Torres de metano no céu

Em 2008, os soldados que se deslocaram para o Iraque, graças aos seus dispositivos de visão noturna, puderam ver as bobinas de metano queimando. Desde então, essas espirais ou torres de metano foram vistas em diferentes partes do mundo.

Em Escanaba, Michigan, a explosão de um transformador durante uma tempestade elétrica, emitiu uma espiral de metano que havia sido liberada por um terremoto.

No final de 2014, um raio de metano nos Urais transformou a noite em dia por alguns momentos, para surpresa dos motoristas.

Em agosto de 2015, essas torres de luz eram tão íngremes que pareciam holofotes apontados para o céu.

As torres de metano vistas recentemente são ainda mais baixas, nas nuvens baixas, de modo que o metano em chamas está sob pressão e continua se afastando do solo, na forma de um tubo.

Nas áreas do mundo onde o estresse ou a tensão nas rochas e a liberação de metano são intensos, como acontece ao longo do Seaway que está sendo dilacerado, essas torres de luz continuarão a ser vistas.

Fonte

Comentários
Compartilhar