Índios de uma tribo intrigam o mundo com seus olhos azuis e brilhantes

Na Indonésia, a maior parte de sua população tem olhos escuros, mas uma tribo em uma ilha daquele país impressiona o mundo com seus olhos excepcionalmente azuis e um brilho particularmente profundo devido a uma rara condição genética.

Os habitantes do local foram capturados por um fotógrafo, Korchnoi Pasaribu, que mostra em suas imagens postadas em seu Instagram , as peculiaridades que os membros de uma tribo possuem na ilha de Buton.

Foi no dia 17 de setembro que o fotógrafo, que trabalha com geologia, visitou a ilha de Buton, onde vive a tribo dos “olhos azuis”.

Os povos tribais sofrem da síndrome de Waardenburg , uma doença genética rara que faz com que os olhos fiquem azuis. Não há problemas de visão e apenas o excesso de luz causa lágrimas. Mas às vezes traz um problema não visual: surdez.

A síndrome de Waardenburg é herdada de apenas um dos pais que transmite o gene defeituoso para que seu filho seja afetado.

Embora afete aproximadamente uma pessoa em 42.000 no mundo, é mais comum nesta tribo porque muitos de seus membros são familiares.

De crianças a adultos, homens e mulheres sofrem desse distúrbio genético. Em alguns casos, seus olhos podem ser de cores diferentes, um escuro e outro claro.

“Os olhos azuis são únicos e bonitos , além de serem minha inspiração”, disse Pasaribu.

Fonte

Comentários
Compartilhar