Monumento de 7 mil anos e 3 vezes maior que o Stonehenge é descoberto na Polônia

Um enorme monumento da Idade da Pedra foi descoberto na Polônia e pesquisadores relatam que o local tem 360 pés de diâmetro, tornando-o três vezes maior que o Stonehenge. Acredita-se que o site tenha sido usado por pessoas neolíticas por pelo menos 250 anos, com novos recursos adicionados ao longo do caminho.

Notas sobre Origens Antigas:

O local foi descoberto pela primeira vez por um parapente, em 2015, em Nowe Objezierze, perto de Cedynia, que fica no noroeste da Polônia, não muito longe da fronteira alemã. Em 2016, o arqueólogo Marcin Dziewanowski, enquanto investigava imagens de satélite no Google Maps, confirmou que havia um recinto antigo no local. Segundo o site The First News, ‘os contornos do recinto eram tão claros que pareciam os círculos nas plantações feitos por alienígenas nos filmes de ficção científica’.

Agora, quase três anos desde que o local foi localizado pela primeira vez, especialistas das Universidades de Gdańsk, Szczecin, Varsóvia e Poznań estão obtendo novas idéias sobre o significado mais profundo da estrutura usando técnicas não invasivas e escavando pequenas áreas ao redor do sul e oeste do site.

Devido à sua forma circular, o site foi apelidado de “roundel”. Pelo menos 130 rodadas foram descobertas na Polônia, Alemanha e República Tcheca. Acredita-se que o objetivo dos roundels seja ritualístico e também possa ter servido como algum tipo de calendário astronômico.

O líder do projeto Lech Czerniak, da Universidade de Gdańsk, disse que a descoberta da rotatória na Polônia é significativa de uma perspectiva histórica e arqueológica:

“Consista em uma área central cercada por três portões que levam ao interior. Em seguida, tem quatro valas circulando-o. Cada valor é maior e mais profundo que o anterior, e parece que foram cavados em intervalos regulares regulares. “

Fonte

Comentários
Compartilhar