Mistérios

Estranho círculo na neve aparece com códigos e mensagens

Misteriosos círculos nas plantações visíveis no lado oeste da Interstate-15 perto de Shelley, IDAHO, USA, apareceram na semana passada.
(Matéria publicada em 08.02.2021 por EastIdahoNews)

SHELLEY (Idaho USA)
08.02.2021

Círculos que parecem se assemelhar a uma pizza de pepperoni apareceram na semana passada em um campo de Shelley. Escrito no centro – “M9SD6L”

Até agora, muitas perguntas.

Desde quarta-feira, EastIdahoNews.com recebeu inúmeras perguntas sobre os misteriosos círculos nas plantações.

“Por favor, descubra o que diz esse círculo de cultivo, círculo de neve”, perguntou um espectador em uma mensagem no Facebook.
“Fica no lado norte da rodovia, ao sul da saída de Shelley. Talvez tenha ótimas notícias para 2021! ”

Então, de onde eles vieram? Quem os colocou lá? O que tudo isso significa?

Artigos relacionados

Fomos para o campo, confirmamos que o grande círculo é real, e passamos horas tentando chegar ao fundo deste mistério.

Diagrama do círculo da neve de Shelley

Aqui está o que sabemos:

Este grande círculo está visivel no lado oeste da rodovia I-15 perto de Shelley.
Não pudemos dirigir até o meio do campo e não pudemos parar ao longo da interestadual, então a dimensão do projeto é difícil de estimar.

O grande círculo está em propriedade de Ryan Searle.

Em um e-mail para EastIdahoNews.com, Ryan Searle, proprietário da Wild Adventure Corn Maze, disse que seu envolvimento com o design é “mínimo”.

“A única coisa com a qual estamos envolvidos é o fato deles usarem nosso campo. Fora isso, não tenho nenhuma informação adicional ”, disse ele.

Searle não disse quem eram “eles”, mas admitiu que pode ter perdido uma oportunidade de publicidade de ouro por não ter ele mesmo a ideia.


Ps: alguns alegaram a autoria do círculo mas sem provar nada. E pior, pediram sigilo aos informantes. Por que sigilo? Se o dono da fazenda disse topar um bom marketing?
E por que ninguém foi visto na área, ao lado de uma rodovia, fazendo a imagem?
E ninguém na fazenda percebeu nada?


Não é de hoje que vemos pessoas alegarem autorias de obras só de palavra, sem provar nada.

Monólito numa região de pedreiras em Quincy, Massachusetts, USA em 20.12.2020

Já tivemos círculos na neve anteriormente, e recentemente, tivemos inclusive um monólito que apareceu no centro de um símbolo solar indígena, cravado na neve.

Snow circle da Coruja em 02.02.2019, Inglaterra

Outro círculo de neve importante também apareceu antes, com a forma de uma coruja, repleta de códigos.

Círculos na neve já fazem parte do grupo de círculos e mensagens dentro do mesmo fenômeno alienígena CROP CIRCLE.


A estrutura do snow circle

Um octógono (divisão 8 do círculo) com círculos maiores e menores compondo suas partes internas.

Dezesseis círculos maiores no anel externo, e supostamente onde círculos no anel interno (supostamente por causa da placa com o codigo central cobrindo a área interna).

E na borda, padrões de pequenos círculos em grupos de 3 e 4 objetos distribuidos irregularmente.
Como o diagrama foi cortado na parte superior, contamos 108 ou 109 pequenos círculos.

Símbolos sumerianos para Estrelas

Na planta do desenho, a estrela de oito raios, símbolo antigo para estrelas desde a Suméria, como vemos nas imagens do passado.
Então, temos que, graficamente falando, esse circulo está tentando passar uma mensagem relacionada a eventos estelares, cósmicos.

O código central

M9SD6L

Para fazer algum sentido, eu precisei desmembrar isso.
E o sentido começou a aparecer, nas relações com os eventos estelares ou cósmicos mencionados antes.

Messier 9 (NGC 6333) é um aglomerado globular de estrelas na constelação de Ofiúco

M9

Messier 9 (NGC 6333) é um aglomerado globular de estrelas na constelação de Ofiúco. Foi descoberto pelo francês Charles Messier em 1764 e é um dos aglomerados globulares próximos ao centro da Via-Láctea, a uma distância de 5 500 anos-luz. Está a uma distância de cerca de 25 800 anos-luz em relação à Terra.

Sua magnitude aparente é 7,7 e tem, em fotografias de longa exposição, 12 minutos de arco de diâmetro aparente. É visível apenas com binóculos ou telescópios e suas estrelas mais brilhantes podem ser resolvidas apenas com telescópios de abertura superior a 0,15 metros.N a abóbada celeste, Messier 9 é circundado por dois aglomerados globulares, NGC 6356, a cerca de 1°40′ a nordeste do aglomerado, e NGC 6342, localizado a cerca de 1°40′ a sudeste.

Olhando para este aglomerado, há certa semelhança intencional com o modelo do desenho no círculo da neve, uma grande estrela octogonal central distribuindo vários pontos, estrelas e

M9 é um dos aglomerados globulares mais próximos do núcleo Galáctico, a apenas 5 500 anos-luz de distância.

A constelação de Ophiucus, onde fica o objeto M9

Aliás, a constelação de Ophiucus, onde fica o objeto M9, é o reino dos globulares, que também podem estar representandos nesses círculos ao redor da estrela octogonal do diagrama.

M9 pode ser também uma classificação estelar

Estrelas da classe M são com certeza a classe mais comum de estrelas se contarmos pelo número. Todas as anãs vermelhas são desta classe e elas existem em abundância. Mais de 80% das estrelas da seqüência principal são anãs vermelhas, como Proxima Centauri. A classe M é o local da maioria das gigantes e super gigantes como Antares e Betelgeuse, assim como Mira (veja estrela variável).

O espectro das estrelas de classe M mostra linhas pertencentes a moléculas e metais neutros mas hidrogênio normalmente está ausente no espectro. dióxido de titânio pode ser forte em estrelas de classe M.

M9 seria uma estrela desta categoria, anã vermelha, com índice 9.

SD6L
Desmembrando…

SD

Star Dust? (Sigla SD para Stardust, que significa poeira estelar)
(poeira estelar, um outro argumento para explosão de estrela ou objeto)

Crop circle inglês de 26.07.2007 estilo Stardust!

6
Alguma coordenada de tempo?
6 dias, meses?
Ou magnitude do provável evento cósmico de importância?

Algum objeto na direção do aglomerado M9?

Estrela, super nova?
Sinal de algum tipo? UFO?
O snow circle parece representar uma explosão estelar.
Explosão solar importante a frente?

RS Ophiucus

RS Ophiuchi é um sistema que consiste em uma anã branca com uma gigante vermelha companheira. As estrelas estão em um sistema binário com um período orbital de cerca de 454 dias.

RS Ophiuchi (RS Oph) é um sistema nova recorrente a aproximadamente 5.000 anos-luz de distância na constelação de Ophiuchus .

Em sua fase silenciosa, tem uma magnitude aparente de cerca de 12,5. Foi observada a erupção em 1898, 1933, 1958, 1967, 1985 e 2006 e atingiu magnitude 5 em média. Outras duas erupções, em 1907 e 1945, foram inferidas de dados de arquivo.

A nova recorrente é produzida por uma estrela anã branca e uma gigante vermelha em um sistema binário Aproximadamente a cada 20 anos, material suficiente da gigante vermelha se acumula na superfície da anã branca para produzir umexplosão termonuclear . A anã branca orbita perto da gigante vermelha, com um disco de acreção concentrando a atmosfera transbordante da gigante vermelha na anã branca.

O círculo estaria prevendo uma nova manifestação da RS Oph para breve, em magnitude 6?
O último ano em que isso ocorreu foi em 2006 (outra possível referência ao número 6 do código).

Curiosamente,
em 2006, mesmo ano, uma erupção solar de classe X saturou uma grande parte dos satélites GPS da Terra.

L

Tipo espectral de estrelas

L: 1 500 – 2 000 K (temperatura) — Estrelas com massa insuficiente para iniciar o processo de fusão do hidrogênio (anãs marrons). Estrelas da classe L possuem lítio que seria rapidamente destruído em estrelas mais quentes.

Estrela anã marrom (tipo espectral L)

(Corresponde exatamente ao padrão do objeto P 7X e que se move não longe da constelação de Ophiucus, atualmente na costelação de Capricórnio).

O círculo da neve alinhado com a imagem da pedra asteca do Sol

Veja o topico:

Conclusão

O diagrama exposto mostra claramente um octógono e padrão de estrela, conforme a geometria usada na antiguidade (Asteriscos, oito raios em cruz, donde veio o termo ASTER, Astro, Estrela, Star… em diversos idiomas).

Os círculos menores ao redor sugerem realmente uma explosão.
Sendo o Sol uma estrela, pode referir-se também a uma forte explosão solar a frente, com grande emissão de cargas (partículas).

M9SD6L me parecem coordenadas de localização no céu e algum evento importante associado a tal loccalização.

M9 na constelação de Ofiucus, e o evento SD (Stardust), poeira estelar,
algo como explosão, supernova, ou qualquer tipo de sinalização estranha que possa vir desta parte do Universo – ou de outra – no período a frente.

Algo que, acontecendo no futuro, nas dimensões profundas do Cosmos, somente Aliens poderiam saber com antecedência e nos avisar. Aliás, como já fizeram diversas vezes em várias temporadas anteriores.

Vamos acompanhar as notícias do Cosmos desde já.
Ps: este pode ser considerado o primeiro crop circle da temporada 2021, mesmo tendo aparecido na neve – já que ainda estamos no inverno lá no Hemisfério norte, sem as colheitas típicas dos círculos tradicionais.

JP em 13.02.2021

Comentários

Botão Voltar ao topo