Templates by BIGtheme NET

O novo idioma para a humanidade decifrar – mandalas de energia e arquétipos (parte 5)

Alguns me perguntam:
porque mensagens em campos abertos de cereais e cultivo?
Porque se estas mensagens viessem pelos radares do SETI, sabe quando os governos as repassariam ao mundo?
Nunca.
E como o mundo tem que saber, foi a melhor forma de passá-las.
ET não é bobo não!
Conhece o bicho-homem melhor do que ele mesmo.

Ao estudar o fenômeno crop circle, entendemos perfeitamente os motivos dos alienígenas usarem esta, e não outras formas convencionais de contato, aquelas mesmas que, caso viessem através da Na$a ou do SETI, seriam bloqueadas, interceptadas e não repassadas para a humanidade, aliás, como todo o resto… por isso, as mandalas de energia e vórtices dos campos falam de um CONTATO ABERTO com a humanidade, crendo ela ou não… e eu digo, esse contato na forma de mensagens está terminando, e vai saltar para um novo status a qualquer momento, e aos que compreenderam a linguagem dos arquétipos, estes terão a chance de entrar em sintonia… segue aqui a parte 5 do novo idioma da humanidade…

As mensagens, mesmo sendo públicas, tem esse aspecto do ceticismo da parte de muitos, e por outro lado, da dificuldade de interpretar.

Então, são um fenômeno contido em si mesmo, discreto por sua natureza, promovem o contato mas não promovem a histeria. Eles tem tempo, amadureceram e pegam uma faixa de pessoas mais preparada, mais sintonizada, digamos assim, com suas informações.

Acho que, no formato que está, está perfeito porque alcançou um equilíbrio,informando o mundo de forma discreta, e não podendo ser evitado pelos governos, quase com caráter seletivo.

E você nem precisa decifrar tudo. São mensagens além do próprio sentido intelectual ou interpretativo. São mandalas que interagem com a nossa mente por uma estranha energia e uma componente de sabedoria ancestral que está armazenada no Subconsciente de toda a humanidade, porque ela versa no idioma dos arquétipos.

Não versam em idiomas específicos, e sim, no universal código dos números, da geometria, das formas…. todas as raças da Terra e do céu podem entendê-las no mesmo lance. E capta-las na mesma energia. Elas irradiam muita energia mental. Já experimentou pegar uma delas e colocar como objeto de visualização e meditação?
Por exemplo:

Se só de ver as pessoas relatam coisas incríveis sobre os crops circles, imagina alguém que entra dentro disso… sabe, todas as pessoas que tem a chance de entrar DENTRO da formação, sentem vertigens, zumbidos, sentem pressão no cérebro, sentem tontura, sentem um impacto muito forte de energia, mas cada qual reage a sua maneira. Mas nenhuma pessoa fica insensível, é como se estas formações tivessem vida própria e pulsassem… coisa difícil de imaginar se fosse o caso de dois velhinhos ociosos com tábuas e cordinhas de conseguir tudo isso… né não?

A arte é uma forma de comunicação muito mais emocional que intelectual, e há muita arte nesses trabalhos, além de mensagens matemáticas especiais sob inúmeros códigos e padrões facilmente reconhecíveis.

Eu, por exemplo, primeiro identifico emocionalmente as imagens dos crops circles, pela expressão artística delas, e é como se, dessa expressão artística, brota uma intuição particular para apreciar seus múltiplos significados.

Acredito que os cientistas geniais sacaram as leis da natureza sentindo primeiro o calor artístico de suas formas harmoniosas, depois a inteligência trabalhou para buscar entendimento de suas leis, também sob padrões, identificáveis.

E a energia que estas imagens emanam, por si só, as diferenciam de obras meramente humanas. Porque fraudadores podem por tudo em seus modelos, menos energia. E a estranha energia que elas emanam é o que ninguém explicou ainda.

Em todas as formas de comunicação, o primeiro passo é identificar padrões de repetição. Assim é que se traduziram os idiomas antigos, na forma de hieróglifos repetidos e comparações com outros idiomas conhecidos. E com a ajuda da Pedra de Rosetta.

Não falo de comunicação na forma de balbuciar ou gesticular. Falo de interpretação de idiomas estranhos pelo método da repetição de padrões e comparação com idiomas paralelos, dum mesmo tronco linguístico.

O idioma sumério, o egípcio, o maia, muitos foram assim traduzidos, e penso seja a via da tradução e interpretação dos crops circles, sem bem que, mesmo traduzidos, muitos hieroglifos maias e egípcios continuam até hoje sem total interpretação.

E com base nessa linguagem de padrões, para mim, a grande maioria dos crops circles (os que seguem tais padrões) são sim comunicação extraterrestre.

Agora, para elucidar de vez o fato deles preferirem seja dessa forma e não de outra, aí, só perguntando para eles.

Com certeza eles tem suas razões.

E as razões deles devem ser muito diferentes das nossas razões.

No caso dos crops circles, (2019) em 29 anos de comunicação contínua, poucos estudiosos perceberam faz tempo essa repetição de padrões, e apesar de símbolos diferentes a cada temporada, os padrões sempre aparecem. E baseado nisso, uma interpretação é possível.

Mas  leva tempo. Quem tiver paciência e tempo e reunir 29 anos de informação (Saturno, 29-30, colheitas…), pode identificar esses padrões, cruzando-os com um “alfabeto” já conhecido, que é o alfabeto dos símbolos, dos números, das geometrias e proporções.

Toda forma de comunicação é um tipo de código que assume padrões, como o enigmático Manuscrito Voynich. O problema está em achar uma escrita similar para efeito de comparação, o que não é problema nos crops circles, porque a grande maioria dos símbolos e elementos ali recorrentes são conhecidos. Essa é a brecha que os céticos usam como argumento para fraude. Contudo, porque humanos de todos os países onde eles aparecem e ao longo de 29 anos combinariam um alfabeto-padrão nas formações? Insistindo numa mensagem continuada, e nada comercial em sua grande faixa de produção?

Será que existe uma organização secreta e humana Crop Circle atuando em todos os países desde 1990? Tem que ache mais confortável essa explicação.

Mas eu prefiro a explicação extraterrestre.

os crops circles estilo pictogramas, com mensagens inteligíveis (e decifráveis, portanto) começaram precisamente em 1990.

Antes, se resumiam a círculos e anéis, sem maiores conteúdos.

Mas após 1990 começaram a aparecer formações estranhas com claras mensagens e até “assinadas”. Até agora, sem interpretações (oficiais).

Foi o chamado SALTO CROP CIRCLE, e desde então não pararam mais.

1990-1991: O FENÔMENO EXPLODE!

http://www.cropcirclesecrets.org/crop_circles_history90.html

Acima, o primeiro crop circle com mensagem inteligível e codificada, na Inglaterra em 23 de Maio de 1990: a chave 11-11 da conexão dimensional entre dois sistemas/entidades.

JP em 02.03.2019

 

Comentários