Os Dimensionautas

A evolução das viagens do homem

Tudo começa a partir da definição do termo NAUTA, ou nautismo:
Referente à atividade náutica, que foi a primeira forma do homem expandir a conquista de novas terras além do mar, através de barcos.
Logo depois veio a conquista do ar e, mais tarde, do espaço.
Em breve, virá a conquista do hiperespaço da quarta dimensão,
e por fim, a fronteira final:
a conquista da mente.

Nauta (marinheiro, viajante dos oceanos)
Aeronauta (piloto de aviões, viajante dos espaços aéreos)
Astronauta (piloto de foguetes, viajante dos espaços acima da atmosfera, rumo aos astros)
Onironauta (controlador de sonhos lúcidos, viajante dos sonhos)
Ufonauta (condição de extraterrestres em suas naves viajando além das estrelas e das galáxias)

DIMENSIONAUTA
Este termo assume dupla condição em aspecto de viagens e deslocamentos por dimensões:
condição tecnológica e condição psíquica.

O termo CRONONAUTA é sinônimo aqui, porque quem viaja no tempo, está na verdade viajando por dimensões onde os tempos, ciclos e duração de períodos são alterados.
Viajar por dimensões, portanto, implica em viajar no tempo.

Extraterrestres são seres dimensionautas por meios tecnológicos, isto é, suas naves podem saltar os atalhos do espaço-tempo, aqueles buracos de minhoca estendidos na zona do hiperespaço 4D.

Espíritos que controlam a MENTE se tornam viajantes do pensamento, e conseguem colocar seus corpos e almas em outros estados de vibração, o que significa mudança dimensional.
Viagens astrais são exemplos desta condição psiquica superior.

Dimensionautas,
tanto em termos de tecnologia avançada como em termos de psiquismo desenvolvido,
são os modelos de viagem dos espíritos realmente evoluídos do amanhã,
que virão e sairão do grupo de humanos que já realiza esses prodígios,
e dos extraterrestres que, um dia, nos ensinarão como realizar o mesmo com tecnologia.

O que separa a alma humana de Deus, a fonte de tudo, é mais do que apenas estados de matéria e energia.
São muitas fronteiras dimensionais a serem cruzadas pela nossa consciência.
De modo que a nossa busca, inevitavelmente, nos tornará, a todos nós, algum dia,
seres dimensionautas.
Ou seres que viajam no próprio pensamento, e que tem na própria mente a sua nave particular de grandes jornadas de corpo e de espírito!

E quem precisa de tecnologia melhor do que essa?

JP em 02.10.2020

Comentários
Compartilhar