Copiar e colar … ou criar?

Faz décadas que eu parei de usar relógios, e quer saber?

Geralmente acerto a hora. Desenvolvendo uma certa percepção ao olhar a inclinação do Sol no céu ou simplesmente intuindo a hora pela sensação de tempo percorrido ao longo do dia… isso aumentou muito em mim após o abandono total de relógios.

Celular? Nunca me interessei por um desses. Procuro me desconectar de todos os marcadores comuns para me conectar cada vez mais aos marcadores do universo.
E o universo é repleto de marcadores.

O problema maior das pessoas é reparar que eles existem enquanto houver essa atração eterna de celulares, relógios e painéis tecnológicos que nos cercam…. apenas um computador me prende a atenção, mas por uma necessidade imperiosa de partilhar conhecimento.

Mas máquina alguma ou fonte alguma COPIADA E COLADA me serve de matriz de conhecimento… essa matriz também é estabelecida em minha mente através de marcadores cosmológicos muito precisos que, como engrenagens de um complexo aparelho, sincroniza todas as nossas janelas mentais com o fluxo eterno da informação da Mente Maior pulsando informação em toda parte.

Tudo é uma questão de escolher em qual tecnologia iremos conectar nossos sentidos.

Aquela do copia e cola … ou aquela que cria a informação a partir dela mesma capturada pelos filtros da consciência vigilante…

É muito triste constatar, de um lado, a existência de uma fonte infinita de conhecimento no Universo-Onda mental, e de outro, uma poderosa atração da informação partilhada no estilo copie e cole dentro da rede online global.

JP em 05.03.2020

Comentários
Compartilhar