O Tempo de Deus

O tempo de Deus se chama eternidade.
Não existe o tempo de Deus. Tudo, agora mesmo, desde o mais longínquo ontem até o mais distante amanhã, jaz no Eterno Momento de Deus.

Nós, criaturas limitadas, de consciência finita, é que nos movemos nas pequenas rodas inseridas dentro do Tempo de Deus, que é Atemporal.
E como compreender isso, senão que apelando para o mesmo exemplo da Roda?
Tempo são tempos. Ciclos menores alimentam os ciclos maiores, como grandes serpentes devorando as pequenas.
Os segundos alimentam os minutos, que alimentam as horas, e os dias, e os anos, e as eras, desde o mundo atômico até o mundo cósmico, pequenas rodas dentro de grandes rodas girando sem parar, cada uma com sua própria velocidade.

E qual é o único lugar de uma roda que não gira?
O seu eixo comum, dando impulso ao movimento circular das rodas do tempo (espirais de evolução).

Assim sendo, cada vez que a nossa consciência se expande, ela conquista um campo de visão aumentado numa roda superior, e da mesma forma, com o adormecimento da consciência, vem o domínio o ego e o esmagamento da alma dentro de espirais involutivas, as pequenas rodas da matéria.

Dessa maneira, a Eternidade de Deus permanece o que é, Imutável Luz para a qual a Mecânica dos aprendizados visa nos elevar dentro do tempo. O Tempo fornece as experiências, mas somente a força de atração consciente da alma pelas dimensões maiores da vida é que poderão transformar todas as sementes do tempo em frutos de sabedoria.

Porque tanto a semente como o fruto sairam da Eternidade, e para Ela devem voltar um dia.
Como semente ou como fruto.
Para o Eterno, Infinito e Imutável, não haverá prejuízo algum se muitas almas fracassarem em suas rondas.
E na verdade, cada alma que ascende cristificada ao Seio do Eterno faz valer toda a obra de um universo inteiro.

Porque um único espírito transformado à imagem de Cristo é a alma viva que nutre todo um Universo.
Porque no Princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus.
E todas as coisas foram criadas por Ele…

Quando você olhar para as estrelas novamente, lembre-se, tudo é apenas matéria e energia.
Porém, para Deus, esses espaços estrelados valem muito menos do que a vida de um Filho Seu que se torna Primogênito de Sua Criação.

JP em 05.12.2020

Comentários
Compartilhar