Decodificando o primeiro monolito na Índia

O primeiro monolito da India traz coordenadas!

Monolito da Índia em 30.12.2020

O mistério dos monólitos se aprofundou depois que um apareceu em Thalttej, Ahmedabad, propriedade de Gujarat, Índia.
Alguns números de latitude e longitude estão escritos nele.
O monólito em Ahmedabad fornece algumas pistas sobre o que ele pode representar.

O jardim em Ahmedabad, onde esta estrutura foi avistada, foi desenvolvido pela Ahmedabad Municipal Corporation e uma empresa privada no modo PPP.

Nem a empresa municipal nem a empresa privada sabem até agora da origem desta estrutura.


Um dos lados tem alguns números gravados nele. Esses números, listados abaixo, oferecem algumas pistas sobre uma afinidade com a natureza e a proteção da vida selvagem.

O mistério dos monólitos se aprofundou depois que um apareceu em Thalttej, Ahmedabad, propriedade de Gujarat, Índia.

Alguns números de latitude e longitude estão escritos nele.

Há Latitudes e Longitudes escritas neste monólito, cinco posições (todas na própria Índia)

1) Templo de Devagiri Mata ji, perto de Kharbuja Kacha, Jawai Bandh, Rajasthan 306126, Índia.
2) Rajasthan 322025, Índia.
3) Kotdwar, Uttarakhand 246149, Índia.
4) NH715, Assam, Índia.
5) Bichhiya, Madhya Pradesh 481995, Índia.

Noticiário local

****************************

Decodificando as coordenadas

Aparentemente, elas têm relação com áreas de preservação animal e vegetal, algo que nos conecta diretamente com o monolito da Bolívia e suas mensagens direcionadas à amada morada Terra (Ki) e os cuidados com suas pequenas crianças (animais, e toda a vida planetária)

Este belo monolito, inclusive, apareceu no meio de um jardim daquele hotel.
Amada morada, Jardim Original, Éden perfeito criado por Deus.
E a Índia é um país de grandes florestas e uma fauna muito rica e típica, como os tigres e os elefantes, a cobra real e outros espécimes.

Começando pelo local onde o monolito apareceu.
Thaltej, Índia.
Thaltej é uma vila no distrito de Ahmadabad, no estado indiano de Gujarat.

Coordenadas: 23,06741 ° N 72,5121 ° E
O Ãngulo da longitude, 72°, o mesmo ângulo do Pentagrama-Vênus, cinco pontas.
E foram cinco coordenadas impressas na chapa do monolito.

A coordenada ZERO, isto é, do local onde a peça apareceu, Thaltej, não foi inserida na chapa.
A coordenada UM nos leva a um Templo.

O Templo Karni Mata ( Hindi : करणी माता मंदिर) é um templo hindu dedicado a Karni Mata em Deshnoke , a 30 km de Bikaner , em Rajasthan , Índia . Também é conhecido como Templo dos Ratos .

O templo é famoso pelos aproximadamente 25.000 ratos negros que vivem e são reverenciados no templo. Esses ratos sagrados são chamados de kabbas, e muitas pessoas viajam grandes distâncias para prestar homenagem. O templo atrai visitantes de todo o país para receber bênçãos, bem como turistas curiosos de todo o mundo.

Ou seja, uma primeira referência aos animais (ratos), alias, na Índia, muitos animais são sacralizados, como a Vaca, o Elefante, o Macaco etc.

A Coordenada DOIS nos leva a uma região de Rajasthan, dada por código postal
Khandar, Índia, Rawara, Índia, Peeplet, Índia (322025)
Tomando a área de Khandar, Khandar era famoso pelo antigo Forte Khandar.
É também atravessada pelo rio Banas.

chaturbhuj nathji.templo

O Forte Rameshwaram fica a 20 km de Khandar, na confluência dos rios Banas , Seep e Chambal . Há um belo templo ao Senhor Chaturbhuj Nathji. Também há um templo Shiva no ghat do rio Chambal, que é um monumento muito antigo, mas está desabando por falta de cuidado.

Leia também  Monolito misterioso da Califórnia é destruído por grupo cristão radical

Coordenadas do Forte de Khandar: 26 ° 1’24 “N 76 ° 36’25” E
Outro número cabalístico importante: 26 (YHVH)
Há também outros templos,

Charbhuja é um famoso templo do Senhor Vishnu na vila de Garhbor no distrito de Kumbhalgarh Tehsil de Rajsamand, no estado de Rajasthan , Índia . Charbhuja é outro nome do senhor Vishnu devido às suas quatro mãos.

Associações
A Índia é repleta de templos… e aqui, o monolito está a fazer a mesma associação com as igrejas do mundo ocidental, perto das quais têm aparecido. O sentido de proteção espiritual (incluindo o Forte local). E associando isso com a vida animal, podemos ter uma ideia próxima da intenção da Arca de Noé protegendo a vida humana remanescente e a fauna recolhida de várias partes do mundo.

O nome da região, RAJASTHAN, significa literalmente TERRA DE REIS.
A referência aos antigos reis da Terra, os deuses estelares?

A coordenada TRÊS nos leva a cidade de Kotdwar, coordenadas
29 ° 45′0 ″ N 78 ° 31′48 ″ E

Kotdwar é famosa pelo seu conhecido e sagrado Templo Sidhbali, situado a 2 km (1,2 milhas) de Kotdwar. O Templo de Sidhbali é dedicado ao Senhor Hanuman e é visitado por centenas de crentes durante todo o ano.

O Senhor Hanuman é o deus macaco do ciclo de lendas associados ao deus RAM, a sétima encarnação de Vishnu em conta.

Outra vez, referência a animais (sagrados).

Templo Sidhbali

Kotdwar significa Portal para Garhwal porque é um portal para as colinas da região de Pauri Garhwal em Uttarakhand.

PORTAL é um acréscimo importante ao significado dos monolitos, afinal!
A região fica no sopé do Himalaya, outro sentido paralelo ao surgimento de monolitos em colinas mundo afora.

Kolia Bhomora Setu no caminho NH 715

A Coordenada QUATRO nos leva a uma rodovia,
NH715, Assam, Índia.
A rodovia nacional 715 ( NH 715 ) é uma rodovia federal da Índia . Ele conecta Tezpur e Jhanji em Assam.

Kolia Bhomora Setu no caminho NH 715, uma ponte na região, cujo nome significa
A PONTE PARA O SUCESSO. Monolitos no sentido de PONTE, outra coordenada que acrescenta informações dentro do contexto.

O Rinoceronte branco

A rica região de ASSAM

Assam é o lar do rinoceronte indiano de um chifre , junto com o búfalo -da- índia selvagem , o porco-pigmeu , o tigre e várias espécies de pássaros asiáticos, e fornece um dos últimos habitats selvagens para o elefante asiático . A economia assamesa é auxiliada pelo turismo de vida selvagem no Parque Nacional Kaziranga e no Parque Nacional Manas , que são Patrimônios Mundiais .O Parque Nacional Dibru-Saikhowa é famoso por seus cavalos selvagens . No estado encontram-se as florestas de árvores de Sal que, devido às chuvas abundantes, ficam verdes o ano todo. Assam recebe mais chuvas do que a maior parte da Índia; essa chuva alimenta o rio Brahmaputra , cujos afluentes e lagoas marginais proporcionam à região um ambiente hidrogeomórfico .

Isso explica a inserção da região de ASSAM nas coordenadas do monolito, fazendo sentido com relação aos propósitos da Arca de Noé e a morada (Ki), o Jardim de ANU.

Leia também  Crops Circles "Leonardo da Vinci"

A coordenada CINCO nos leva a Bichhiya, uma vila na região de Madhya Pradesh.

(Madhya Pradesh 481995, outro código postal de área)
Coordenadas:
22°58’07.1″N 79°24’40.3″E
O Estado de Madhya Pradesh, onde se encontra Bichhiya, também é rico em templos antigos e fauna peculiar.

Mas o que mais me chamou a atenção foi a localização de um sistema de monitoramento climático!
E me veio a associação entre os monolitos e as anomalias nos radares de todo o mundo, começando no México, em setembro de 2019, incluindo a Índia, com imagens também de setembro:

Este foi o endereço da quinta coordenada!

Anomalia radares sobre a Índia em setembro 2019

Incluindo anomalias nos radares da Índia que vieram com códigos e coordenadas!
Como se monolitos e estas anomalias se associassem, monolitos significando as pontes de energia entre a Terra e o céu, dimensões superiores!

Anomalia radares sobre a Índia em setembro 2019

Segue o link do site do radar local:

https://weather.com/en-BZ/weather/radar/interactive/l/Bichhiya+Madhya+Pradesh+India?canonicalCityId=7bc8bafcd1921716db129306900bab32f9854924627326a6dda38e94d4de73bf

Códigos numéricos

1) Templo de Devagiri Mata ji, perto de Kharbuja Kacha, Jawai Bandh, Rajasthan 306126, Índia.
2) Rajasthan 322025, Índia.
3) Kotdwar, Uttarakhand 246149, Índia.
4) NH715, Assam, Índia.
5) Bichhiya, Madhya Pradesh 481995, Índia.

Todas as localidades apresentaram códigos de numeração (quatro postais e um, de rodovia)
306126 – 322025 – 246149 – (715) – 481995

A soma total é 1357010, que soma 17 (8, estrela)

E cheguei numa página que trabalha com arte e decoração luminosa, em Varikuntapadu ou Variguntapadu, uma vila e um Mandal no distrito de Nelore, no estado de Andhra Pradesh, na Índia .

Marcações no mapa da Índia

Todas as coordenadas nos localizam em regiões mais ao norte da Índia.
As quatro primeiras formando uma “fila indiana” (o termo aqui é apropriado)!

O ponto ZERO marca a localidade onde o monolito apareceu, não constando na chapa do objeto.

E uma associação com o norte da Índia me veio à memória.
Segundo a tradição védica, os arianos seriam um povo indo-europeu vindo do Norte que invadiu a Índia e subjugou os povos autóctones da Índia, como os Dâsyû e os Shûdra.

Os arianos são, até hoje, um mistério para a História moderna.
O termo ariano ou árico, ao referir-se a um grupo étnico, tem vários significados. Refere-se, mais especificamente, ao subgrupo dos indo-europeus, que se estabeleceu no planalto iraniano desde o final do terceiro milénio antes da era comum . … O nome ariano vem do sânscrito arya, que significa nobre.

As ramificações da raça ariana

A tradição hermética defende que os arianos procederam de Vênus e iniciaram um processo oculto de hibridação na Europa, que alcançou as regiões do norte da Índia e até hoje produz tipos de beleza incomum naquela região (herança genética) acrescentando grandes olhos claros à etnia de olhos predominantemente escuros.
Esses tipos também são encontrados no Irã, em Israel, etc.
Além do antigo mundo celta tradicional.



Garota em Varanasi, Índia, com incríveis olhos azuis

Existem registros, como a carta de Pilatos, que falam que Jesus tinha grandes olhos claros.
E há teorias que defendem que ele era um hibrido ariano-venusiano.

Venusianos no norte da Índia nos primórdios?
Isso parece fechar a associação do monolito com chave de ouro.

Que cada um tire suas próprias deduções…

JP em 01.01.2021

Comentários
Compartilhar