrava do vício impuro e do desejo que mata: porque disse ELOHIM: Não comerás do fruto proibido (o sexo) porque nesse dia, certamente morrerás!

Aí vieram os reptilianos e disseram o contrário, e a humanidade acreditou e, como os anjos caídos que eles eram, eis que o homem repetiu o mesmo delito, e caiu como eles, se tornando toda a humanidade, depois, seres mortais, repletos de doenças e vivendo o sofrimento por causa do ego vivo que se tornou rebelde contra as leis do Criador.

Na sequência do livro do Êxodo, Ramsés escravizou os hebreus no Egito, mas IHVH levantou Moisés para salvá-los.

Nabucodonosor escravizou mais tarde o povo na Babilônia, e outra vez, Deus levantou libertadores, Ciro, e suas duas testemunhas.

Por fim, Roma escravizou os judeus, e Deus lhes enviou Cristo.
E paralelamente a isso, Deus sempre enviava profetas ao povo com a repetida mensagem: “Eu, o Senhor, deixo vocês caírem nas mãos dos opressores porque não me obedecem, porque matam, porque fornicam, roubam, mentem, cometem adultério, traição e cobiça de posse. Blasfemam, não honram o que é sagrado e puro, mas se deitam na mesma lama que os povos pagãos. Por isso, por punição e lição, Eu vos entrego ao outros homens para vos escravizar. Obedeçam o vosso Deus e Ele os libertará!”

Isso é algo claro na Bíblia. Enki, como deus-serpente, foi chamado amigo dos homens. Se diz que o primeiro Instrutor da humanidade foi um grande espírito, que os sumérios chamaram de Enki, e os egípcios, de Toth, entre outros povos.

Mas houve um rival infiltrado, uma outra divindade reptiliana nada sábia, porém astuta e ardilosa, que inoculou um veneno chamado MENTIRA no coletivo mental do povo…

Isso é questão de terminologia. Aquele Instrutor divino tinha um rival, que liderou a queda e a organização de uma legião paralela, com base na inversão de todos aqueles conhecimentos que eu disse.

Desde este dia se formaram duas forças. E a Grande Batalha se instalou.

Existem os dois lados. Se não houvesse o lado branco nos protegendo, acredite, o lado negro já tinha feito tudo ruir por aqui – e olha que já está muito ruim!

Mas enquanto o lado negro hipnotiza o homem e o arrasta ao erro em seu adormecimento, o lado branco precisa que o homem lute desperto, e tenta acordá-lo. Não pode arrastá-lo para a luz, como o lado negro arrasta almas para as trevas.

Precisa da ajuda do homem.

Há dois Enkis. Há duas entidades. O Instrutor e o Decaído.

O Bem e o Mal sempre existiram.

Quem joga sujo é o mal.

Não podemos construir toda uma verdade somente com base nas tabuinhas encontradas (embora muitas falem de Enki de forma positiva) e nas interpretações isoladas de um único homem (Sitchin).

Muita coisa se perdeu ou foi escondida.
Ou não foi traduzida corretamente.

E isso também faz parte da confusão. A Bíblia foi escrita para ajudar o homem nessa escuridão que cairia sobre o mundo.
O testemunho ali é claro: primeiro, IHVH se manifestou e criou seus filhos com amor, lhes prometendo a igualdade divina e a repartição do Reino da Terra. Depois, somente depois, veio um inimigo oculto, e desencaminhou a humanidade, fazendo-os sofrer e transformando-os em escravos.

Sitchin só considerou um lado da moeda. O lado negativo, transformando IHVH nesse ser maligno e dominador, sendo que a sua identidade revelada é Sathan, o opositor, e não IHVH,
Não se tratam da mesma entidade, mas de entidades totalmente opostas.

Não reparou que IHVH sempre tentou salvar seus filhos da serpente caída, inimigo tenaz do mundo, através de profetas, reis divinos, ungidos e apóstolos, todos perseguidos e mortos pelo mesmo povo?

Não fazendo nenhum sentido a interpretação de Sitchin, de que IHVH era o dominador e escravizador da humanidade.

Lhe faltou sabedoria para lidar com esse monumental tema: a saga bíblica dos filhos de Deus sobre a Terra.
Que está prestes a terminar… com a vitória final da Luz sobre as Trevas.

JP em 01.02.2020

SIMBOLOS OCULTOS DA ESQUERDA

Não está chegando a hora, estamos sobre a hora. Lembre-se, e voce conhece a Bíblia, que o tempo de Deus não é o dos homens, sua “hora” pode equivaler a décadas das nossas. E de mais a mais, todos os profetas anunciaram um determinado e temido “Dia da Ira”, que chegaria no ápice da maldade, depravação e corrupção de Babilônia, dia este repetido no Apocalipse.

Pois bem, se um Dia de Deus vale Mil anos para nós, a defasagem temporal entre os tempos da criatura e os tempos do Criador (coisa que a Física Relativista compreende perfeitamente) abre o precedente de que já estamos vivendo tal Dia, até porque grande parte do Apocalipse já está se cumprindo, e vários lances ali profetizados já estão materializados diante de nós, como é o caso da clássica assinatura da NOW, ou 666, em toda parte. O próprio logotipo do Cern, que está tentando recriar um mini Bing Bang ou mini criação (querendo repetir o feito de Deus) é marcado por um 666 estilizado. Então todas estas coisas já são consideradas assinaturas daquele que jurou criar um falso Reino na Terra, à revelia do Criador.

Podemos ver claramente o traçado do 666 no referido símbolo. As pessoas julgam exagero de nossa parte, porém, com tantas simbologias disponíveis, me causa estranheza escolherem sempre essa.

Não são eles que estão querendo brincar de Deus lá na Suíça?
Pois é, o fim justifica os meios, como os símbolos.

É o contrato deles com a Inteligência que os patrocina. A Inteligência do
“Robô Sapiens”.

E tem muitas outras.

As aparições da Virgem Maria também são outro termômetro de tais tempos.
As pessoas falam que tais tempos nunca chegam, mas já chegaram e elas não perceberam. É que as coisas progridem segundo uma linha de eventos os quais, por elas não acompanharem o testemunho desvelado das profecias, julgam que tudo está parado ou sem cumprimento.

Para queM gosta como eu do Universo da manifestação de Maria na Terra, conhecem a extraordinária aparição de Garabandal, na Espanha, e o grande sinal que Ela prometeu para breve?

http://www.aveluz.com/garabandal.htm

Todas as Ordens criam seus suportes ideológicos na identidade de seus símbolos, e pode reparar, toda nação, por menor que seja, precisa criar sua bandeira e seu brasão para lançar sua identidade ao mundo. Isso consta em todas as Ordens religiosas, em todas as agremiações, em todas as organizações, sejam elas quais forem, e tudo isso é derivado de um conhecimento muito antigo, baseado na Simbologia vinculada ao poder das Egrégoras, quando então uma idéia ganhava força no mundo por causa de seu poder mental contagiante, que o símbolo tinha a função de sustentar perante a opinião pública. Jogada essa usada largamente nas técnicas de Programação Neurolinguística e Mensagens Subliminares, entre outras, em diferentes mídias, publicidades e slogans comerciais. Está em toda parte, e a referida técnica serve tanto para o bem como para o mal.

No ponto aqui abordado, para o mal, no sentido de fazer uma lavagem cerebral e infiltrar devagarinho valores pervertidos na consciência coletiva que vão contra aos ensinamentos da Verdade proferidos por Jesus e por todos os divinos instrumentos que vieram antes e depois dele.

E depois dizem que nada está acontecendo.

Está, mas em silêncio.

Bem, nem tanto assim!

http://pt.wikipedia.org/wiki/Egrégora

A linguagem dos sinais é praticamente absoluta em termos de comunicação espiritual e hermética. O Próprio Cristo anunciou o seu retorno debaixo de um GRANDE SINAL no céu… enquanto o Apocalipse fala de um grande sinal celeste e que, segundo estudiosos… aconteceu em setembro de 2017!

CONJUNTO RARO DE SINAIS PROFÉTICOS

O que está acontecendo agora em 2017 é um ciclo raros sinais astronômicos, todos eles presentes no Apocalipse, e que em setembro culminam, somam 1260 dias, o período igual a 42 meses ou 3.5 anos, desde o seu início verificado nas raras Luas de Sangue.

O primeiro e bastante forte sinal começa com a Lua Vermelha, a inicial, em 15 de Abril de 2014, bem na Páscoa daquele ano.

Depois vieram outras três luas vermelhas até 28 de Setembro de 2015, a última, na festa das TROMBETAS (Trump+Ets)?

O segundo sinal interessante foi a conjunção raríssima de alinhamento entre Vênus e Júpiter junto da estrela Régulus, a Alfa de Leão, a mais brilhante daquela constelação, QUE CULMINOU NO CÉU da noite de 30 de Junho para o dia 1 de Julho de 2015.

Foi associado a uma Nova Estrela de Belém, isso porque só aconteceu desta forma há uns 2000 anos atrás.

Chega ainda em 21 de Agosto de 2017 um eclipse solar poderoso, já entrando no 70° ano de Israel reinventada pela ONU, aquela organização pacífica de diplomatas mas só de fachada.

E finalmente, a Virgem celeste, que já foi “fecundada” em novembro de 2016, dará a luz em setembro de 2017, materializando astronomicamente no céu e com perfeição as coordenadas do Grande Sinal do Apocalipse 12.

Somando tudo isso, tá difícil mesmo falar em coincidências… e agora que a TROMBETA DONALD começou a soar mísseis de guerra na problemática Síria… com Rússia se opondo… sei não… o Dragão Vermelho igualmente tomado como sinal diante da Mulher Parturiente me parece começou a rosnar sobre esse mundo vermelho que já foi azul…

A raridade de tudo isso é justamente tudo isso estar acontecendo neste mesmo período, sinais que os velhos profetas antes, muito antes de Cristo, já diziam que apareceriam para identificar a chegada do Dia do Senhor… quando então os veículos do Bem e do Mal seriam levantados sobre a Terra, como peças de xadrez, para terminar o jogo de longa data…

DONALD TRUMP
Donald John Trump (Nova Iorque, 14 de junho de 1946) é um empresário, personalidade televisiva e político americano, sendo atualmente o 45.º presidente dos Estados Unidos.

Profecias de Nostradamus tem sido associadas a ele, como sendo o protagonista de guerras importantes, especialmente por causa da associação do seu sobrenome com TROMBETA *trump/trumpet.

Estranhamente, TRUMP+ET = TRUMPET (trombeta em inglês).
Será ele o presidente do desacobertamento?

Será ele quem vai acender a primeira faísca da Terceira Guerra?
Despachado ele é. Imprevisível também.
E nada diplomático. Mas muito inconsequente.

Sabe, a riqueza e a fama costumam dar para as pessoas a falsa sensação de que elas podem tudo quando querem tudo, e geralmente gente assim tudo quer e tudo pensa que pode. Em outras palavras… se sentem deuses para si mesmos… e para os outros… inclusive com autoridade para determinar os destinos do mundo.
Aí complica!!!

(Texto de 08.04.2017)

JP em 27.03.2020

Quando esta imagem não comover mais os olhos do mundo…
quando esta mensagem deixar de ser compreendida pelo mundo…
quando este Nome for desprezado pelo mundo…
quando este signo for esquecido pelo mundo…
e principalmente, quando este AMOR não mais tocar o coração do mundo…
você pode estar seguro de uma coisa:
É porque chegou o FIM do mundo.

JP em 10.04.2020

ABSYNTHO

Pode ser que estas “circulares” da Na$a e outras agências de pesquisa, nos “brindando” com as faces rosadas de Plutão ou com os anéis de Saturno e as misteriosas luas.., ou mesmo com as altamente especulativas hipóteses sobre as anomalias do universo longínquo… tudo bem longínquo, né?… sejam justamente o elemento DISTRAÇÃO para nos desviar a atenção das coisas realmente importantes, mais próximas e impactantes para a humanidade e o planeta, literalmente a CAIR sobre as nossas cabeças… sobre as quais as referidas instituições têm conhecimento prévio, mas para evitar alarmes, se calam… ao menos, publicamente.

Os maias diziam que a Terra é como uma cascavel solar que não morre, apenas troca de pele ciclicamente, como fazem as cobras e outras espécies animais.
Niezstche falava que a Terra sofria duma doença chamada homem.
Juntando A+B, é claro que a superfície da Terra será renovada.
Agora, os alarmes serviriam para que?
Silenciosamente, os céus e os espíritos da inteligência oculta têm avisado o homem há séculos da chegada deste dia.
Os que se prepararam em boa consciência não sofrerão com os alarmismos… agora, não posso dizer o mesmo dos que estão vivendo na superfície da vida chamada materialismo.
Só o materialismo entrará em pânico e criará reações alarmistas.
Em nome destes é que concordo com o silêncio das agências espaciais.
Os sábios têm escutado os sinais do universo,e como as formigas,tem se preparado para o inverno inevitável que chega. Mas as cigarras estão cantando, dançando e curtindo a vida…achando que nunca virá um inverno, e que tudo se resume a um prazeroso e eterno verão…
Direito de escolha de cada um.

(Texto do facebook de 02.05.2017)

CERNE ABBAS GIANT
E O SEGUNDO NASCIMENTO

Evidentemente, sabemos das conexões entre o símbolo antigo da Vesica Piscis e a sexualidade feminina. E a considerar que a imagem apareceu no sítio do GIGANTE, que traz em evidência o sexo masculino, certamente estamos aqui diante de uma mensagem de CONCEPÇÃO SAGRADA (HIEROGAMOS) com direção ao SEGUNDO NASCIMENTO!
Não podemos nos esquecer da grande formação astrológica no céu em 23 de Setembro de 2017, que fala da profecia do Apocalipse 12 e do Nascimento da Criança Sagrada, o Filho de Deus e a reunião da Sua Igreja.
A Imagem da Vesica Piscis está cercada por 12 faixas de cada lado (as 12 estrelas da Coroa da Virgem) e fazendo 12×12 = 144, temos o número-chave do Apocalipse dentro de seu contexto simbológico mais profundo.
(Ver Apocalipse 7, Apocalipse 14 e Apocalipse 21, 7 e múltiplos, 7×1, 7×2, 7×3)!
Dentro da continuidade de mensagens, e julgando o fato de que o primeiro crop circle apresentou uma Lua dentro de um Pictograma astronômico no domingo de Páscoa (16 de Abril), certamente esta é a direção mais correta deste crop circle de Cerne Abbas Giant, 22 de Maio de 2017.

A Sexualidade Sagrada é a Porta do Segundo Nascimento, a Geração dos Deuses! Veículo do Espírito Santo!
O Embrião dentro da Virgem coroada começa a se mexer em seu Ventre Santo! E vai nascer em 23 de Setembro de 2017, ou seja, em 22 de Maio o Embrião completou 5 MESES!

AS ENTRADAS DAS CATEDRAIS costumam ter o simbolismo da Vesica Piscis dentro da qual se coloca a imagem de Cristo: A Igreja é a Matriz do Segundo Nascimento Espiritual, é o Útero onde os Filhos de Deus nascem de novo, daí toda essa simbologia sexual velada à entrada da Igreja e ao resto de toda a sua estrutura, como um grande Útero espiritual.
(Texto de 23.05.2017 FB)

O FILHO DAS ESTRELAS

O Filho das Estrelas, este cujo nascimento é anunciado profética e astronomicamente para o dia 23 de Setembro de 2017, já vem sendo anunciado pela sua Estrela de Belém, que aconteceu no ponto máximo, da noite de 30 de Junho para a madrugada de 1 de Julho de 2015, há quase dois anos, e que foi o alinhamento quase absoluto entre Vênus e Júpiter na constelação de Leão (o Rei). Na Cabala Hierática, Júpiter representa o Grande Pai, e Vênus é a Deusa-Mãe. Ou seja, este sinal de 2015 (A Estrela de Belém) queria dizer que este Filho a nascer agora já estava sendo concebido (na analogia com os sinais astronômicos) em 2015.

E voce sabia que, 2 ou 3 antes de Cristo, este sinal aconteceu da mesma forma? Júpiter e Venus se alinhando na constelação de Leão, diante da Estrela Regulus, o coração de Leão, a alfa estelar daquela constelação?
E que, no Eclipse solar de 21 de Agosto de 2017, Júpiter-Virgo e Venus-Cancer estarão em alinhamento com o disco solar eclipsado, e em posições equidistantes deste disco no centro, como duas colunas brancas testemunhando a união Sol-Lua diante da mesma estrela Regulus, o coração do Rei Leão?

Crops circles de 2015 anunciaram a Estrela de Belém, mas não foram corretamente interpretados. E agora, novos crops circles em 2017 estão falando dessa conexão Júpiter-Venus e o nascimento do FILHO que eles geraram no ventre das estrelas… porque é assim, sempre foi assim, os ungidos de Deus são gerados nas estrelas muito antes de serem gerados no ventre de mulheres humanas, nascidos de semente humana… todos os Messias de seu tempo são anunciados pelas estrelas porque lá eles foram concebidos, nutridos, gerados e nascidos… porém, dores do parto da Virgem Celeste repercutirão na Terra, anunciando a sua chegada.
(Texto de 02.06.2017 FB)

JP em 03.05.2020

CIÊNCIA versus PROFECIA
O SINAL DO MAR E DAS ONDAS

Leia-se esta passagem de Lucas:

“E haverá sinais no Sol e na Lua e nas estrelas; e na Terra angústia das nações em perplexidade pelo BRAMIDO DO MAR E DAS ONDAS.
Homens desmaiando de terror na expectação das coisas que virão ao mundo, porquanto as virtudes do céu serão abaladas”.
LUCAS 21: 25-26

Por incrível que pareça, o evangelista Lucas fez associação entre a perturbação da ordem do Sol e da Lua a processos visíveis NO MAR E NAS ONDAS…

A Na$a já detectou e anunciou a existência do Planeta supermassivo X nos confins do sistema solar, e diz não saber onde está (pode saber sim).

E hoje, temos o objeto P 7X sendo monitorado por vários astrônomos não vinculados ao sistema “oficial” da ciência.

A mesma Na$a já identificou também a existência de uma estrela anã marrom no sistema solar através do Infravermelho (uma rede que captura objetos invisíveis na faixa da luz visível), e já tem praticamente a certeza de que nosso sol é binárío, e pode se tratar do mesmo objeto.


Assim sendo, é só fazer as contas. Estes eclipses estão com padrões além do normal na questão da influência sobre marés. A matemática é simples, Sol e Lua devem estar recebendo amplificação gravitacional de algum agente oculto em rota de aproximação. Não é nada difícil chegar a essa conclusão, a qual, aliás, já está sendo partilhadas por muitos cientistas e astrônomos.
São coisas descobertas por cientistas, e batem perfeitamente com o roteiro perfeito e preciso das Escrituras em todos os detalhes.


E quando o profeta falou na agitação do mar, ilustrou que as perturbações cósmicas invisíveis seriam detectadas no mar visível, na agitação das ondas… o mar e sua regularidade de marés em relação às fases da Lua mostraria alteração, e essa alteração seria reflexo de perturbações nas lunações…
Por isso os profetas falavam em perturbação da Ordem secular do Sol, Lua e ritmo das estrelas, o que cientificamente se explica somente em função de um novo astro na parada, alterando o padrão gravitacional que há milênios marcou os pequenos ciclos de tempo.
Tudo porque o Grande Ciclo expirou.
O Grande Ciclo expirado soaria a hora da perturbação astronômica, por que esse Grande Ciclo está coordenado com a aproximação de tais astros ocultos do sistema solar, que eram conhecidos pelos profetas e videntes de Deus há milênios, e só agora a ciência humana moderna os têm identificado… um tanto atrasada, em alguns milênios!
E tudo isso está batendo com todas as previsões que marcavam para esta época a aparição do misterioso Astro… no gancho com todas as outras profecias em torno de Israel, Apocalipse e mundo que todos têm acompanhado.
Que cada um ouça a voz de sua consciência.
Porque o mar e as suas ondas já não são mais os mesmos… e nem as pessoas. O mundo já não é mais o mesmo.

JP em 15.05.2020 (texto de agosto 2017)

O Significado essencial do sinal de 23 de setembro (2017)
Postagem do dia 19 de setembro de 2017, 4 dias antes daquele grande sinal estelar na constelação de Virgem, dia 23 de Setembro.

Eu tenho a clara sensação que este Evento Global de fenômenos intensos, ligados, em série, em todas as partes do Mundo, como nunca se viu antes, estão dando uma espécie de sinal, preparando um cenário para algo muito grandioso que chegará em 23 de Setembro, e olha, vendo tanta coisa acontecer ao mesmo tempo, não duvido de mais nada.

E a gente, tentando entender o que está acontecendo, esquece de ler direito o Apocalipse 12 e tirar dele a mensagem mais simples e que parece responder tudo: ora, o Filho de Deus vai nascer neste dia! E não importam as interpretações das religiões aqui, eu creio que isso transcende tudo, até religião, e penso que se alguma energia divina vai acontecer no céu esse dia, a Terra com certeza vai ser impactada. Já está sendo! Só não vê quem não quer!

É só um pressentimento. Algo de uma energia que realmente não temos como compreender ou medir está “descendo” ao mundo, e longe do fim do mundo, ela fala em nascimento. Em Nova Vida. Um sinal de esperança que nasce para a humanidade? Eu espero que sim, e ainda que a Terra receba os impactos de tanta energia, bem, qual Mãe não sofre para dar luz a uma nova vida?

Pois sim, temos que evitar escapar do significado essencial da mensagem deste sinal profetizado há dois mil anos, se perdendo em tantas teorias tolas de fim de mundo. E se tem um sistema negro regendo tudo aqui em baixo, como não esperar uma reação feroz dele diante de tudo isso? Se for o fim deste sistema negro, e não o fim do mundo, tanto melhor! Então que venha a Criança!


Temos que começar a resgatar essas profecias e análises feitas desde 2017, porque muitas delas estão acontecendo agora. Ler tudo isso sem preconceito e sem raiva automática, mas com a mente aberta e serena, diante de fatos incontestáveis anunciados antes e acontecendo agora.

JP em 08.07.2020

Comentários
Compartilhar