Reflexões 37

A Vida é um vórtice,
e desde a Criação, no primeiro vórtice existente,
matéria e energia rodaram em vórtices,
até que a luz foi cuspida desse encontro.
E quando a luz nasceu dos primeiros vórtices,
como galáxias em rodopios,
estrelas e mundos desceram á existência,
em outros vórtices, menores,
descendo cada vez mais na direção da matéria orgânica,
e que, também num vórtice,
dispôs os átomos e moléculas em formas ordenadas
capazes de abrigar a vida,
até que a Vida encontrou uma forma de escrever seus comandos mentais
também em vórtices,
estes vórtices elementares que chamamos de DNA… o vórtice final da Vida…
saído do primeiro vórtice, donde descenderam galáxias, estrelas e mundos cobertos de luz…
o vórtice do Amor dentro de do coração de Deus.
Tudo o que fazemos e que envolve energias na direção de criações,
geram vórtices, vórtices mentais, vórtices magnéticos, chakras, turbilhões de energia consciente na matéria informe, que se torna coisa criada, concreta e com identidade.
Se você colocar a energia do amor em todos os seus trabalhos, seus vórtices pessoais se alinharão com os vórtices do Universo, e sua obra será repleta da mesma LUZ!
Porque será Obra do Coração, Deus criando dentro e através de você!

JP em 21.05.2020

Quando a gente dorme, o corpo busca seus desejos de consumo nos sonhos, mas a alma que desperta do outro lado se torna peregrina do lar original, e acorda com lembranças de estrelas…

Ao pular hoje da cama, trouxe um pouco de poeira estelar na minha mente, memórias de sonhos siderais… afinal, todo peregrino traz um pouco de poeira em seus pés trazida de suas grandes jornadas…

JP em 22.05.2020

Mariposa Brahmin, antes e depois da metamorfose.
O tempo traz transformações.
E alguém que foi larva no passado, não poderá mais ser reconhecido por larva no futuro quando o tempo tiver trazido sua transformação em borboleta.
Esse é o argumento central da Verdade de Cristo:
quando o novo homem nascer, o velho homem será esquecido.

E a bela Natureza não cansa de nos ensinar essa Verdade elementar…

JP em 23.05.2020

Se a luz fugir dos teus olhos naquelas noites de aflição…
então feche os olhos e encontre a luz dentro do teu coração…
porque o que fica longe dos olhos
muitas vezes é o que chega mais perto do nosso coração
por exemplo, as pessoas que amamos…
quanto mais longe elas ficam
mais as trazemos para perto do coração na luz de nossas lembranças vivas…
O pior obstáculo para a luz é o esquecimento…e não as nuvens do caminho.

As camadas de Deus

Se Deus tem camadas,
se a matéria tem camadas
se o Universo tem camadas
se tudo foi criado em camadas
e até a Luz brilha em camadas,
é porque, primeiramente,
a nossa mente tem camadas
e a cada salto para uma camada superior
nossa mente se torna mais consciente
da vida em camadas
do Universo em camadas
da matéria em camadas
e do próprio Deus manifestado em camadas
fabricadas pelas religiões,
uma necessidade para nosso nível ainda inferior de compreensão do Espírito
porque, se DEUS se expressasse agora ao mundo
nas suas camadas mais altas de manifestação
o mundo não o veria, não o compreenderia,
não o dimensionaria.

A prova disso?
Deus está aqui e agora em todas as suas camadas
inclusive a mais alta de todas elas,
o Amor
mas quem sente nesse mundo o Amor de Deus vibrando em si ao ponto da transfiguração plena da matéria em espirito?
quando cessa toda dor, medo, corrupção e a própria morte é vencida?

Se ainda continuamos materialistas, plenos apenas no ego, na violência, no medo e no adormecimento,
com a sina dos mortais ao cair do último grão da ampulheta do tempo,
é porque nossa mente ainda vibra somente nas camadas inferiores.
Se mal compreendemos aquelas camadas inferiores descritas pelas religiões primitivas,
como esperar que nossa mente esteja pronta para capturar e compreender
aquelas camadas de Deus inalcançáveis pela razão
para as quais as camadas inferiores existem,
justamente para nos preparar na lenta ascensão?

Só a Meditação pode nos dar um vislumbre destas camadas superiores,
e da manifestação divina em Unidade,
porque todo o resto não passa de especulação intelectual
nascida de vãs filosofias em estado de cegueira e falatórios estéreis…

Se Deus se fez e tudo fez em camadas
é para nos dar a chance de aprender e ascender com ELE
conforme nossa consciência se eleve em compreensão e AMOR
de tudo o que ELE já é, sempre foi e será
antes de existirem camadas e mentes para negá-lo ou questioná-lo.

Um universo em camadas, um DEUS em camadas
sugere construção da consciência camada por camada
com os tijolos fornecidos pela indústria do tempo
na Escola da Vida!

JP em 26.05.2020

Auto-condicionamentos mentais

Quem vive dizendo que nunca tem tempo para nada, condiciona a própria mente a sentir o tempo que passa como insuficiente para a realização de suas tarefas, subestimando sua eficiência em organizar o tempo diário.

Quem vive dizendo que sua saúde não é boa, vive pegando doenças por condicionar a própria mente à suscetibilidades orgânicas, menosprezando sua imunidade e defesas naturais.
Quem vive dizendo que não é bom o bastante para fazer isto ou aquilo, condiciona a sua própria mente ao fracasso por diminuir seus talentos e a confiança nos mesmos.

Enfim, quem vive enviando comandos mentais negativos para a mente, acaba se tornando prisioneiro da própria mente, e o instrumento mais poderoso do universo, que poderia lhe dar a chave da liberdade e da iluminação, se torna a sua pior prisão…

Porque… quem não controla a mente… é controlado por ela.
Essa é a única matrix limitadora que existe.
Todas as outras são consequência disso.

JP em 31.05.2020

O que é a Ressurreição, senão que a Obra Secreta da Alquimia das energias polarizadas internas levada ao extremo, quando tais energias, totalmente desequilibradas e descompensadas no ser humano, energias vitais que se transformam em energia mental circulante, se fazem equilibradas na taxa ideal de 50% + 50% = 100%!

A ciência materialista e ateísta investe na Química e na Engenharia genética para buscar a imortalidade e a cura das doenças, mas se a Vida é um comando mental transferido pela palavra consciente do Espírito, a fonte, em vão busca respostas essa ciência falida, vencida e vendida ao Capitalismo.

Quem conhece a ciência divina legítima por trás dos mecanismos da natureza, não encara mais os seus caminhos como milagres, mas sim, como realizações do poder humano em níveis de consciência que o habilitam a manipular suas energias internas e os seus materiais de vida… para produzir vida.
E vida em abundância.
Se você souber fazer duas metades se nivelarem, e se souber casar essas duas metades numa unidade perfeita, tudo isso com os materiais da sua vida imperfeita… você viverá para sempre.

A chave?
Não está mais neste mundo porque simplesmente a humanidade não a merece.
Porque a humanidade quer viver para sempre a serviço do seu EGO e não do seu Criador.
E por isso, continua morrendo à sombra de sua arrogância que a cegou para a Luz Maior.

JP em 02.06.2020

O Planeta EGO

No passado, a raça humana foi colocada neste planeta chamado Jardim (Éden) e seu único interesse era cuidar desse jardim dado por Deus, cuidar de suas criaturas, animais e plantas, e seus rios, e suas montanhas, e tudo o que nele havia, como quem cuida da própria casa, porque isso é o que o planeta é: a nossa casa.

E vivendo assim, em harmonia entre irmãos, como uma grande família, o planeta se transformou num paraíso.

Não foi Deus quem fez da Terra um paraíso. Ele apenas deu ao ser humano os materiais necessários, e o amor no coração de cada um fez o resto.

Hoje, a mesma raça humana, decaída na maldade e na violência, vive apenas para cuidar dos seus próprios interesses, atropelando quem estiver no seu caminho e destruindo tudo o que existe no Jardim de Deus, e por isso, o planeta EGO está desmoronando debaixo de um Inferno criado pelo próprio homem, que não cultua mais o amor ao Criador de todo o Universo.
Ele nem sabe mais o que é o amor… o EGO tomou todos os espaços da sua mente e do seu coração a tal ponto que o nome do planeta Jardim tem que ser substituído para planeta EGO: porque é para o ego que o mundo atual vive, em tempo integral.

E a sabedoria divina, que já foi nossa um dia, jaz morta no esquecimento, debaixo das patas da loucura das multidões alucinadas e adormecidas pela auto-hipnose compartilhada do EGO na mesma raiz de um pesadelo longe de terminar… porque violência não pode combater violência… é como apagar incêndios com gasolina. O fogo só vai aumentar.

“Aquele que mata pela espada, será morto pela espada”
Jesus Cristo.

JP em 06.06.2020

A Musica da Alma não tem cor… porque essa música não vem da pele, mas sim, do coração… corações cantando juntos é que compõem a Sinfonia da Vida!

Depressão é um mergulho na própria solidão que se torna crônica quando alguém fecha por vontade própria todas as portas de acesso da alegria no coração, por não mais acreditar ser merecedor da alegria.
É um lento auto-envenenamento.
Uma auto-piedade que vai minando toda a capacidade de voltar a sentir alegria, voltar a crer-se merecedor dela.

A cura?
Como para todas as outras coisas negativas na vida, só há uma cura:
Evite sempre dar o primeiro passo naquela estrada que, uma vez caminhada, fica mais difícil retornar dela…
Previna-se sempre contra aqueles males que, no futuro, assumindo o controle de sua mente, assumem também o controle de sua vida, quando então você não terá mais como reverter a situação.
Nunca dê o primeiro passo na direção de um abismo.
Porque você não tem asas para voar de lá de dentro quando começar a se arrepender de ter pulado, sentindo que a queda é irreversível… depressão é mais ou menos isso.
A queda num abismo chamado tristeza.

JP em 07.06.2020

Mundos paralelos podem ser vistos através de espelhos refletindo realidades ocultas.

Se os nossos olhos são espelhos, os primeiros espelhos pelos quais vemos o mundo lá fora, o que ainda lhe impede de conhecer os universos refletidos do outro lado da luz?

Talvez uma limpeza no vidro?

JP em 08.06.2020

“O grau de consciência se mede pela capacidade de se colocar no lugar do outro”.

Compaixão é o alvo do Universo.
E não a tecnologia, a ciência ou a matéria.
Quando todos os seres encarnarem COMPAIXÃO, então todos os seres se libertarão da Grande Roda e subirão às alturas de Deus.
Porque o mundo pode transbordar de ciência, tecnologia, ouro, dinheiro e modernidade, mas se nesse mundo faltar a COMPAIXÃO, ao mesmo tempo em que sobra a violência, o ódio e a indiferença com o próximo, eu digo, é um mundo de bárbaros, de pessoas primitivas e animalescas que ainda sofrerão muito no curto-circuito dessa Roda prisioneira do tempo chamada KARMA.
Se Deus criou o semelhante, é para mirar o nosso grau de consciência, ou seja, a nossa capacidade de amar, compreender e sentir compaixão, o que nos induz a servir o semelhante.
A COMPAIXÃO é o alvo do Universo.
É a ciência do espírito, é o poder supremo que tecnologia alguma alcança.
É a energia da presença de DEUS dentro do ser humano em sua forma mais elevada.
Por outro lado, não há ação que gere mais sofrimento para o mundo do que uma sociedade cada vez mais indiferente e violenta contra o semelhante.
Está construindo o seu próprio inferno e assinando o seu próprio atestado de extinção.
Ao acender essa pira de ódio todos os dias no altar da existência, o ser humano, sem saber, está invocando todos os demônios das baixas esferas para marcharem ao seu lado nessa estrada de perdição…

O Mago das estrelas sabe pensar como elas, e emitindo o seu pensamento na forma de um pulso estelar, entende os mecanismos da Grande Roda do Tempo, como quem aprendeu a identificar as horas no relógio e saber qual parte do dia corresponde àquele horário, se manhã, meio-dia, tarde, meia-noite, madrugada.

O Mago das estrelas conhece que a entidade da LUZ é uma somente, e que a luz das estrelas é o pensamento das estrelas, que ele capta e traduz na luz dos próprios pensamentos, já que toda luz é energia mental que comporta Informação que pode ser COMPARTILHADA, como numa grande REDE Mental, o próprio Universo.

O Mago das estrelas interpreta as formas, padrões, letras, números e arquétipos impressos nas estrelas em sua distribuição não-aleatória no tecido do espaço-tempo, combinando com elas o movimento dos próprios planetas da nossa vizinhança, e compondo assim, uma grande ciência perdida no tempo, mas encontrada na sua consciência, a ciência da influência dos astros sobre toda vida e toda psicologia sensível, vida e psique integradas naquele espaço-tempo porque foram costuradas juntas com ele, recebendo todas as vibrações que fluem nele, advindas da roda dos astros em eterno movimento, movimento que é a fonte de composição da Música das Esferas…

O Mago das Estrelas tem olhos para ver, e ouvidos para ouvir… olhos para ver a Dança da LUZ e ouvidos para ouvir todas as suas partituras criadoras… o Mago das Estrelas tem mente e coração abertos, mente para interpretar essa LUZ e coração para vibrar em uníssono todo AMOR CONSCIENTE que vibra nessa LUZ…

O Mago das estrelas descobriu que o caminho da visão da luz das estrelas e da audição do som das estrelas é o caminho do próprio despertar da consciência, porque não existe consciência separada no vasto reino da Luz, e quanto mais conexões o nosso entendimento encontrar, mais consciente ele estará dentro da Rede Mental Infinita, e o nosso cérebro demonstra isso no segredo da inteligência em função do número de conexões nervosas e velocidade das sinapses..

O Mago das Estrelas, mesmo aqui na Terra, se converte numa estrela viva, num guardião da Sabedoria que atravessa todas as idades porque encontra na Eternidade a Sua Morada primeira… Sua mente se torna vaso refletor dessa sabedoria escrita nas estrelas, e o Mago das estrelas se levanta como um guia divino num mundo material, denso e repleto ainda de cegos, surdos e mortos, caminhando pelas estradas da existência sem qualquer conhecimento do ONTEM que os empurrou até a presente data, e do AMANHÃ para o qual serão levados pelos ventos dos astros conforme a Lei da ação e reação naquele tapete de costuras múltiplas chamado Universo da Informação consciente integrada…

O Mago das estrelas é uma espécie em extinção num mundo cada vez mais robotizado pela máquina que não sabe pensar, porque máquina alguma pode participar daquela LUZ ou Mente Cósmica e conhecer a sua Vontade, que é a Vontade das estrelas…

O Mago das Estrelas foi banido do mundo moderno porque ousou chamar aquela Luz de DEUS, aquelas estrelas de ANJOS, e aquele despertar de Inteligência real…

JP em 09.06.2020

O enigma do fruto

De que forma um fruto que apodrece na árvore pode ser recuperado?

Apenas recuperando suas sementes.
Para o fruto podre, não há recuperação alguma.
Mas faz parte do mecanismo da árvore, frutos que não são colhidos no tempo da maturação, vão apodrecer e despencar da árvore, e na queda, se misturam com o solo, e enquanto suas sementes se espalham, a matéria estragada do fruto fertiliza o solo das sementes para a próxima estação que vai fazer com que germinem.
Na matemática da Natureza, tudo é perfeito.

Agora, transporte a árvore para a Terra (planeta) e o fruto para o mundo (criações humanas).
A Grande Árvore da vida chamada Terra (Gaia) já deu muitos frutos.
O atual fruto chamado mundo moderno é o mais recente de seus frutos.
E este fruto se corrompeu. Apodreceu na árvore.
Não há mais o que fazer, a não ser esperar que ele caia por si mesmo.
Castigo Divino?
Não precisa, o fruto cai por si mesmo da Árvore, por causa do seu estado de podridão.

E a mensagem final é:
Que se aproveitem então as sementes do aprendizado neste mundo.
As experiências passadas são como a matéria apodrecida do fruto, o passado já passou, mas as experiências passadas fertilizam nossa alma na obtenção de consciência.

Porque ele mesmo, o mundo corrompido (cenário das experiências), vai se perder.
O que continua é a semente.
E para quem cumprir o aprendizado que as circunstâncias tentaram nos ensinar, este seguirá no fluxo das sementes para uma nova civilização na próxima estação da Terra…

JP em 25.06.2020

As amplidões do Amor

Só o Amor nos descondiciona da eterna necessidade do querer.

Só o Amor nos preenche com o ato livre da doação.

Só o Amor nos torna cheios ao nos esvaziar, e nos engrandece ao nos tornar simples.

Só o Amor regula o passo na direção da liberdade, porque nos tira do passageiro e ilusório centro do Eu para nos focalizar no eterno centro do Ser.

Só o Amor nos ilumina, nos desperta, nos retira o medo eterno do incessante clamor do amanhã, carregado de suas necessidades, porque em seus braços descansamos tranquilos e confiantes como no colo de uma mãe amorosa e gentil.

Só o Amor nos torna a imagem e semelhança de Deus, porque aquele que conquista o Verbo Amar, se torna Sol, se torna Estrela, se refaz a si mesmo e nasce todos os dias homem novo no ventre do Universo em flor que brilha nas manhãs de cada novo dia, como um milagre que sempre se repete.

Só o Amor nos torna perfeitos, porque, de tudo o que restou ao homem exercer em seu exílio, amar é ainda o mais raro dos ofícios, aquele que exige a maior das maestrias com o mínimo de instrução.

Porque o Amor já é mestre ao nascer, a todos ensina o que nunca precisou aprender.

E no final da jornada, o Amor é estrela-guia na volta para casa…

Sinto o amor como um imenso mar sideral, azul, puro, não pode ser contado ou contido no meu conceito, só pode ser contemplado, admirado, amado.

Tudo o que se quer é estar nesse mar…e nas amplidões, mergulhar.

Partilhar é um dos verbos preferidos do Amor.

O Pão é a nossa própria VIDA, que só tem algum sentido quando compartilhada. Tanto que a palavra COMPANHEIRO vem do latim (cum panis), e significa “aquele que partilha o pão”.

Veja você o grande simbolismo da Última Ceia de Cristo! Cristo dividiu a missão evangelizadora da Terra em doze partes, da mesma forma como dividiu o pão e o entregou aos apóstolos” ou companheiros de mesa e trabalho.

Partilhar experiências é o que realmente nutre a alma e dá sentido à estrada da vida!

O amor é o alimento do espírito. A sabedoria é o pão da alma. Pode parecer pura poesia, mas do outro lado, o amor é tão sólido e palpável e a sabedoria, tão nutritiva e doce, quanto o mais fino dos manjares da Terra. Se as pessoas soubessem dessa verdade antes da morte, com certeza compreenderiam a sentença do filósofo:

Feliz do homem cujos defeitos morrem nele antes do corpo.
Conhecerá as amplidões de Deus na leveza do seu ser renascido no Amor.

JP em 03.07.2020

Comentários
Compartilhar