Navio do século XVII é encontrado em ótimo estado de conservação e ainda cheio de mercadorias

Mergulhadores finlandeses encontraram um navio afundado magnificamente preservado de quase 400 anos no Mar Báltico.

Os mergulhadores são voluntários — de um time sem fins lucrativos chamado Badewanne que costuma descobrir naufrágios do último século, geralmente da Primeira e Segunda Guerras Mundiais — ficou muito surpreso com a descoberta do navio em excelentes condições do século 17.

Os porões do navio ainda estão cheios de mercadorias

O navio é um ‘fluit’ da Holanda, descoberto próximo a foz do Golfo da Finlândia, no oriente do Mar Báltico. Ele está a cerca de 85 metros de profundidade o que exige mergulhadores experientes e especializados, por ser um mergulho bastante técnico que usa mais de uma mistura de gases em fases diferentes do mergulho.

Foram observados poucos danos causados por redes de arrasto, fora isso o navio parece estar em um estado de animação suspensa, possivelmente por causa de características destas águas que combinam baixa altitude, salinidade, temperatura e luz ideais para que as embarcações fiquem bem preservadas por séculos.

O estado de preservação do navio de cerca de 400 anos é magnífico

Em locais em que a água é mais quente os organismos que degradam a maneira são muito comuns, mas a combinação de fatores do Mar Báltico deixaram esse museu subaquático intacto para nosso deleite e conhecimento.

De acordo com os mergulhadores os porões da embarcação estão lotados de produtos que ainda devem ser investigados. Na época do navio os holandeses eram os maiores navegadores comerciais dessa região.

Fonte

Comentários
Compartilhar