CiênciaEspiritualidade

A MENTE é o Quinto Elemento!

E o objeto geométrico que sempre lhe representou foi a Pirâmide, com sua base quadrada (quatro elementos, quatro direções, quatro princípios da matéria) e as suas quatro faces triangulares convergindo para o centro, numa espécie de transmutação dos quatro elementos na direção do quinto elemento central, a própria raiz da matéria em seus quatro estados.

Na Alquimia antiga, fogo, ar, água e terra, os quatro elementos em escala decrescente de densidades.
Na ciência moderna, os quatro estados da matéria, na mesma escala:
Plasma, gás, líquido, sólido.

Ou como chamavam os antigos “cientistas”:
Matéria radiante, matéria expansiva, matéria fluídica e matéria densa.

Pois bem, se a base quadrada da pirâmide representa os quatro elementos que assentam a estrutura material do Universo, as quatro faces triangulares são os procedimentos de transmutação que extraem dessa matéria de quatro estados o seu agente comum, o que os antigos chamavam de Éter.

Porém, sabemos que a Quarta Dimensão representa este Éter imponderável que preenche todo o Universo na qualidade do Espaço-Tempo modificável, não absoluto e nem infinito ou permanente.

Ou seja, o Quinto Elemento como “Éter”, tal como foi descrito pelos antigos, não existe realmente, o que existe é a quarta dimensão ou Hiperespaço cumprindo o papel o Éter na qualidade de tecido propagador de forças e campos, como as oscilações eletromagnéticas e as ondas gravitacionais.

Artigos relacionados

Então, qual é o denominador comum da matéria em seus quatro estados?
A sua natureza quântica, suas unidades fundamentais de energia, ou seja, suas particulas e sub-partículas nos estados anteriores aos arranjos atômicos e moleculares.
Essa dimensão quântica da matéria seria o quinto elemento.
Seria?

Sim, porque a natureza quântica da matéria tem uma raiz comum ligada ao princípio da Mente cósmica, ou Mentalismo.

Ou seja, a mente, o pensamento, interage com o plano quãntico, e a experiência da fenda dupla, quando padrões de dispersão de elétrons mudam conforme sejam observados ou não, é uma das demonstrações desse princípio MENTE na raiz (quântica) da matéria (em seus quatro estados elementais).

A MENTE É O QUINTO ELEMENTO DA MATÉRIA

E como a Mente e a Palavra são dois aspectos de uma mesma entidade chamada CONSCIÊNCIA, o Verbo também é o Quinto Elemento pois, como o Pensamento, a Palavra vibra, oscila, viaja em Ondas (na quarta dimensão, o meio, o Éter dos antigos, o Espaço-Tempo, o tecido onde todos os fenômenos da Física são costurados por forças e campos integrados).

Imediatamente “anterior” ao plano quântico, nas escalas da Criação cósmica, vem o plano vibracional puro, plano das Cordas, das vibrações que dispuseram o Universo na forma de uma grande tábua de frequências, cujas escalas determinaram a quantização da energia na forma de partículas construtoras.

Conclusão
A mente tem plenos poderes para atuar na Matéria, que se torna passiva e mutável diante do pensamento concentrado e habilitado na antiga Alquimia que os antigos definiram como a nobre arte de modificar a estrutura de tudo através de vibrações que penetram na rede quântica da matéria e reorganizam suas estruturas, conforme queira esse pensamento.

A Magia antiga pode ser plenamente explicada em termos cientificos… mas nem por isso deixa de ser Magia, por ser manifestada pelas nobres capacidades da mente treinada em seus misteriosos caminhos de infinitas possibilidades…

JP em 25.06.2021

Comentários

Botão Voltar ao topo