Incrível fast food da Roma Antiga é encontrado em excelente estado de conservação

Um termopólio perfeitamente preservado e com afrescos, que é uma barraca de fast-food da era romana, foi descoberto em Pompéia – um vasto sítio arqueológico na região da Campânia, no sul da Itália. Segundo reportagem do The Guardian , os pesquisadores desenterraram o balcão no sábado, “em excepcional estado de conservação”.

A lanchonete aparece decorada com “padrões policromados e congelados por cinzas vulcânicas”. Foi parcialmente exumado no ano passado, mas a equipe de arqueólogos ampliou o trabalho no local para revelá-lo em toda sua glória, menciona o canal.

É sabido que Pompeia já foi soterrada por cinzas quando o vizinho Monte Vesúvio entrou em erupção em 79 DC, matando muitos de seus residentes – entre 2.000 e 15.000 pessoas – tornando-a uma cidade fantasma. Mas os arqueólogos, ao longo dos anos, continuaram a fazer descobertas aqui.

Em seu estágio atual, os arqueólogos descobriram uma série de cenas de natureza morta, incluindo representações de animais, que se acredita estarem no menu – como patos-reais e um galo talvez – para serem servidos com vinho ou bebidas quentes.

Compartilhando algumas fotos em sua conta do Instagram, Massimo Osanna, Diretor-Geral dos Museus Nacionais do Ministério do Patrimônio Cultural e Atividades e Diretor de Pompéia, escreveu: “As primeiras análises confirmam que as pinturas no balcão retratam, pelo menos em parte, os alimentos e bebidas que eram realmente vendidos dentro do Thermopolium. 

As pinturas no balcão incluem dois patos-reais, e de fato um fragmento de osso de pato foi encontrado dentro de um dos recipientes, ao lado de suínos, cabras, peixes e caramujos terrestres, indicando a grande variedade de produtos de origem animal utilizados no preparo dos pratos. 

Leia também  Maior complexo de pirâmides do mundo é descoberto

Ânforas, uma torre de água e uma fonte, também foram encontrados junto com restos humanos, incluindo os de um homem que acredita ter cerca de 50 anos e foi descoberto perto da cama de uma criança, afirma o relatório. “O contador parece ter sido fechado às pressas e abandonado por seus donos, mas é possível que alguém, talvez o homem mais velho, tenha ficado e morrido durante a primeira fase da erupção”, disse Osanna à agência de notícias Ansa .

Fonte

Comentários
Compartilhar