Templates by BIGtheme NET

Os Sinais do FIM anunciado em sete anos

Escatologia cristã (sinais do retorno de Cristo) em números, datas e eventos

Considerando como ponto de partida o fechamento do Ciclo Longo do Calendário Maia, em 21.12.2012, e os maias nunca falaram que o mundo terminaria NESTE DIA, porém, sim, a PARTIR DESTE DIA, o que faz toda a diferença na compreensão dos sistemas e mecanismos de extinção planetária, combinados a certos agentes cíclicos de renovação, como é o caso do Segundo Sol e das teorias do sistema solar binário.

A partir de 2014, tivemos uma série de sete eclipses de Lua Vermelha, duas delas em época de Páscoa.
Foram sete eclipses de Lua Vermelha em praticamente uma sucessão, entre 2014 e 2019, e o último eclipse, o mais recente, em 21 de janeiro de 2019. Todos os eclipses de lua vermelha sempre prognosticaram tempos difíceis para a humanidade em sua carga profética. Mas as pessoas, como sempre, se esquecem de tudo.

O ano de 2016, regido pelo Sol, fez também mudança de regência planetária.
E sua estrutura formava o anagrama numeral 1260, número bíblico importante (o tempo de refúgio da Virgem do Apocalipse 12, fugindo do Dragão Vermelho: tempo de Êxodo e de arrebatamento).
(666 + 666 + 666 + 6 + 6 + 6 = 2016, sendo 666 o número da Besta, ou Dragão Vermelho).
As coisas estavam se formando lentamente no cenário mundial.

Em 2017, tivemos dois extraordinários sinais: o grande eclipse solar de 21 de agosto de 2017, com uma série de memoráveis impactos planetários, e 33 dias depois, como que anunciando, o grande sinal do Apocalipse 12 materializado em configuração planetária: Virgem Zodiacal vestida de Sol, Lua (Nova) aos pés e doze estrelas na composição de três planetas (Marte, Vênus e Mercúrio) que em seu trajeto se somaram às nove estrelas fundamentais da constelação de Leão (sentido de coroa, de realeza).

Em 2018, outro sinal extraordinário, de contexto histórico:
Desde quando se tornou uma nova nação, em 14 de Maio de 1948, Israel completava 70 anos, a Nova Israel, o que incorreu diretamente na visão escatológica de Mateus 24, especialmente nesta referência de Jesus:

“Igualmente, quando virdes todas estas coisas, sabei que ele está próximo, às portas.
Em verdade vos digo que não passará esta geração sem que todas estas coisas aconteçam.”
Mateus 24:33,34

A geração clássica nos tempos da Biblia durava 70 anos.

Então, quando a Nova Israel completou 70 anos, confirmando seu rechaço ao Nome de Jesus Cristo como Messias (inclusive muitos rabinos de Israel já afirmaram publicamente que preferem a MORTE do que aceitar a Jesus Cristo como Messias, e isso é o que ensinam ao povo), essa profecia foi confirmada.
Todas as coisas anunciadas na Escatologia de Mateus começaram a tomar forma e marchar aceleradamente a partir de 2018, em paralelo a todos os outros sinais astronômicos mencionados no Apocalipse, como a Virgem gestante e o Sexto Selo, Sol negro, Luas de sangue e estrelas (asteroides) caindo do céu.

Então, a última Lua de sangue aconteceu em janeiro de 2019, o sétimo selo simbólico do Livro do Juízo da humanidade nas mãos de Deus… e foi ainda em 2019, mês de dezembro, que o vírus mortal se manifestou e se tornou Pandemia mundial em 2020… pegando o mundo de surpresa como o LADRÃO da mesma profecia:

VIGIAI E ORAI, PORQUE VIREI A TI COMO UM LADRÃO!

Vigiai, pois, porque não sabeis a que hora há de vir o vosso Senhor.
Mas considerai isto: se o pai de família soubesse a que vigília da noite havia de vir o ladrão, vigiaria e não deixaria minar a sua casa.
Por isso, estai vós apercebidos também; porque o Filho do homem há de vir à hora em que não penseis.
Mateus 24:42-44

Esse ano, debaixo de Pandemia, que funciona como sinal de um Julgamento mundial em curso, e essa pandemia forçou o mundo a entrar em quarentena justamente na mesma época da Quaresma de Páscoa, quando, no dia 8 de Abril (15 Nissan, conforme o calendário judaico), a Lua estará dentro do ventre da Virgem Zodiacal, como que numa progressão daquele fantástico sinal de 23 de setembro de 2017, envolvendo a mesma região do céu.

Será uma Super Lua (Cheia) alinhada exatamente com o espaço das estrelas que desenham o ventre da Virgem do Apocalipse 12.
Lua Cheia no ventre de uma mulher só pode significar NASCIMENTO (A Criança Sagrada, a Nova Vida e Consciência da humanidade planetária, se ajustando com várias mensagens crop circle de 2019).

Tudo isso criando o cenário do ÚLTIMO SINAL, descrito assim:

E, logo depois da aflição daqueles dias, o sol escurecerá, e a lua não dará a sua luz, e as estrelas cairão do céu, e as potências dos céus serão abaladas.
Então aparecerá no céu o sinal do Filho do homem; e todas as tribos da terra se lamentarão, e verão o Filho do homem, vindo sobre as nuvens do céu, com poder e grande glória.
E ele enviará os seus anjos com rijo clamor de trombeta, os quais ajuntarão os seus escolhidos desde os quatro ventos, de uma à outra extremidade dos céus.
Mateus 24:29-31

Que já é o anúncio do Grande Arrebatamento diante das Tribulações que começariam a cair sobre a humanidade, acontecendo este sinal dentro de uma ordem cronológica precisa, após todas aquelas Luas de Sangue, eclipses solares, asteroides caindo, o sinal do Apocalipse 12 em 2017 e os 70 anos da Figueira má e madura em seus frutos…
O último sinal antes das grandes transformações da humanidade por ele apontadas?

O Grande Sinal do Filho do Homem no céu pode ser uma revelação astronômica relacionada ao segundo Sol (Nêmesis) e/ou algum evento ufológico de extrema relevância para a humanidade.
E já temos o objeto P 7X, o mais forte candidato astronômico para este sinal, fora outros que nem possamos imaginar quais seriam, da parte do Poder de Deus!

E ano passado eu disse que 2020 seria o Ano do Julgamento (de Deus) em dobro, quando eventos mundiais poderiam acontecer, demonstrando esse mesmo Julgamento em curso.
Em 2019, eu escrevi:

“Outra curiosidade: 20+20 = 40, e 40 é uma senha bíblica que significa tempo do deserto, tempo do dilúvio, tempo de expiação, purgação, purificação.
Pode indicar o começo da purificação mundial em função de elementos que irão se manifestar no ano que vem, em escala global.
Arcano 20, um grande Anjo toca trombeta, e anuncia o Juizo Universal, para o qual vivos e mortos são convocados.
O Anjo tocando trombeta significa anúncios, revelações globais, eventos que abalarão o mundo inteiro, um chamado ao juízo, ao despertar da consciência, a priorização do espiritual etc.”

A Pandemia é um evento que irá produzir, por efeito dominó, outras graves crises, como no setor político e financeiro do mundo, o que também abarca o sentido do duplo julgamento.
Ele viria e já se instalou, só não sabíamos que o Cavaleiro da Peste (o quarto cavaleiro) é quem o instalaria antes dos outros.

Ou seja – e eu desejo destacar esse período de intensa sinalização profética em sete anos (2012-2019) para dizer que realmente os sinais estavam anunciando um tipo de culminação em 2020, apontando diretamente para a época desta Páscoa (de 8 a 12 de abril) como a consecução “natural” de todas aquelas energias em curso, ancorando na Terra desde 2012, para ir construindo gradualmente o seu grande Propósito.

Conclusão:
Todas essas coisas foram ditas antes, anos atrás.
Mas as pessoas ou não acreditam, ou esquecem, e depois passam a interpretar tudo como obra do acaso, e não como ação profética em curso a partir do Livro do Destino desencadeado pelos astros em movimento neste grande Relógio Cósmico e Calendário sideral das ações dos espíritos computadas pelas estrelas sobre o mundo físico em experiência de seres humanos (almas encarnadas) para aprendizado e evolução da consciência,

E profecias são marcadores de estágios de um processo oculto em andamento, oculto porque sua origem é espiritual e invisível, mas seu campo de ação é visível, porquanto acontece na Terra e nos eventos de ordem material que cumprem cenários temporais para os ciclos de experiência da alma humana na matéria, o que não é para sempre…

O Calendário Maia tinha dado o primeiro alerta… mas como nada aconteceu em 22 de dezembro de 2012, todo mundo deixou de se preocupar com isso.

Porém, em 2020, todo mundo voltou a pensar seriamente no assunto.

E o que me parece mais grave em tudo isso é que o ano de 2020 se torna o primeiro ano em que todos os sinais começam a tomar forma em seu conteúdo profético, e principalmente, cada vez mais direcionados a um sentido de colheita espiritual iminente: o sentido da Criança nascida no Apocalipse 12.

Crops circles têm anunciado todo o mesmo, mas pouca gente lhes dá crédito como mensagens extraterrestres.
Avisos foram dados, muitos deles, enfim… pena que chegam em uma humanidade cega e surda.

JP em 04.04.2020

Outro sinal profético maravilhoso em 2020, na época da Páscoa

Vênus transitou sobre as Plêiades entre os dias 2 e 4 de Abril de 2020, compondo aquela passagem do Apocalipse 1, onde o Senhor Deus em seu trono traz Sete Estrelas na Mão Direita (Seus Sete Anjos), e se auto-declara:
EU SOU A ESTRELA RESPLANDECENTE DA MANHÃ (Vênus)!

Um espetáculo sideral magnífico preparando os eventos espirituais anunciados em profecia chegando ao mundo nesta Páscoa toda especial de 2020!
Este raro trânsito só se repetirá em 2028!

Veja a análise do ano de 2020 feita em 2019:

Comentários