Templates by BIGtheme NET

Os grandes cometas do Fim

Atlas, o Cometa dos grandes sinais

O mais novo candidato a “cometa do fim do mundo” na atualidade é o cometa Atlas, descoberto recentemente, no final de 2019 (em 28.12.2019), um cometa bastante grande e brilhante que talvez se torne visível a olho nu a partir de abril, conforme se aproxime do periélio solar em 31 de maio, na constelação de Touro.

Foi descoberto na constelação norte da Ursa Maior, e passará mais perto da Terra em 23 de maio.
Oficialmente, o cometa não representará perigo para a Terra, porque seu ponto mais próximo estará a mais de 116 milhões de quilômetros do nosso planeta.
No entanto, muitas teorias da conspiração já começam a fervilhar, associando esse objeto ao astro Absyntho do Apocalipse, entre outros.

Este antigo cometa visitou nosso sistema solar aproximadamente 4.400 anos atrás, numa grande órbita parabólica, e isso nos leva em meados de 2380 aC. Alguns teóricos estão dizendo erradamente que foi a época do Dilúvio Universal e, portanto, associando o cometa a alguma espécie de catástrofe cíclica, mas essa informação está incorreta, porque o Dilúvio aconteceu por volta de 11.000 aC.
Mas assim é que funcionam as teorias da conspiração, lançam fatos mentirosos no ar e todo mundo acredita sem verificar.
Nessa época, a civilização maia já existia, e provavelmente vivia o seu esplendor, desde 3114 aC nas terras da América Pré-colombiana.

Século 24 antes de Cristo, quando o cometa passou por aqui, a História teve suas páginas sem nenhum sobressalto.

O que me chama a atenção, além do conjunto de sinais nestes últimos anos do Fim do Ciclo da Terra além da conta final dos maias, 2012, é a mensagem unânime das pedras de Jalisco, México, falando de eventos que aconteceriam relacionados a um grande cometa nos céus, e entre estes eventos, temos o retorno dos deuses das estrelas e o nascimento de uma criança sagrada (que eles viriam buscar na Terra, arrebatamento) tal como a descrição do Apocalipse 12.

De qualquer forma, é muito cedo para opinar.
Temos que esperar pelas semanas a seguir para testemunhar a relevância deste cometa para a história planetária já bastante conturbada…

Atlas, o cometa do Fim do Mundo?

Os conspiradores falaram a mesma coisa na época do cometa ISON (2013) e recentemente, na época do cometa Borisov.
E com muitos outros cometas de passagem.

Falaram em perigos para o mundo, em acobertamento da NASA, e todo aquele mesmo enredo que já estão repetindo para o cometa Atlas…isso quando não chamam o pobre cometa de NIBIRU!

Ou seja, os conspiradores ficam dando tiros no escuro até acertarem alguma coisa no próximo cometa da vez… mas capturar a Verdade profética dos eventos não tem relação alguma com o atual esporte de transformar tudo em teoria da conspiração e atirar tudo na rede online, como um monte de lixo que vai se acumulando, porque os Internautas podem ter memória curta… mas a minha memória é bem comprida.

Não acreditem em teorias da conspiração.
A maioria delas são como tiros no escuro, e sempre procurando títulos de impacto e efeito para apenas ganhar likes e popularidade na Internet.
Por isso, adoro ser IMPOPULAR.
E pretendo ser cada vez mais!
Porque não sigo cardumes e suas especulações e opiniões populares.
Eu sigo fatos com conteúdos que possam ser estudados e avaliados com critério.

Agora, se este novo cometa Atlas trouxer mesmo alguma assinatura apocalíptica, todos nós saberemos, sem que conspiradores fiquem trazendo confusão ao mundo já tão confuso, e que eles tanto ajudam a confundir!

E que o Pai abrevie esses tempos, porque pior que o Apocalipse, é ter que aguentar esses divulgadores de sensacionalismos infundados na Rede online…

***********************************************

A Teoria do cometa fecundante

Falando em cometas, o seguinte ponto teórico de expansão da profecia do Apocalipse 12 não é meu, mas do autor do vídeo que segue abaixo.
Em resumo, ele declara que o recente cometa Borisov, passou, 9 meses antes do grande sinal do Apocalipse 12 em Virgem, dia 23 de Setembro de 2017, na mesma constelação, e próximo a Júpiter, entendendo ele que esse cometa representou a “fecundação” da Virgem, que haveria de dar luz a Criança Sagrada da Profecia.



O autor do vídeo associa a Criança com Júpiter por causa dessa convergência astronômica.
Ele diz:

Cometa recém-descoberto (por Gennadii Vladimirovich Borisov) nos signos do Apocalipse 12, que levam a 23 de setembro de 2017. Este cometa DEIXA Virgem (aos seus pés no dia 23 de dezembro de 2016) exatamente 9 meses antes do nascimento de Júpiter … coincidência, eu acho não! Eu chamo de “Cometa da Conceição”. Foi-me mostrado esse novo sinal no início deste ano. Isso acrescenta algo surpreendente aos sinais de Apocalipse 12, descobertos por Scott Clarke, dentro das constelações.


Nota: o cometa Borisov
2I/Borisov, originalmente denominado C/2019 Q4 (Borisov), é o primeiro cometa interestelar observado e o segundo objeto interestelar observado depois do 1I/ʻOumuamua. O cometa passou pelo periélio no dia 7 de dezembro de 2019.O objeto foi descoberto em 30 de agosto de 2019 pelo astrônomo amador Gennady Borisov com um telescópio de 65 centímetros de abertura, construído por ele mesmo. Por apresentar uma órbita hiperbólica, ele passará uma única vez pelo Sistema Solar.


Vídeo e autor:

JP em 07.04.2020


Comentários