Espiritualidade

Reflexões 55

Religiões, Antes e Depois…

Essa imagem representa o ANTES e o DEPOIS das religiões e boas doutrinas espirituais do passado da humanidade, depois que os seres humanos as transformaram em instituições de poder, deturpando todos os seus ensinamentos em favor de suas políticas de controle.

A primeira pintura reconhece o talento do artista original, mas a segunda demonstra a corrupção dos humanos que deformaram as leis sagradas em nome de sua cobiça pessoal ao longo dos tempos.

Ou seja, a pintura borrada não anula o valor da excelente pintura original, através da qual a humanidade contemplava e compreendia a verdadeira Face de Deus através das palavras e exemplos dos mensageiros por Ele enviados.

E não através dos inúmeros atravessadores que cruzaram o caminho daqueles mensageiros e modificaram tudo com o tempo.

Discernimento é a porta de entrada da Sabedoria.
Mas a generalização é o primeiro sintoma da ignorância.

Porque grande é a ignorância que julga atualmente JESUS CRISTO não pela sua expressão original legítima, mas sim, pela horrível expressão distorcida que os maus religiosos criaram dele… tudo porque lhes faltou TALENTO E ARTE para reconhecer a Verdade do Mestre!

Deus não concedeu todas as habilidades para uma única pessoa para que pudéssemos aprender a depender uns dos outros naquela convivência ideal entre os membros de uma grande e única família espiritual.

A arrogância básica de querer ser o melhor em tudo simplesmente não funciona nesse modelo perfeito de sociedade evoluída.

JP em 24.04.2021

De repente, não é o mundo lá fora que mudou, mas sim a sua forma de vê-lo depois que você mudar por dentro.
Ou, em outras palavras, de repente, você despertou e viu as coisas como elas realmente são, e não como achava que deveriam ser enquanto estava dormindo…

O Universo é consciente.

Não existem falhas na Consciência Cósmica.

Tudo o que existe é uma didática para as consciencias individuais se aperfeiçoarem segundo o circuito de aprendizado da Consciência cósmica.

Não existe Matrix de aprisionamento.

Não estamos numa prisão, mas sim, numa escola.

Existe EGO ou imperfeição que ainda comete erros nesse universo consciente e precisa ser realinhado pela lei da atração combinada à lei do retorno.

Quando a pessoa desperta para a realidade do Universo consciente, cessa o vitimismo do ego, porque ela compreende que o único mal real é a sua própria ignorância limitando sua evolução espiritual dentro do Universo consciente.

Quando a pessoa desperta para a realidade do universo consciente, para de culpar tudo a sua volta por causa de seus fracassos e dores, percebendo que a causa do mal e a causa do bem estão dentro dela, e que se o mal acontece lá fora, é por reflexo do mal que ela ainda abriga dentro de si e, por ignorância, não conseguiu ainda discerní-lo do bem que também está dentro dela.

Quanto mais imatura e egocêntrica for a consciência, mais ela tende a apontar o erro na exterioridade, porque ainda está cega perante a sua condição de ignorância que a torna imperfeita, cheio de erros e ações equivocadas a atraírem situações limitantes e dolorosas no mundo.

O autoconhecimento é o começo da verdadeira liberdade.
Se existe uma matrix, ela é o ego de cada um, cuja regra é a ignorância das coisas, e não a visão desperta, e na sombra, esse ego cria todas as teorias possíveis para escapar de si mesmo e da própria culpa.

Prefere destruir todos os conceitos sobre a realidade cósmica do que assumir seus erros.
E assim, segue a humanidade em sua loucura moderna, querendo ditar as regras ao Perfeito…

Porque o Perfeito tudo sabe e tudo vê, até a nossa lamentável pretensão de querer saber mais do que Ele.

O Autoconhecimento nos liberta a partir de nós mesmos, quando a consciência conectada ao Perfeito se torna a nossa guia, não mais o nosso ego cheio de teorias mortas e criadas na cegueira da mais profunda ignorância do Perfeito.

Se existe uma Matrix aprisionando o humano moderno, ela é a mentira pessoal que cada um inventa para viver fugindo da inconveniente verdade de si mesmo…

A ignorância é arrogante, mas a sabedoria é humilde, porque o ignorante deseja muito falar do que pensa que sabe, enquanto o sábio deseja muito ouvir do que está certo não saber ainda…

A ignorância precisa se auto-afirmar nos seus discursos tolos, enquanto tudo o que o sábio precisa é se recolher cada vez mais no silêncio interior para ser preenchido da verdade que aprendeu a ouvir se fazendo vazio de suas opiniões, crenças e conceitos equivocados.
São caminhos opostos.

Enquanto o ignorante discursa nas sombras, o sábio escuta a luz no silêncio.

Estamos em tempos de profecias do Apocalipse?

Muita gente diz que nada está ocorrendo de diferente.
Mas a verdade é outra.

Na verdade, muita coisa já está acontecendo nesse sentido profético, a própria pandemia é uma praga de proporções apocalípticas, e o avanço da tecnologia digital ampliando cada vez mais o controle da humanidade, nos aproximando daquele sinal de reconhecimento da Besta, 666 (via W.W.W. conforme a Cabala das letras e números)

Fora toda a perturbação climática, recordes de temperatura, ciclones, desmatamentos, vulcões milenares despertando, etc.
E a própria ciência trazendo vez e outra suas pesquisas e estimativas sobre riscos de queda de asteroides, riscos de extinção da humanidade, etc.

O problema é que a tendencia é o povo se acostumar com o anormal até achar que é NORMAL, graças a um sistemático programa de adormecimento das mídias, dos jornais da TV, desviando sempre as atenções do povo adormecido.

E agora? Quem tiver olhos, que veja.
Quem não tiver, que durma e seja feliz no curto tempo que ainda lhe resta do NOVO NORMAL…
(como estão chamando agora o CAOS em tudo).

O pior cego continua sendo aquele que não quer ver… ele sempre vai dizer a si mesmo que tudo está normal, porque tem muito medo de ver a realidade das coisas.

O medo é o conselheiro mais mentiroso que existe.

JP em 25.04.2021

Positividade tóxica?
Definição

A positividade tóxica é como está sendo chamado um tipo de comportamento que invadiu as redes sociais e também a vida real.

Para a psicóloga Marta Monteiro, a geração das redes sociais sofre de positividade, além de tóxica, compulsiva.

E ainda faz a gente sentir culpa por estar sofrendo”, analisa.


A vantagem em ser criança é que elas não precisam assumir falsas identidades para agradar o meio social, o que acontece muito na atualidade, quando a sociedade do politicamente correto faz sua lista de exigências sobre as posturas que tornam você aceitável em seu círculo de aprovação.

Como disse Jesus: Seja seu sim ou seu não apenas SIM ou NÃO.

FINGIR estados de alma só para agradar e se alinhar com seus meios sociais de convívio não é o caminho para a sua cura.

Apenas piora a situação.

Não adianta nada sorrir para o mundo, fingindo que está tudo bem, só para ser aceito pelo mundo, enquanto se tranca no quarto para chorar.

Só trará mais divisões e conflitos ao ego já tão dividido e conflituoso.

Até porque uma positividade falsa, que não venha do coração, mas sim da pressão social, não resolverá nada, não curará nada. Só vai deixar você pior do que está. E te deixar muito deprimido.

Se você não está bem naquele dia, assuma o problema e resolva-se sozinho, ou então apoie-se em pessoas próximas, descartando aquele compromisso inútil de ter que parecer feliz todo tempo e toda hora para todo mundo e os círculos das redes sociais.

Nem entre na Internet naquele dia!

O mundo lá fora, com seus modismos digitais, pode esperar.
Mas o seu coração, não.

Estamos caminhando para uma sociedade digital distópica, fantoche de posturas impostas por tendências fúteis e comerciais de momento partilhadas em redes sociais?
A coisa e mais grave do que parece…

A voz do povo NÃO É a voz de Deus.
Mas não é MESMO!

É mais fácil encontrar a Voz de Deus dentro do seu coração, coisa que fica difícil se você trair sua própria consciência, perdendo o canal com a voz interior por causa da pressão das exigências sociais…

JP em 26.04.2021

Ester, a rainha intercessora

Um importante livro do Velho Testamento, o livro de Ester, funciona como analogia maravilhosa para desvendar os mistérios da face Deusa (O Eterno Feminino) junto a soberania do rei.

Ester (em hebraico : אסתר), também conhecida como Hadassa bat Avihail, tem sua história descrita no Tanakh e no Antigo Testamento. Foi esposa do rei persa Assuero (geralmente identificado como Xerxes, o rei persa que invadiu a Grécia e lutou contra os espartanos liderados por Leónidas I na Batalha das Termópilas e foi derrotado por Temístocles na Batalha de Salamina, mas também é identificado com seu filho Artaxerxès), e sua história é contada no Livro de Ester.

Entre os judeus, Ester é celebrada na festa de Purim.

Segundo o Livro de Ester, essa mulher originária da Judeia, chamava-se Hadassa, que significa mirta, em hebraico. Quando ela entra para o harém real, recebe o nome de Ester, que possivelmente era a designação dada à mirta, pelos medos. A palavra é bastante próxima da raiz do termo que designa tanto “mirta” como “estrela”, a forma da flor).

O Targum de Ester liga seu nome à palavra persa para “estrela”, ستاره setareh (em grego, αστέρας, transl. astéras), explicando que ela era chamada assim por ser tão bela como “a estrela da manhã”. No Talmud (Tratado Yoma 29a), Ester é comparada à “estrela da manhã” e é também considerada como tema do Salmo 22, cuja introdução é uma “canção para a estrela da manhã”. Alguns estudiosos do Livro de Ester acreditam que o nome Ester deriva da deusa Ishtar, sendo “Ashtoreth” um segundo nome dado pela bíblia hebraica para a deusa Ishtar.

O Midrash interpreta o nome Ester em hebraico como tendo o sentido de “escondido”. Ester escondia sua origem judia, conforme Mardoqueu lhe havia aconselhado.

Foi pela intercessão de Ester que o povo judeu foi poupado de ser eliminado cruelmente das províncias do rei através de uma ordem do rei influenciado pelo maligno Hamã.


Ester, Estrela, Istar-Vênus, outra relação com o povo de Vênus, os salvadores anônimos, os pescadores, os jardineiros da Terra.

Inclusive, a mirta era uma flor dedicada a Vênus-Afrodite nos mistérios antigos.

A divindade do Apocalipse disse de si mesma:
Eu Sou a estrela resplandecente da Manhã – Vênus.

A festa do Purim celebra a libertação dos judeus por mãos da bondosa rainha intercessora.

O nome “Purim” vem da palavra hebraica “pur”, que significa “sorteio”. Este era o método usado por Haman, o primeiro-ministro do Rei Achashverosh da Pérsia, para escolher a data na qual ele pretendia massacrar os judeus do país.

A Virgem Maria já foi chamada também de Stella Maris, e Estrela da Manhã, e o paralelo com a história de Ester deixa claro que o papel da Virgem Maria em nosso tempo é o de interceder pelos filhos de Deus diante do grande rei, o rei dos reis, Jesus Cristo.

A Bíblia, bem compreendida, revela todos os mistérios que, atualmente, muitos crentes qualificam como meras invenções esoteristas… o problema é a má interpretação da sabedoria bíblica no formato de crenças limitadas que não se alinham com os grandes e verdadeiros mistérios da fé.

E eles não excluem a Deusa, a Face Feminina de Deus, que nunca foi um ser masculino. Mas um Andrógino.

Mistérios que incluem a condição original andrógina da humanidade moderna como resgate alquimista do nosso status espiritual integral.

JP em 27.04.2021

A era dos juízes digitais fabricados em série

A triste realidade da especialização digital e dos doutores das redes sociais… porque Fake também começa com a letra F… a gradual diluição do conhecimento por causa da sua banalização e popularização sem filtros e sem freios… o que mais temos são juízes para julgar tudo e todos, mesmo sem conhecimento real presencial de nada… somente amparados por “experiência digital.

O Sistema está conseguindo o que quer, ou seja, criar uma nivelação do pensamento global, mais uma cartada na direção do controle absoluto da mentalidade humana manipulável via tecnologia.

A engenharia social do pensamento pré-fabricado…

Talvez…
Talvez os cientistas já tenham se reunido com os poderosos do mundo em suas cúpulas secretas e alertado que não há mais volta para o nosso planeta, a não ser o êxodo para outros planetas no futuro… o que justifica tantos investimentos em Marte.

Por isso, esses investimentos não são mais direcionados no resgate da Natureza ou do conserto planetário. Talvez porque eles já saibam que o que chega é inevitável.

E enquanto isso, distraem o povo com futilidades lucrativas, para custear aqueles mesmos investimentos dos quais esses mesmos poderosos pretendem se beneficiar, a custa do povo com cartão de extinção já nas mãos…

Isso pode até ser mais uma teoria da conspiração… ou não.

Recado aos especialistas digitais, que acham que tudo pode ser solucionado diante da tela de um computador e sentado numa poltrona…

O mal do mundo moderno tem nome:
GENERALIZAÇÃO SUBJETIVA.

JP em 28.04.2021

A Árvore da Vida é o símbolo do mais elevado Status de Existência

A existência natural e a existência tecnológica perfeitamente combinadas numa civilização que aprendeu a viver dos recursos do ambiente sem destruí-los ou sugá-los até a sua exaustão, sem procedimentos de renovação e reciclagem visando maior permanência.

A tecnologia mais avançada é aquela que imita os modelos naturais e marcha em paralelo aos próprios mecanismos inteligentes do Universo.

É perfeitamente possível combinar tecnologia e natureza sem que haja destruição ou esgotamento, desde que a COBIÇA HUMANA não determine as regras.

Deus criou um mundo natural perfeito, dotado de espaço suficiente e recursos abundantes para todos. E a maior demonstração de inteligência humana (ou alienígena) é a sobrevivência nestes mundos por longos períodos, atuando no mundo natural sem destruição ou esgotamento, mas sim com um fino e preciso equilíbrio entre o que é natural e o que é artificial, e entre o que tem que ser preservado e o que tem que ser extraído.

Inteligência é isso, é equilibrar os dois pratos da Balança.

Sem renovação consciente, nossa tecnologia nos terá transformado em gafanhotos devoradores dos recursos naturais, prestes a saltar a outros mundos quando este planeta se converter num deserto.

E a raça humana se tornará como a raça grey ou qualquer raça alienígena invasora de mundos.
Os filmes de aliens invasores na verdade são um espelho do que a própria raça humana já está se tornando.

Enquanto o monge caminha para o templo,
o templo caminha para o monge…

Enquanto o monge abandona sua antiga vida sem olhar para trás,
sua nova vida o contempla de frente a cada novo passo..

Enquanto o monge deixa pegadas e lembranças em sua estrada,
essa mesma estrada sob seus pés curam suas dores e apagam suas tristezas…

Enquanto o monge sente o vento e o tempo passando através de si,
o Universo vai edificando devagar e silenciosamente o seu futuro…

Enquanto o monge caminha para o templo
mais perto o templo fica dele,
compreendendo que a doutrina é a estrada,
que a sabedoria é a paciência,
que a chegada é a realização,
e que o templo está dentro dele…

Aquele conhecimento a ser buscado
o mais importante de todos,
chamado Autoconhecimento,
este, quase ninguém busca.

Este, que deveria ser o estudo elementar diário em nossas vidas,
raramente alguém o pratica,
e mesmo que o autoconhecimento seja a via real para o conhecimento de todo o Universo
por efeito,
as pessoas preferem apenas estudar o lado de fora da existência
e na sua desconexão
especular sobre tudo
e saber sobre nada.

O adormecimento da consciência produz este e outros estados humanos contraditórios…

JP em 30.04.2021

A Glândula Pineal, o corte cerebral e o Olho de Hórus nos monólitos

Já estudamos estes conceitos por aqui, mas é bom retomá-los, até porque dois monólitos já apareceram com imagens do Olho de Hórus, símbolo egípcio do Olho de Deus, a Luz, a Onisciência, e que, no nosso caso, se manifesta (estes dons) com a glândula pineal acionada.

Parte das mensagens dos monólitos se associam a estas analogias para dizer que é urgente o despertar nos tempos tenebrosos que vivemos, quando todos os símbolos sagrados de poder, incluindo o Olho de Deus, foram roubados pelos poderosos para criar sistemas desviados da Luz e do propósito da Luz.

Muita gente limitada pensa que são símbolos malignos em origem, mas estão adormecidos.
São símbolos de luz e de poder divinos que encontram conexões com a realidade humana.
Quando o Olho interno da mente do homem despertar, ele verá tudo o que ignora nestes tempos em que a crença saída da letra morta é a sua única “luz’ neste vale de trevas.

Estamos vivendo um tempo em que despertar a consciência significará sobreviver.
Porque se Noé não estivesse desperto, não ouviria a Voz de Deus lhe orientando em como sair do planeta Terra que seria inundado… arrebatados são seres que acordaram e ouviram a Voz do Salvador, e não adormecidos que não podem ver e ouvir nada além do muro de suas crenças.

E por estarem dormindo, não entenderão estas novas mensagens do Salvador em nosso tempo nos renovados sinais, achando que todas elas são do diabo, de anjos caídos ou dos dominadores do mundo, generalizando tudo nesse estado de ignorância…

JP em 01.05.2021

Monólitos e sociedades secretas?

Eu nunca declarei que todos os monólitos, até os mais importantes, são necessariamente obras de extraterrestres.

Até já falei sobre humanos por trás de alguns objetos, por exemplo, de sociedades secretas, algumas até conduzidas por outras inteligencias.
Temos que pensar nas possibilidades. O fato é que os objetos se encadeiam numa mensagem complexa e que tem um tremendo sentido se vista em conjunto!

Aparecendo em diversos países, mas como que trocando mensagens entre si através de muitos destes símbolos que, inclusive, são familiares nestas ordens secretas e círculos herméticos.

Então, mesmo que alguns monólitos tenham o dedo humano, não é qualquer humano, mas é alguem que sabe exatamente o que está fazendo, com um propósito por trás.
Não é obra de nem de artistas obscuros e nem de empresas de publicidade.

Estudando eles desde o começo, percebemos claramente um corpo de mensagens conectado de forma harmoniosa. Se são mensagens para o mundo, se são mensagens trocadas entre estas sociedades, ou se são as duas coisas, eu não sei.
Se são sociedades do bem, ou do mal, ou as duas coisas, eu não sei.

Eu só sei que, mesmo que alguns destes objetos tenha saido de mãos humanas, não são de humanos comuns só querendo aparecer.
Isso explica porque alguns monólitos são mais rústicos que outros.
Mas não invalida o trabalho coordenado por trás de todos eles.

São humanos dentro de um trabalho sigiloso de troca de informação em código.
Podem ser que hajam mesmo extraterrestres em contato com essas ordens e por trás desse trabalho.

Ora, muita gente aceita as teorias de alienígenas infiltrados em alguns governos mundiais.
Por que não poderiam estar trabalhando por trás de sociedades secretas, e que são muitas e desconhecidas neste mundo?

E esse trabalho está dando muito certo, porque passa invisível sob os olhos de uma humanidade superficial, cética e debochada, que julga tudo pela aparência e não quer pensar em assunto algum por mais de um minuto antes de passar para o próximo a preencher o seu cotidiano com novidades que serão esquecidas amanhã.

Quase seis meses do fenômeno, uma coisa parece certa:

não são humanos comuns, artistas liberais.
não são propagandas de marketing comercial.

Porque são mensagens que, desde o começo, se conecta num grande mapa de informações, numa espécie de código em rede mundial, coisa típica de sociedades secretas.

Quem está por trás de tudo isso, creio que esse é o maior mistério aqui.
Porque o propósito das mensagens já me parece muito claro.
E sabe qual a maior tática destas sociedades, reconhecida desde o mundo antigo?

Passarem invisíveis por debaixo dos olhos do mundo que elas controlam, e por estarem invisiveis, o controle é eficiente.

Definição perfeita!A ciência arrogante que nega a existência das inteligências extraterrestres deveria emoldurar essa declaração e sempre olhar para ela antes de assumir seu negacionismo ateísta materialista.

Muito antes de Nikolas Tesla dizer isso, todo gênio real não só entendeu como USOU o seu cérebro dessa forma, compreendendo as conexões entre a sua inteligência pessoal e a nutrição do Universo na forma de inspirações reais.

Coisa que atualmente anda faltando muito aos cientistas modernos, totalmente dependentes de computadores para tudo… coisa que na época de Tesla e antes dele, não havia.
Por isso, tantos gênios reais no passado e nenhum gênio na era moderna digital.

Porque máquinas não se conectam com a fonte da Inteligência cósmica…

JP em 03.05.2021

O Tempo é Absoluto (Newton)
O Tempo é Relativo (Einstein)
O Tempo foi inventado por um fabricante para vender relógios (Marx)

O tempo em três tempos
na visão de um cientista da era clássica
na visão de um cientista da era revolucionária
e na visão de um materialista (visão descartável).

Na visão espiritual consciente,
tempo é energia em movimento,
e cuida de produzir a EVOLUÇÃO CÓSMICA.
Sendo absoluto em seu propósito
e relativo em sua maneira de atuar.


Quando o tempo é o caminho…

Viver o presente não significa esquecer o passado ou ignorar o futuro.
Viver o presente, de verdade,
significa ter as as experiências instrutivas do passado muito bem solidificadas na lembrança,e ao mesmo tempo, em função disso, significa ter uma percepção consciente de todas as oportunidades no futuro…

Isso é viver plenamente o presente, preservando a consciência do tempo em todos os agoras que virão.

Quem esquece das lições do passado se torna prisioneiro dos mesmos erros no futuro.
E perde todas as oportunidades de crescimento no eterno agora.
Porque o tempo é apenas uma estrada que está lá para nos ensinar a caminhar…

Os Seres NAGA – os Iniciados

Uma visão incrível em Angkor Wat, Camboja, uma estátua de cobra (naga) de 7 cabeças. ??

Na mitologia indiana, seres metade serpente e metade humanos chamados Naga eram vistos como guardiões de rios, poços, nascentes e de toda a água potável.

Na verdade, estes seres híbridos de humanos e serpentes representavam os INICIADOS na antiguidade, que despertaram os sete chakras nos sete graus do poder do kundalini (a serpente raiz ou energia matriz na raiz da vida, o osso coccígeo).

Mas hoje em dia, essa sabedoria da Iniciação, que é a entrada do Segundo Nascimento (Jesus faz menção à serpente de bronze de Moisés como chave do segundo nascimento), tudo se perdeu, e de um lado, vemos os crentes julgarem tudo como símbolo satânico, e os conspiradores UFO falarem apenas em reptilianos.

Mesmo havendo referências na própria Bíblia e em diversos outros textos sagrados sobre o aspecto divino da serpente na equação do segundo nascimento (via transmutação dos instintos em energia mental que dá apoio a consciência desperta)

A generalização aliada à ignorância moderna está causando uma verdadeira devastação da sabedoria divina dada por herança ao mundo.

E essa ignorância se deve a uma total ausência de autoconhecimento no nível muito baixo de consciência humana moderna, cada vez mais educada pela programação digital.

Conectadas com a Rede mundial on line o tempo todo, mas desconectadas com o Universo inteligente, e que nunca saberão o que significa renascer em vida pela conexão com o Cosmos consciente.

JP em 05.05.2021

Comentários
Compartilhar

Botão Voltar ao topo