Templates by BIGtheme NET

Reflexões 21

 

 

 

O próprio Deus assume níveis e níveis de manifestação para se acercar da consciência humana em todos os seus estágios de desenvolvimento, permitindo que nunca haja ausência desse Ser Indefinível e Imanifestado em todas as estações do nosso crescimento espiritual!
Como o próprio Sol colocado na distância certa da Terra para que toda vida possa suportar sua luz e calor que, se mais de perto, nos extinguiria, o que também é uma Balança de peso e medida nas Mãos do Altíssimo!
Porque, na sua origem e essência primária, nenhuma vida ou consciência limitada suportaria sequer sua Presença integral. A Grandeza do Criador está em se fazer pequeno e grande ao mesmo tempo, para suprir todas as necessidades do Universo infinito, enchendo todas as mentes de luz e corações de amor na medida certa que possam suportar enquanto crescem e evoluem!
Perfeito é o Amor, a própria Lei divina em ação!

*********************************************************************************************

Se o termo INVENCÍVEL pudesse ser aplicado a alguma coisa, seria certamente à LEI DIVINA e sua Justiça!

O que significa que, se andarmos ao lado dela, seremos igualmente invencíveis!

 

JP em 27.08.2019

 

 

 

A Nossa segunda boca

 

no caso das energias externas, o chakra relacionado é o umbilical, ali é a nossa segunda boca, por onde entram energias externas das fontes, ambientes e pessoas de convívio. Sim, com toda certeza, se durante o dia estivermos expostos a ambientes e pessoas negativas, isso prejudicará e muito a vibração do corpo etérico, aura vital, desgastando-a e contaminando-a com larvas psíquicas que irão interagir diretamente na qualidade de sono e experiências extra-corpóreas, decaindo a nossa frequência-base naquela noite e nos expondo ao risco inclusive de pesadelos. Muitos são os pesadelos e sonhos que tentam nos alertar sobre essas doenças psíquicas contraídas nos diversos ambientes e círculos de nosso convívio.

É preciso então selecionar ambientes e amizades, e tentar controlar a segunda boca, o chakra umbilical, e certificar-se de que estaremos em contato com boas e limpas energias. O contato com a natureza, ambientes claros e luminosos, é excelente terapia para a nutrição vital via umbigo. Não é a toa que este chakra é chamado solar, plexo solar. É a segunda boca do corpo físico, que ingere energias diretamente da luz do Sol, e da Terra e dos ambientes e pessoas.

Este chakra tem uma conexão direta com as forças do nascimento e nutrição vital. Quando o feto se desenvolve dentro do ventre materno, ele recebe alimento e energia diretamente da sua mãe,fonte externa.

Mas depois que é cortado, continua existindo outro cordão umbilical em nossa barriga, invisível, que é a conexão contínua do chakra umbilical (manipura, nossa segunda boca) com as fontes externas de energia, especialmente a energia solar e as energias planetárias.

Ou seja, nosso corpo continua sendo um FETO dentro do ventre da natureza, o que explica a importância da vida natural em nossa existência, e o quanto a urbanização e a destruição desenfreada da natureza, aliada a crescente poluição dos elementos, está causando a maior parte das doenças na população. Tudo porque nossa segunda boca está ingerindo cada vez mais toxinas planetárias.

Nunca deixamos de ser embriões dentro da energia vital da nossa segunda mãe, a Natureza. Porém, todos nós corremos o risco de sermos abortados dela por causa desse quadro de violência generalizada contra Gaia…

 

JP em 29.08.2019

 

 

Foi numa gloriosa manhã de Sol que o Buda fechou os seus olhos para o mundo e descortinou o Universo interior, quando sua terceira visão finalmente se abriu, e ele conheceu a porta de alcance do Universo por dentro.
Enquanto se fizer prisioneiro dos cinco sentidos, a especulação racional será o guia do homem adormecido.
Mas no dia em que se libertar dos sentidos e despertar a percepção interna, a conexão direta se tornará o guia do homem, e não haverão mais intérpretes subjetivos entre sua consciência e as impressões do mundo exterior.
O homem deixará de aceitar a influência ilusória dos cinco sentidos, e passará a edificar conceitos em contato direto com a Fonte da Realidade.
Abrir a visão interna é questão de fechar a visão externa, deslocando o centro de gravidade da razão de uma para a outra, ciente de que os olhos voltados para fora ainda captam e somente captam a casca das coisas, a sombra aparente das realidades.
Foi numa gloriosa manhã de Sol que Buda fechou os olhos da carne e abriu os olhos da alma… e nesse dia, contemplou Buddhi, a Grande Figueira, a Árvore Cósmica que sustenta toda a Criação, e junto dela nós não passamos de folhas tentando encontrar o seu lugar no Cosmos… enquanto muitas outras folhas se desligam dela e perecem em seguida.

Foi numa gloriosa manhã de Sol infinito que os olhos de Buda viram a Luz do Nirvana… e a partir deste dia, todos os Olhos do Universo penetraram pelos poros de sua renascida alma, e ele pode sentir a Iluminação se fazendo carne em sua morada, e sua língua passou a pregar a Felicidade da Luz em toda parte… e para sempre!

**************************************************************************************************

 

 

A Hora 9

Hoje, numa destas tantas viagens astrais por aí, vi com perfeição um relógio marcando exatamente 9 horas, nem um minuto a mais e nem um minuto a menos.
E além de todas as outras simbologias em torno do poderoso número 9 (espiritual, nascimento, gestação, geração, luz, despertar, o Iniciado-Eremita do Taro, etc), lembrei que amanhã já é setembro, mês nove, e que muitos crops circles pareceram anunciar eventos para esse novo ciclo do ano, que marca o ano novo em Israel (Rosh Ha Shaná), e a entrada da primavera (flores) no Hemisfério Sul, como a entrada do outono (frutos) no Hemisfério Norte.
Aguardando o novo mês com expectativa dos grandes sinais prometidos e eventos repercutidos.
O relógio parecia querer dizer que a Hora (9) para alguma coisa havia chegado.

 

JP em 31.08.2019

 

 

“Se o Amor transcende o tempo e o espaço,
a menor distância entre dois corações é um abraço,
e o seu instante, que dura menos de um segundo,
faz caber no peito tudo o que existe neste mundo!”

 

 

 

A quem pertence a Mão do Destino?

Ao Subconsciente!

Já me foi dito que este é o nome do Espírito desconhecido dentro de nós, Subconsciente e Inconsciente, atuando anonimamente nos bastidores da nossa vida, sem que saibamos quando, como ou onde… quem dirige o timão do barco é Ele, nunca fomos nós. Nós apenas temos um barco (corpo) que procuramos conservar, mas quem realmente dirige o timão para os melhores ou piores ventos, conforme as necessidades de aprendizado de cada um, é Ele, sempre foi Ele.!

Nessa ótica, não somos nós que escolhemos o caminho, mas o caminho é que nos escolhe… o Subconsciente está sempre no comando, e a premissa do Autoconhecimento é nos aproximar do Subconsciente e Inconsciente e torná-los conscientes, dentro do nosso próprio campo de entendimento. Nós apenas temos que reconhecer suas ordens e acatá-las. Grande parte da interpretação dos sonhos, na ótica da Psicanálise, parte desse fundamento, que os sonhos são mensagens do Subconsciente em nossa vida. Mas Ele não fala somente nos sonhos, Ele fala em todas as situações, especialmente aquelas dentro das quais você percebe um cenário sincronístico acontecendo a sua volta, como Dejavus e cenas recorrentes.

Na forma como a Vida vai “ajeitando” as coisas, apesar de muitas vezes as coisas não saírem como o previsto, sim, é a Voz do Subconsciente orquestrando tudo, pintando a vida e escrevendo os roteiros na tela do Destino que cada um de nós precisará viver, tanto boas como más situações, tudo dependendo da necessidade de aprendizado implícita a cada momento de nossa existência na Escola-Terra.

O Subconsciente é o orquestrador de todos esses caminhos, situações, problemas e soluções, porque disse o sábio:

“A solução jaz dentro do próprio problema!”

Nós só precisamos reconhecer esse controle da parte dele, aceitá-lo sem resistências e cumprí-lo, na certeza de que, no final, tudo fluirá para o melhor possível, muito melhor do que se tentássemos fazer do nosso jeito, acumulando mais erros e adiando o término dos nossos aprendizados na vida.

Porque Ele é quem assina todas as ações do Destino, e se pudermos reconhecer isso, a Mão do Destino sempre nos favorecerá com aquele “empurrãozinho”na direção do sucesso… isso se você não for aquele tipo que acredita que tudo acontece por acaso, sorte ou coincidência… assim não tem Mão nem Destino que poderá lhe ajudar!

 

JP em 01.09.2019

“O maior entre vós será o servo e o menor entre todos”
Jesus de Nazaré!
Que coisa difícil é, para o ego, se fazer pequeno, e para o orgulho, se fazer humilde!
Que coisa impossível para o adulto voltar a ser criança, e para o cético, sentir a fé nas coisas simples da vida.
Que coisa complicada para a arrogância humana compreender a sabedoria dos puros, e para a prepotência que vomita ignorância nas palavras, calar-se por um momento e saber que a sabedoria dos sábios fala mais no silêncio dos seus olhos que na aspereza de suas línguas…

Está escrito que um exército de crianças reconstruirá o mundo, enquanto os adultos apenas assistirão, impotentes, a marcha da Revolução da Inocência sobre a Terra.
Porque o sapato dos engravatados e dos donos do mundo só sabe pisar em asfalto…
Mas onde tocar os pés dos inocentes, aí mesmo nascerão flores… porque a Mãe Terra precisa deles para voltar a florir…

************************************************************

 

 

Não vamos deixar que as flores de plástico nos retirem o êxtase dos jardins…

Não vamos permitir que homens de pedra nos tornem desacreditados dos seres de luz…

Não vamos nos esquecer do Mundo Novo e da Terra Prometida por Deus aos seus Filhos obedientes por causa da opressão do velho mundo e da decadência dos costumes, banindo cada vez mais a Lei do Amor para implantar somente a regra do materialismo em todas as mentes….

Lembrem-se: flores de plástico podem durar para sempre, mas não tem perfume.

Cuidado com as mentiras desta Era de Plástico, que pretendem falar de uma vida longa sem doenças e cheia de conforto, cercada de tecnologia, porém, sem o aroma da bondade nos olhos e a cor da virtude nas faces…

Viver na Era de Plástico?
Preferível morrer na esperança da Era da Vida!

***************************************************************************

 

 

A Última Lágrima

Quando a Lua chorar no céu
e a caridade acabar na Terra…
quando o Sol rasgar o véu
e a humanidade entrar em Guerra…

Quando os jardins negarem as flores
e as pessoas negarem a mão…
e aonde quer que tu fores
as almas te fecharem o coração…

Quando a poesia morrer esquecida
e à Arte lhe faltar a cor…
quando a Música da Paz não mais for ouvida
e a violência superar o Amor…

Quando Deus for assassinado
pela boca feroz dos ateus
e quando a Voz do Sagrado
se calar na memória de reis e plebeus…

Contai os dias, contai as horas
porque logo virá, sem demora,
o Juízo de toda a raça,
assim que a Lua chorar no céu
em lágrimas de sangue que faça
transbordar de Deus a última taça!

 

JP em 02.09.2019

 

 

 

O decreto de morte ao materialismo

A energia mais poderosa opera no invisível.
As preces que sobem mais depressa são ditas sem palavras.
Todas as luzes nasceram de cavidades escuras.
E todos os sons brotaram do silêncio.
Os lugares mais distantes do Universo, nós visitamos quando dormimos e calamos os sentidos.
Os tesouros mais valiosos ninguém pegou nas mãos, porque estão no coração.
Emoções preenchem nossa existência, mas qual volume elas preenchem?
Pensamentos mudam o mundo, mas ninguém nunca tocou um pensamento.
Caráter não tem peso ou medida, mas não pode ser comprado ou vendido.
A vida não é o corpo, embora esteja no corpo.
E se vivemos, é porque alma temos, mas qual o nome da alma? Quem já lhe apertou a mão?
A beleza mais deslumbrante nenhum artista ainda captou.
A música mais sublime, qual ouvido alcançaria escutar?
A verdade mais elevada, nenhuma boca pode dizer.
A revelação mais maravilhosa, nenhuma mente consegue suportar.
Os melhores amigos da humanidade (Anjos) são invisíveis e anônimos.
A melhor definição de AMOR é “indefinível!”
E o próprio DEUS não cabe em nenhuma religião ou templo deste mundo ou de outros…

Sendo assim, no final da história, o materialismo é a grande ilusão, porque apoia suas expectativas em “coisas” que estão fadadas a desaparecer, já que tudo o que é REAL tem como característica principal jamais poder ser demonstrado neste mundo em que vivemos. Porque tudo o que é real e dura para sempre é exatamente tudo aquilo que, por não ver, não ouvir ou não tocar, o materialismo julga não existir… sendo que a verdade é o contrário.

O que não existe e nunca existiu é a matéria, e tudo o que sai ou se baseia nela!

E por viver a religião do materialismo é que a humanidade sentencia o seu próprio decreto de morte… porque o que podemos possuir para sempre, isso a humanidade rejeita, mas tudo aquilo que um dia será perdido, isso é o que a humanidade deseja, cobiça e anseia possuir…

 

 

 

AQUELE QUE ABRE OS OLHOS PARA A REALIDADE DO CÉU, COMEÇA A SE SENTIR UM PEREGRINO NA TERRA….

Esta é toda a minha pequena filosofia, ser feliz e tentar ser feliz com meus bolsos vazios, meu coração cheio e minha consciência limpa, aprendendo a me adaptar cada vez mais com menos do material, engordando somente a conta das boas ações, porque estas é que se transformam em dinheiro cósmico (Dharma).

Esse é o estado de espírito de quem viaja! Se a sua meta são as estrelas, não deve mais se sentir preso a nada e a ninguém, e principalmente, nunca mais preso aos próprios desejos impuros e materialistas… afinal, quanto mais leve a bagagem, melhor! De bagagem eu levo bolsos vazios,coração cheio e consciência tranquila e feliz!

Mas se tenho uma ambição, essa ambição é a de viver na Obediência à Vontade do Pai e não obediente à minha vontade… e se tenho uma cobiça… ah…essa cobiça é de viver nas estrelas para sempre….
Lá, na pureza daqueles reinos, não podemos chegar com os pés cheios de lama… que se entenda então o ritual do Lava-Pés de Nosso Senhor, limpando os pés daqueles que o seguem em espírito, verdade e coração!

 

 

O cientista diz que lê as estrelas em seus estudos e instrumentos,
enquanto o poeta afirma que ouve estrelas em seu coração.Sabendo que as estrelas piscando são os Neurônios da Mente de Deus pensando, e sabendo que as estrelas ardendo são os muitos corações de Deus amando, eu te pergunto:Qual dos dois está mais perto da Verdade?

A ILUMINAÇÃO NÃO É UMA QUESTÃO DE RELIGIÃO!

A Iluminação é uma questão de construir sua consciência através de graduais experiências diretas de contato com a Verdade.

VERDADE É UMA COISA. Religião é outra.

Religião os outros podem te ensinar. Mas a Verdade só será suficientemente eloquente se os teus olhos a contemplarem.

Religião são estradas de rebanhos asfaltadas sobre crenças e boas intenções.
São válidas até certo ponto. Quando este ponto for alcançado e a sua alma exigir mais, aí entra em cena a necessidade real de se criar asas e abrir os olhos para a Experiência Direta, da qual saímos com o batismo da Iluminação.

Sabe aquela diferença entre teoria e prática?
Pois é, acontece da mesma forma entre Religião e Iluminação.

A experiência da Verdade é o teu caminho real e individual na Busca de Deus, da Síntese, da Solução final da tua vida.
E esse caminho não pode ser seguido senão que somente por ti.

Porque ele se abre dentro de ti: eis o motivo de ser absolutamente individual.

Para ele, temos que transcender o sentido de religião e crença. Porque até elas podem se tornar travas na estrada, quando a crença cega toma o lugar da consciência desperta.

E a estrada da iluminação é bastante simples, feita de pequenos conhecimentos que nos conduzem ao terreno das práticas e deles se extrairá luz de consciência através de constatações diretas, alimento para a alma, crescimento e maturidade para o espírito no ciclo dos dias.

Cada dia com seu afã… e o sábio que carregou um punhadinho de terra todos os dias, ergueu uma montanha ao final de sua vida.

Manter é sempre mais difícil do que começar…

E o grande passo inicial dessa estrada de Iluminação se resume nisto:
O CAMINHO PARA DEUS ESTÁ DENTRO DE TI!

O coração do homem é a porta do ZERO que se abre, ninguém sabe como, para a Dimensão INFINITA.
Saltar do Zero ao Infinito é a fórmula da Iluminação.
Porque estas são as duas extremidades do Universo.
Enquanto isso, cada vida é um número qualquer, entre o Zero e o Infinito, evoluindo ou caindo nas curvas da Espiral matemática da Evolução cósmica que abarca todos os seres, inexoravelmente!

E nestas duas extremidades é que o Iluminado encontra a Deus, executando todo o movimento!
JP em 03.09.2019

CIVILIZAÇÕES DO SER

Em sociedades avançadas, a moeda é o serviço prestado.

Ninguém precisa estimar o valor das coisas em papel fixo. O valor das coisas é naturalmente reconhecido e posto em circulação pela prestação de serviço.

Cada um recebe exatamente o que precisa, não há o fermento que leveda a massa chamado cobiça para distorcer as coisas e perverter o equilíbrio.

Numa sociedade perfeita, ninguém compra duas casas se só precisa de uma.

Ninguém pensa assim: tenho uma para morar e outra para lucrar.

Numa sociedade perfeita, cada um tem exatamente o que necessita, não tem a cobiça a lhe assaltar por medo da necessidade e nem para acumular desnecessariamente enquanto outros ficam na privação.

Numa sociedade perfeita, as pessoas se contentam com pouco, e disso fazem muito. Porque se libertam do medo mórbido da necessidade.

E mais pensam em servir do que tirar dos outros.

Porque, nessas Civilizações do Ser, ninguém precisa fazer campanha para motivar o amor e o serviço social, eles são naturais no coração. Porque naS civilizações do Ser, amar é a coisa mais natural do mundo. Ninguém precisa se esforçar tanto assim e nem travar lutas internas para amar e compreender o seu semelhante.
A que ponto chegamos!…

Nas civilizações do Ser, só existe um idioma, o idioma da consciência desperta. Todos se entendem, todos se compreendem.

O OUTRO se torna tão importante e vital quanto o EU. E o equilíbrio do amor acontece.

A resultante final de tudo isso só podem ser mesmo as Civilizações do Ser, repletas de Harmonia, Beleza, Prosperidade e Paz.

Acho eu que este mundo ainda está muito longe de um tal modelo de civilização.
Porque a verdade é essa: vivemos na Civilização do Ter, e não na Civilização do SER!

 

 

NOSCE TE IPSUM

“Homem, conhece-te a ti mesmo, e conhecerás o Universo e os Deuses”

Sócrates.

Temos que despertar o homem “extraterrestre” e cósmico que dorme dentro de nós e nos colocar em condição igual para com os deuses do Universo e lhes falar diretamente.

As chaves para este despertar eles mesmos nos deixaram, e a sabedoria antiga é o seu legado.

Religião como chave de despertar e ascensão de consciência rumo à grande reintegração é o caminho.

E não religião como forma de condicionamento pela crença imposta sem constatação consciente e experiência objetiva direta.

Porque, conforme a concepção do termo, religião é a primeira afirmação, e nunca foi a segunda, embora a cultura popular de inclinação ateísta tenha demonizado a tal ponto as religiões que generalizou tudo dentro da segunda definição.

A consciência desperta é o elo final que nos falta para retomar a conexão cósmica, à grande comunhão.

Morrer o ordinário em nós para fazer passar e ascender o extraordinário em nós.

Sem a consciência desperta, que é o idioma cósmico, será inútil perseguir provas da existência de Deus ou dos Extraterrestres. Podemos até conquistar a convicção da existência deles, mas sempre estacionaremos neste ponto, mantendo-nos mais ou menos dentro de uma simples crença que nunca foi constatada pela consciência dentro de uma experiência objetiva direta.

Buscar contatos antes dessa maturidade espiritual resultará inútil e até arriscado…

Porque eles, os seres superiores, não virão a nós enquanto estivermos decaídos nas oitavas inferiores do materialismo, da carnalidade e do egoísmo, exceto aqueles seres caídos que se fizeram parecidos com a raça humana em termos de ambição e controle, desejo de poder e traição, mentiras e corrupção, se infiltrando em nossa civilização confortavelmente por causa justamente do adormecimento em massa.

NOSCE TE IPSUM, portanto, é a sentença maior dos Irmãos Maiores e despertos para os irmãos menores e adormecidos que ainda estão na Escola-Terra tentando despertar!

E nesse dia,  o monge dirá ao escorpião:

Estou imune ao seu veneno!

ESPÍRITO, CAUSA E EFEITO

Há um triângulo a ser considerado.

1. Espírito

2. Energia

3. Matéria (forma)

O Espírito consciente move toda energia, que se torna toda forma e entra em ciclo no universo que conhecemos.

A Lei da Evolução implica na Involução, porque é ciclo, e o marchar para trás é o estado que antecede o marchar para frente.

Lei do Caos que antecede todo Cosmo, e antecede todo caos, etc.

A fonte da energia é o Espírito.

A energia é somente o efeito, não a causa.

Mas é a causa da forma.

Causas que se tornam efeitos de outras causas encadeadas.

Resumindo, o espírito é a causa da energia, e a energia é a causa da forma.

A forma se transforma, a energia se recicla, o espírito ascende dentro desse processo na evolução infinita. Eis o objetivo da TRANSMIGRAÇÃO DAS ALMAS.

Ps: a Religião do futuro é o simples exercício da Verdade, teoria e prática, bem como do Amor, serviço e direito de felicidade. Nada além disso. Viver unido a Deus é a única forma de se exercer essa Verdade e de servir em Amor e direito de felicidade.

Tudo se resume nisso: na busca da União Consciente com Deus, quando todos os “ismos” deixam de ser necessários, após cumprirem a sua finalidade. O homem cria os muitos”ismos” porque precisa de um caminho para seguir, mas alcançando o mar final e a fronteira derradeira, não precisa mais deles.

Entrando no estado de consciência, pode se despir de todo o resto.

E então, diante do Universo, deixa de questionar…

Apenas mergulha.

E aquele velho telescópio que sempre procurou por respostas no infinito poderá finalmente descansar…

JP em 04.09.2019

Minha Matrix de estimação

Se alguém se deixa hipnotizar e manipular por qualquer matrix externa, terá que pensar do seguinte modo, para se descobrir a chave da liberdade:

“Qual o elemento negativo DENTRO DE MIM que está mordendo a isca colocada no meio do cardume?”
Isso porque todas as “Matrix” tem iscas, e se você continua mordendo as iscas, a quem devemos culpar?
A Matrix ou você?
(***)
Então, quando for apontar o Sistema lá fora como culpado absoluto por todas as suas prisões, lembre-se de fazer antes a lista de todas as matrix de estimação em sua vida, aquelas que você adora morder a isca sem hesitar!

E nunca mais se esqueça de que o peixe morre pela boca!

Ou pela rede, quando segue o cardume.

Pense nisso, quando for morder sua próxima isca ou nadar com o seu cardume familiar.

Exercitando o Despertar

O Ceticismo e o Fanatismo são dois movimentos extremos de uma mente no sentido de bloquear conceitos que ameaçam a sua crença, porque o ceticismo que não quer ver é uma crença negativa, da mesma forma que o fanatismo, com sua crença positiva, quer ver o que não existe. Ou seja, ambos se igualam por não quererem enxergar a Verdade, bloqueando-a como puderem para manter o status das crenças e conceitos em sua mente petrificada.

O caminho do meio é a chave da iluminação, extremos sempre matam.

E tanto o cético como o fanático estarão vivendo vidas privadas da Verdade, por puro medo de encará-la como ela é.
Daí se dedicando tanto a esculpir sistemas de crenças e conceitos que satisfaçam suas conveniências, desejos e refúgios no lugares-comuns do seu pensamento acovardado.

Portanto, se quisermos que a onda do pensamento flua no centro do vórtice da mente aberta ao Universo, essa Mente Infinita repleta de Verdade em potencial vibratório, abandone-se os sistemas extremos de pensamento, e esteja pronto a mandar para a guilhotina todos os seus conceitos.

Porque bastará a alguém um vislumbre diferenciado das realidades paralelas, que pode durar menos de um minuto, mas mudará toda a sua vida para sempre.

Você só precisa ter coragem e abrir os olhos. Já que, na grande maioria das vezes, a libertação é uma verdade que sempre será dolorida para a mente acomodada nas crenças e para olhos que ficaram tanto tempo fechados que já se acostumaram a viver no escuro…
*****************************************************************************

 

 

 

Fé… que nenhuma religião ensina… talvez a menor palavra seja aquela que mais tenha a dizer sobre a verdadeira religião…

Fé… o ato de apenas querer o que Deus quer, e por isso, assumir o mesmo poder Dele em todas as realizações, conforme a oração:

“Faça-se a Tua Vontade, assim na Terra como no céu…”

Fé… a menor das palavras com poder de reescrever todas as religiões da Terra numa única sentença:

Fé é a certeza de que Deus está no controle de tudo!
******************************************************************************************

 

JP em 05.09.2019

 

Comentários