Templates by BIGtheme NET

Universos Paralelos

Essas recentes hipóteses fornecidas pelos cientistas para explicar a cosmologia de tudo (Universos paralelos) lembra muito a visão cosmológica hindu, dos universos paralelos do Grande Pai Brahman…. e repararam como o nome hindu para PAI tem grande semelhança de estrutura com o grande pai hebreu, Abraão, ou Abraham?

Que o Gênesis descreve como grande pai das nações, e que suas gerações seriam tão numerosas quanto as estrelas do céu?

Achei interessante essa analogia, o Grande Pai cujas gerações seriam como as estrelas do céu… e vi aqui um paralelo com a cosmologia hindu de Brahman…


Seriam estes ensinamentos, além de sentenças morais, quadros do universo e suas leis?
A estrelas do céu… na antiguidade, estrelas eram os corpos celestes mais afastados e conhecidos… porque as galáxias visíveis se confundiam com elas a olho nu…

Então, essas estrelas ou astros brilhantes do céu podem também referirem-se aos universos paralelos de Brahman…


Enfim, a Bíblia é um livro de Cosmologia, e não é original na mente dos hebreus e judeus… ela soma e reúne uma série de fragmentos da antiga sabedoria dos hindus, bem como dos sumérios, dos egípcios e dos gregos.

A Hipótese sobre a recentemente detectada Mancha fria e o resultado de um choque com um universo paralelo não é conclusiva, e sim, especulativa.

Podem haver outras explicações para tal anomalia. É como o sintoma de uma doença. Um mesmo sintoma (anomalia orgânica) podem ter várias causas diferentes.

É preciso mais conhecimento, muito mais conhecimento, bem como tecnologia, muito mais tecnologia, para chegarmos a elementos que sejam CONCLUSIVOS nessa dimensão de análise, a dimensão do ultra-universo…

O Best seller gnóstico, PISTIS SOPHIA, em espelho à Cabala antiga, fala nos 13 AEONS ou Sefirotes, níveis de energia deste nosso Universo.


Já a cosmologia hindu fala em universos paralelos comparados, cada um deles, a uma flor de lótus brotando de um infinito lago de águas incriadas, o conceito de Absoluto-Deus sem dimensão, tempo ou definição.
Porque o universo em nada mudou desde então… são concepções muito antigas, certamente, a hindu, a hebraica, a maia (o céu também tinha 13 setores para os maias, veja só, batendo com a hebraica)… mas o universo é o mesmo hoje como foi para todos eles.

Inclusive, os iniciantes tinham que antes estudarem todas essas páginas do conhecimento secreto para poderem depois executar práticas específicas nas suas viagens pelos andares sefiróticos em suas carruagens chamadas Merkabas…claro, há muitos segredos cifrados aqui.

Temos que ser como as cobras, sempre trocando de pele para assumir corpos de consciência maiores e mais fortes.

Por isso, o Universo cabalístico e maia assume o simbólico número 13, porque ele, o Universo, é fruto de contínuas mortes e renascimentos visando evolução, melhoramentos que de outra forma não aconteceriam…

E isso a ciência já nos demonstrou suficientemente!

Por que não vemos os universos paralelos não quer dizer que eles não existam… pense na tangente do círculo, quando o ângulo de abertura se aproxima dos 90 graus… e atira essa tangente para o infinito, porque é no infinito que as paralelas se encontram. Então, se quiser pensar nos universos paralelos, e como encontrá-los, basta seguir o caminho da tangente de abertura 90 graus. Porque a matemática não mente…
JP em 09.06.2019

Comentários