EspiritualidadeMistérios

A Virgem Maria é um dos Sete Anjos do Apocalipse!

E quem pode prever a forma de um Anjo?
Um guerreiro? Um ancião? Uma criança?
Ou uma doce mãe? A doce mãe do mundo?


Pois eu afirmo que A Virgem Maria, em espírito, é um dos Sete Anjos da Presença do Trono de Deus, trabalhando para estabelecer sua Vontade na Terra!

Quem não puder compreender o mistério MÃE divina (O Universo não tem só PAI) compreenda na forma dos Anjos. Imagine ela como um Anjo de grande poder que assiste Jesus Cristo em seus trabalhos. Não temos sete grandes Anjos trabalhando para o Senhor do Trono nos rumos do Apocalipse?

E se eu te disser que ela, o espírito dela, corresponde a um dos sete Anjos do Trono?
O Segundo Anjo?

O Anjo das águas, anjo da cura, cura do corpo e da alma, e basta ver o conteúdo das aparições marianas em séculos de história da Cristandade (porque ela é a grande guardiã da Igreja de Cristo por seu filho designada em missão até o seu retorno).

Algumas retratações astrológicas colocam ASAS na Virgem Mãe da Terra

Anjo Rafael, Anjo de Mercúrio, a segunda órbita astrológica da Terra, análogo ao segundo chakra do corpo, o vaso de cura chamado Swadhistana. O vaso da castidade, e quem melhor que Maria, a toda Virgem e Pura, para ilustrar a verdade da saúde e da cura na raiz da santidade de corpo e de alma?

E não é o caduceu de Mercúrio um símbolo muito antigo e associado a todo tipo de cura, transmutação, regeneração e até mutações genéticas por parte do espírito no controle do corpo?

Artigos relacionados
Símbolo astrológico de Virgem: M de Mater (Maria) e o signo do Peixe (Jesus Cristo) e também, símbolo do Anjo Rafael (regente do planeta Mercúrio e dos signos de Gêmeos e Virgem)

O planeta Mercúrio rege dois signos astrológicos:
Gêmeos (casa diurna, Yang) e Virgem (casa noturna, Yin).

E o signo de VIRGEM é todo o arquétipo de Maria, chamada Virgem.
E chamada BENDITA pelo Anjo Gabriel em “pessoa”.

E não foi na constelação de Virgem que o grande sinal do Apocalipse tomou forma nos céus do mundo inteiro?

Configuração planetária da tarde de 23.09.2017

Precisamente na tarde de 23.09.2017, o grande alinhamento descrito por João evangelista há dois mil anos se configurou com precisão. O sinal da Mulher (que simboliza a Virgem Maria e, por extensão, a Igreja que ela custodia) que estava para dar a Luz à Criança (a nova consciência crística nascendo nesse mundo, independente de religiões institucionalizadas ou igrejas mundanas, todas mais ou menos corrompidas).

Quem vai para o refúgio, com asas de águia, é a Mulher vestida de Sol, é Maria e, por extensão, a Grande Mãe dos filhos do PAI que ela reunirá, ao lado do Anjo Miguel, que é Anjo como ela, trabalhando em outra esfera (complementar) da mesma missão perante Jesus Cristo.

Virgem Maria associada ao Anjo Rafael

E a águia é um dos símbolos do Anjo Rafael entre os quatro seres sagrados do Trono de YHWH.

E os valores do signo de Virgem?
O trabalho com a CURA, a Medicina, a prestação de serviços.
Terapias do corpo e da alma.

Uma parte substancial da missão de Maria se dedica a curar o corpo e a alma das pessoas de todas as infecções que os evangelhos e as próprias Igrejas na Terra vêm sofrendo da parte do Dragão satânico em 2000 mil anos de batalha espiritual acirrada, enquanto a humanidade, joguete das forças do destino, jaz profundamente adormecida sobre os meridianos celestes do mistério…

Ela é a grande médica, e isso é totalmente alinhado com os atributos do Anjo Rafael, cujo nome significa CURA OU MEDICINA de Deus.

A regência de Rafael é sobre Mercúrio, o planeta, que domina os signos de Gêmeos (arquétipo do Espírito Santo, a polaridade espiritual) e Virgem (arquétipo da Mãe sagrada, que trabalha em afinidade com o Espirito Santo que, afinal, tornou fecundo o seu ventre para a descida do Filho de Deus).

Maria alada, a Maternidade vitoriosa do Apocalipse 12

Tal operação espiritual se repete em toda a cosmologia do Universo.

Porque o Espírito Santo de Deus torna fecundo o ventre do Espaço estrelado, bem como o chão dos mundos a serem habitados com vida, e vida em abundância, de modo que a imagem da Virgem Maria perante o Espírito Santo concebendo Jesus Cristo é mesmo um FRACTAL de uma verdade muito maior, muito ampla.

Apenas mentes muito ignorantes ou sombrias não contemplam tamanha grandeza.
E me perguntam: Onde está escrito na Biblia?

Sempre esteve lá, o tempo todo, mas em vez deles culparem sua limitação intelectual ou espiritual para detectar tais verdades eternas, culpam todos aqueles que tentam lhes abrir os olhos da mente para além das fronteiras da crença cega e da letra morta herdada em instituições corrompidas, cegas e limitadas como eles.

Anjo da cura, Rafael, alinhado com as curas milagrosas de Maria, curas de corpo e alma

Informações sobre o Anjo Rafael, o segundo na lista do Apocalipse.

E atualmente, os sete Anjos cumprem trabalhos importantes perante o Pai e sob a direção de Jesus Cristo. O problema dos Protestantes é delegar todos os trabalhos a Jesus Cristo, e qualquer coisa que seja dita além disso, é tomada por eles como “invenção do diabo”.

Realmente, eu ando farto desse tipo de fanatismo, o verdadeiro inimigo da doutrina por deturpá-la, desfigurá-la, conforme seus desejos pessoais e egoístas de salvação…

A segunda mensagem

“E ao anjo da igreja em Esmirna, escreve: Isto diz o primeiro e o último, que foi morto, e reviveu:
Conheço as tuas obras, e tribulação, e pobreza (mas tu és rico), e a blasfêmia dos que se dizem judeus, e não o são, mas são a sinagoga de Satanás.
Nada temas das coisas que hás de padecer. Eis que o diabo lançará alguns de vós na prisão, para que sejais tentados; e tereis uma tribulação de dez dias. Sê fiel até à morte, e dar-te-ei a coroa da vida.
Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas: O que vencer não receberá o dano da segunda morte.”
Apocalipse 2:8-11

Esta é a mensagem do Segundo Anjo para a Igreja de Esmirna, na Ásia menor.
E ela tem muito do estilo das mensagens da Virgem Maria contra os erros da própria Igreja e daqueles que se dizem cristãos e não são cristãos, seguindo falsas doutrinas ou pervertendo a doutrina cristã original conforme suas cobiças.

A mensagem fala dos ataques do Diabo. E não é contra o Dragão Vermelho a batalha milenar daquela Virgem Mulher vestida de Sol?

A segunda trombeta

E o segundo anjo tocou a trombeta; e foi lançada no mar uma coisa como um grande monte ardendo em fogo, e tornou-se em sangue a terça parte do mar.
E morreu a terça parte das criaturas que tinham vida no mar; e perdeu-se a terça parte das naus.”
Apocalipse 8:8,9

O mar foi ferido em terça parte quando o segundo Anjo tocou sua trombeta.
Você sabia que uma tradução oculta do nome MARIA (do hebraico Miriam, MRIM) se relaciona com o mar? Como se o mar representasse a humanidade, e ela representando a Mãe de todos os filhos desterrados de Eva em busca de redenção?

Maria (do nome hebraico מרים, transl. Miriam, que significa “senhora, soberana”) é o nome da mãe de Jesus. Tornou-se popular com a propagação do cristianismo, como forma latinizada do nome hebraico da mãe de Jesus, Maria (Miriam, em hebraico).

Porém, decompondo o nome MRIM em dois, temos:
MR – IM, o que significa, literalmente, MAR DE AMARGURA!

E quantas amarguras o coração da Mãe Divina tem suportado por nós em sua dura missão de guardar os filhos da Igreja de Cristo até o seu retorno?

A segunda taça repete a visão do mar:

E o segundo anjo derramou a sua taça no mar, que se tornou em sangue como de um morto, e morreu no mar toda a alma vivente.”
Apocalipse 16:3

Os quatro animais sagrados do Trono e seus signos (números) relacionados

Vejamos outros argumentos bíblicos (Apocalipse)
Porque um dos símbolos associados ao Anjo Rafael, um dos Quatro Arqui-Anjos do Trono de Deus, é a águia (quando quatro criaturas sagradas representam aqueles quatro Arqui-Anjos).

Quatro entre os mesmos Sete Anjos da Presença de Deus em seu Templo estão ligados mais intimamente ao seu Trono de poder:

E havia diante do trono um como mar de vidro, semelhante ao cristal. E no meio do trono, e ao redor do trono, quatro animais cheios de olhos, por diante e por detrás.
E o primeiro animal era semelhante a um leão, e o segundo animal semelhante a um bezerro, e tinha o terceiro animal o rosto como de homem, e o quarto animal era semelhante a uma águia voando.
E os quatro animais tinham, cada um de per si, seis asas, e ao redor, e por dentro, estavam cheios de olhos; e não descansam nem de dia nem de noite, dizendo: Santo, Santo, Santo, é o Senhor Deus, o Todo-Poderoso, que era, e que é, e que há de vir.”
Apocalipse 4:6-8

Touro, o Anjo de Vênus, URIEL, Luz de Deus (associado a São Lucas)
Leão, o Anjo do Sol, MIGUEL, Quem é como Deus? (associado a São Marcos)
Águia, o Anjo de Mercúrio, RAFAEL, Medicina de Deus (associado a São João)
Homem, o Anjo da Lua, GABRIEL, varão de Deus (associado a São Mateus)

Aquela Mulher Vestida de Sol, sob o alinhamento do signo de Virgem, ganhou ASAS DE ÁGUIA para fugir até lá, o refúgio preparado por Deus.

No Velho Testamento, o profeta Zacarias fez uma associação ao símbolo asas de águia (ou cegonha) e duas mulheres (aliás, a Virgem da constelação é uma mulher alada, com asas de anjo ou de águia):

“E saiu o anjo, que falava comigo, e disse-me: Levanta agora os teus olhos, e vê que é isto que sai.
E eu disse: Que é isto? E ele disse: Isto é um efa que sai. Disse ainda: Este é o aspecto deles em toda a terra.
E eis que foi levantado um talento de chumbo, e uma mulher estava assentada no meio do efa.
E ele disse: Esta é a impiedade. E a lançou dentro do efa; e lançou sobre a boca deste o peso de chumbo.
E levantei os meus olhos, e vi, e eis que saíram duas mulheres; e traziam o espírito nas suas asas, pois tinham asas como as da cegonha; e levantaram o efa entre a terra e o céu.
Então eu disse ao anjo que falava comigo: Para onde levam elas o efa?
E ele me disse: Para lhe edificarem uma casa na terra de Sinar; e, estando ela acabada, ele será posto ali na sua base.”
Zacarias 5:5-11

João Evangelista não deixou de usar esse cenário simbólico da visão de Zacarias para ilustrar sua temática de revelações (Apocalipse).

Ou seja, devemos transferir o contexto profético do cenário de Zacarias (antiga Israel) para o cenário da civilização moderna. Essa é a primeira linha de interpretação com base em profecias comparadas (Velho e Novo Testamento).

EFA ou Baú, era uma medida judaica para grãos e às vezes para líquidos, equivalente a cerca de 22 litros, segundo os livros bíblicos dos Juízes (capítulo 6, versículo 19) de Rute (capítulo 2 versículo 17) e de Zacarias (capítulo 5, versículos 6, 7 e 10).

Talento de chumbo, e um EFA por medida da INIQUIDADE humana, representada pela Mulher iníqua, a Grande Meretriz que João chamou de Babilônia.
E o que está oposto a uma meretriz? Uma Virgem sagrada!

Maria é a antítese da Mulher escarlate do Apocalipse, da mesma forma e em mesma medida que Cristo e o Anticristo se opõem em tudo.

E quando saiu o Juízo da Mulher chamada IMPIEDADE, o peso de chumbo lacrou a mulher dentro do volume de medida do EFA, e outras duas mulheres com asas de cegonha e o sopro do espírito nas asas, surgiram para atirar a mulher em seu “deserto”.

Os termos hebraicos:

H.AIFH (o EFA)
H.RShHwH (a IMPIEDADE)

As duas mulheres (visão polarizada, o Espírito Santo, o Espírito em suas asas) levantaram o EFA entre a Terra e o céu (geralmente esse cenário representa a dimensão da montanha, o limiar entre a Terra e o céu, entre o visível e o invisível).

Asas de cegonha! A ave que representa a MATERNIDADE!

E o EFA com a mulher foi levado para a terra de Sinaar, para edificar à Mulher (Iniquidade) uma base, um apoio para a sua edificação.

Isso é muito interessante.
Porque Sinaar é o nome da região antiga onde aconteceu a edificação da Torre de Babel e a confusão das línguas! Essa é a mensagem do evangelista para o momento atual:

“E era toda a terra de uma mesma língua e de uma mesma fala.
E aconteceu que, partindo eles do oriente, acharam um vale na terra de Sinar; e habitaram ali.
E disseram uns aos outros: Eia, façamos tijolos e queimemo-los bem. E foi-lhes o tijolo por pedra, e o betume por cal.
E disseram: Eia, edifiquemos nós uma cidade e uma torre cujo cume toque nos céus, e façamo-nos um nome, para que não sejamos espalhados sobre a face de toda a terra.
Então desceu o Senhor para ver a cidade e a torre que os filhos dos homens edificavam;
E o Senhor disse: Eis que o povo é um, e todos têm uma mesma língua; e isto é o que começam a fazer; e agora, não haverá restrição para tudo o que eles intentarem fazer.
Eia, desçamos e confundamos ali a sua língua, para que não entenda um a língua do outro.
Assim o Senhor os espalhou dali sobre a face de toda a terra; e cessaram de edificar a cidade.
Por isso se chamou o seu nome Babel, porquanto ali confundiu o Senhor a língua de toda a terra, e dali os espalhou o Senhor sobre a face de toda a terra.”
Gênesis 11:1-9

Da mesma forma como o Anjo Miguel NÃO DESTRUIU Satanás e suas legiões (conforme o Apocalipse 12) mas apenas os atirou do céu para a Terra, aquelas duas mulheres não destruiram a Iniquidade (a Prosstituta Babilônia), mas a confinaram em Sinear, ou seja, a Iniquidade foi atirada na Terra, na nossa era e tempo, para que ela edificasse um reino tenebroso que servisse de base das Bestas apocalípticas e o seu líder, o Anticristo, o que está bem registrado no Apocalipse 17:

“E levou-me em espírito a um deserto, e vi uma mulher assentada sobre uma besta de cor de escarlata, que estava cheia de nomes de blasfêmia, e tinha sete cabeças e dez chifres.
E a mulher estava vestida de púrpura e de escarlata, e adornada com ouro, e pedras preciosas e pérolas; e tinha na sua mão um cálice de ouro cheio das abominações e da imundícia da sua fornicação;
E na sua testa estava escrito o nome: Mistério, a grande babilônia, a mãe das prostituições e abominações da terra.”
Apocalipse 17:3-5

E por tudo isso, a moderna BABILÔNIA continua sendo a Terra da confusão, porque os seres humanos podem até entender e falar muito bem seus idiomas, e versar muito bem sobre computação e ciência, mas continuam completamente cegos em termos de consciência espiritual, o que os leva a guerras abertas onde o ódio pela fraternidade e o amor pela divisão predominam. E continuando assim, eles mesmos se autodestruirão sem que as pragas do Apocalipse façam o trabalho todo.

********

Virgem alada do Apocalipse 12 (Quito, Equador)

Em sua mente simplista, alguns teólogos protestantes consideram que essa Meretriz é apenas e somente a Igreja Católica, e a Besta que ela conduz, o Papa…

Mas Babilônia é toda a Terra, é a própria GAIA num aspecto negativo, destruido, contaminado, pervertido… vendido aos interesses da Nova Ordem Mundial e seu Anticristo (a Besta) que, no final, fará em pedaços aquela mulher (a civilização prostituída).

https://www.bibliaonline.com.br/acf/ap/17

Essas ilustrações revelam que não somente o Anjo Miguel (conforme a leitura do Apocalipse 12), mas também a Virgem Maria, a Mulher vestida de Sol, também luta contra a impiedade.
Miguel luta contra Satanás, a Virgem Maria lutando contra a Meretriz, que se infiltrou especialmente nas religiões e também contamina a mente dos líderes mundiais.

E existe outra ÁGUIA nos alertando dos tempos sombrios (no Apocalipse):

“E olhei, e ouvi UMA ÁGUIA voar pelo meio do céu, dizendo com grande voz: Ai! ai! ai! dos que habitam sobre a terra! por causa das outras vozes das trombetas dos três anjos que hão de ainda tocar.”
Apocalipse 8:13

E realmente, essa sagrada Águia de Deus, Mulher alada, têm alertado o mundo, e cada vez mais, diante da iminência de grandes coisas por acontecer, diante que estamos do tempo do cumprimento das profecias.

Infelizmente, as bíblias de tradução mais moderna estão substituindo o termo ÁGUIA por Anjo, deturpando o sentido original do texto.

Em outro contexto, a Águia é o símbolo de João Evangelista, porque a Igreja católica também associou os quatro animais sagrados aos quatro evangelistas bíblicos (canônicos).

Alguns esoteristas colocam a Virgem Maria como a esposa espiritual do Anjo Rafael, o que não é exatamente verdade. Maria, sua alma muito humana, é o que chamamos de veículo humano do Anjo Rafael, Espírito, que sendo andrógino, não tem consorte ou par, porque Ele é Unidade.
Dual é a sua expressão de alma, veículo mental e físico.

Conclusão

Para mentes profundas, a verdade foi revelada.
Para mentes simplistas, a confusão vai continuar.

Porém, deixo uma última reflexão:

E quem pode prever a forma de um Anjo?
Um guerreiro? Um ancião? Uma criança?
Ou uma doce mãe? A doce mãe do mundo?

Tudo porque os Anjos de Deus não usam asas aqui na Terra…

JP em 23.03.2022

Comentários

Botão Voltar ao topo