EspiritualidadeMistérios

O Alfa e o Ômega da Virgem Maria, de Compostela a Medjugorje

A Igreja de São Tiago Maior

Uma estranha relação acontecendo aqui.
Por que a Virgem Maria escolheu a cidade de Medjugorje para encerrar seu ciclo de aparições e mensagens pelo mundo?

Além de estar numa região estratégica, que já foi palco de muitas guerras e até de um genocídio sob fachada de Guerra (Guerra da Bósnia, entre 1992 e 1995), chama a atenção que a principal Igreja da cidade seja a Igreja de São Tiago Maior, importante espaço sagrado dentro das muitas aparições marianas na cidade.

A construção da antiga igreja da paróquia terminou em 1897, logo depois da criação da paróquia (1892). Era, para aquele tempo, uma construção espaçosa e bonita para sua época. Feita sobre o solo instável, entretanto, logo começou a apresentar rachaduras. Imediatamente após o fim da primeira guerra mundial, os paroquianos começaram a pensar em construir uma nova igreja. A construção durou de 1934 até 19 de janeiro de 1969, quando foi consagrada.

A curiosidade é que o primeiro mártir de Cristo foi justamente São Tiago Maior, ou Tiago Zebedeu (digo, o primeiro mártir entre os doze apóstolos), irmão de São João, e quando ele pregava os evangelhos na Espanha, recebeu a primeira aparição da Virgem Maria, por volta do ano 40 dC, e a Virgem lhe apareceu sobre uma elevada coluna vermelha, pelo qual essa aparição é conhecida como Nossa Senhora do Pilar.

A aparição de Nossa Senhora do Pilar foi uma bilocação, isto é, estar em dois lugares ao mesmo tempo, pois nesta época Maria morava na Terra Santa, quando ao mesmo tempo apareceu na Espanha para o apóstolo Santiago Maior.

O titulo de Nossa Senhora do Pilar é o mais antigo da Virgem Maria.

Artigos relacionados

Segundo uma visão da freira alemã Anna Catarina Emmerich (1774-1824), Maria, a mãe de Jesus, teria aparecido diante do apóstolo Tiago quando este se encontrava em Saragoça, na Espanha, no século I. Maria estaria envolta em uma coluna de luz e lhe teria ordenado a construção de um templo naquela localidade.

O mesmo apóstolo que se cercou de todas as tradições do famoso caminho de Santiago de Compostela.

Santiago de Compostela é a capital da região de Galiza, no noroeste da Espanha. A cidade é conhecida como o ponto culminante da rota de peregrinação dos Caminhos de Santiago, e o suposto local de sepultamento do apóstolo bíblico São Tiago.

Os restos mortais dele estariam dentro da Catedral de Santiago de Compostela, consagrada em 1211, cujas fachadas de pedra elaboradamente talhada se abrem para grandes praças no interior das muralhas medievais da cidade antiga

Ou seja, o apóstolo Tiago seria a primeira coluna espiritual da Igreja de Cristo (entre os doze apóstolos), dai o motivo da Virgem lhe aparecer sobre uma coluna de vermelho sangue, o sangue do martírio em nome da Verdade de Cristo.

E escolhendo a cidade onde se destaca a Igreja do mesmo Santiago apóstolo, é como se Maria quisesse indicar o fim do ciclo de aparições e mensagens ao voltar ao ponto de partida, isto é, Santiago apóstolo.

Porque o fim toca o começo, a serpente morde a cauda.

Alfa e Ômega e Jesus retorna para a grande colheita.

JP em 28.10.2021

Comentários

Botão Voltar ao topo