Templates by BIGtheme NET

O mistério da minhoca

A minhoca pode ser uma espécie das mais antigas do mundo. A pista está no Gênesis 3:

¶ Então o Senhor Deus disse à serpente: Porquanto fizeste isto, maldita serás mais que toda a fera, e mais que todos os animais do campo; sobre o teu ventre andarás, e pó comerás todos os dias da tua vida.

Gênesis 3:14

Nos relatos do Gênesis, na visão do Éden, a serpente é o único animal mencionado (nomeado) ali, chamado de Nachash. Após a cena da tentação e queda do casal primordial, IHVH ELohim (o Senhor Deus) lançou uma maldição à serpente, e isso soa como ordem de involução, porque, pela descrição, ela claramente se tornou uma minhoca:
“… e pó comerás todos os dias da tua vida…”

Ora, serpentes não comem pó, nem terra. Quem ingere e digere terra são as minhocas, dela extraindo matéria orgânica para sua subsistência!

Então, as minhocas vieram da involução das serpentes. A Involução ou arco inverso da evolução é um fenômeno comum na natureza, por exemplo, se diz que baratas são besouros involuídos, degenerados. Os ratos urbanos são a involução de roedores do campo, e as próprias pombas urbanas já começam a degenerar, se tornando veículos de todo tipo de doença, claro sinal de degeneração e involução de uma espécie natural.

Se as minhocas podem ser os seres vivos dos mais antigos, seu DNA deve ser rico em informações para qualquer tipo de pesquisa sobre as origens da vida na Terra. E por isso, tais criaturas podem estar no rol dos seres vivos estudados pelos alienígenas, para melhor compreender nossas origens, fraquezas, complexidades… e tudo mais. Talvez em busca de uma rica combinação genética que o ser humano possua… e eles, não.

Temos a tendência de achar que os extraterrestres são em tudo superiores a nós, e muito superiores, mas talvez haja um verdadeiro tesouro não explorado por nós mesmos em nossa combinação genética, o que explicaria tanto interesse em hibridismo da parte deles, no passado e no presente, por parte dos seres bons como dos seres caídos (grays).

Quantas informações genéticas não podem ser encontradas e estudadas num dos seres mais antigos da natureza?

Não costumam os ETs abduzir gado e outros animais, com finalidades de pesquisa?

Se quisermos entender melhor a evolução natural temos que recorrer aos espécimes mais antigos da Terra, àqueles que vêm suportando todas as glaciações, inversões magnéticas e catástrofes cíclicas que extinguem quase que toda a vida. Os fósseis vivos nos ajudam a entender melhor a dinâmica evolutiva da Biosfera.

ETs devem se guiar pelo mesmo princípio em tudo isso.

Outra pista: as minhocas são hermafroditas! Muitos registros antigos falam do homem andrógino da antiguidade, o Rebis, o Hermes+Afrodite original, que depois se dividiu em dois gêneros sexuais.

O hermafroditismo ainda recorre em algumas crianças, como uma espécie de memória genética, demonstrando que o ser humano moderno já teve essa condição no seu passado, porque vez ou outra ela regressa, da sua memória genética.

O texto do Gênesis 2 é claro: primeiro ele diz “E Elohim criou o HOMEM (Adam) à nossa imagem e semelhança”. E depois, completa: “… Macho e Fêmea os criou (Zakar, Nequevá)”

Primeiro, o Homem, ou termo para Ser, Ente vivo, e depois, a cisão em dois gêneros sexuais.

A serpente tentou a mulher, uma sutil relação de idéias com as origens hermafroditas do ser humano, esta que a minhoca (não as cobras) conserva até os dias de hoje.


E apesar de hermafroditas, não conseguem se auto-fecundar, precisando de parceria, realizando assim uma fecundação cruzada.
Baseado nesta origem hermafrodita da espécie humana é que os alquimistas buscaram pelo segredo da imortalidade vinculado ao resgate da energia hermafrodita (Enxofre + Mercúrio) no corpo físico, o balanço do Yang-Yin, Sol-Lua, e outros códigos.

A serpente, nesta linha, era a representação de tal energia (Kundalini, raiz vital comum dos dois sexos a ser recombinada na busca da Pedra Filosofal)

Tanto que, no hebraico, o mesmo termo (HwTsH) vale para raiz da árvore (da vida) e cóccix.

Bem interpretada, a Bíblia ainda é a fonte ímpar de revelações sobre nossas origens e destinos.

Essa notícia parece dar a confirmação que eu preciso:

http://noticias.terra.com.br/ciencia/interna/0,,OI2697924-EI319,00-Fossil+mostra+primeiro+animal+que+teria+feito+sexo.html

Assim, entende-se que direção realmente tomou a famosa tentação da serpente para a humanidade da época… o significado da Serpente nesse contexto do Gênesis é de cunho genético e sexual.

A minhoca realmente foi um dos primeiros seres vivos (animais invertebrados) da Terra. E talvez o primeiro a desenvolver a função sexual para reprodução da espécie.

Muitas informações devem estar contidas nos seus atuais 32 cromossomos…

*Seres muito antigos acumulam muitas mutações do DNA ao longo da Cadeia Evolutiva da Terra sendo, portanto, verdadeiros livros de informação registrada e memorizada que podem ser abertos e interpretados por inteligências à altura.

Certamente não humanas!

No Gênesis 2 (2, par), se menciona a Árvore da Ciência (a função sexual no homem) sobre a qual a serpente (sexualidade, kundalini, o modelo do DNA) lança a tentação sobre a mulher, induzindo-a ao sexo impuro que traria a queda da alma na carnalidade, no controle dos instintos, etc, perdendo aí a sua identidade divina original.

Depois, em outras passagens, e principalmente, no Apocalipse, se fala no Livro da Vida onde está registrada toda a atividade da consciência humana, então, submetida ao Juízo de Deus.

A abertura do DNA após todas as evoluções naturais e psíquicas do gênero humano, contendo todos os registros e memórias de seus erros e acertos, deslizes e superações, virtudes e defeitos, tudo isso caindo lá, nos genes, todo bem e todo mal no acervo destas memórias que todos nós transferimos aos descendentes, girando a Roda da Vida.

Duas testemunhas (a dupla hélice do DNA) que depõem contra ou ao nosso favor…

O DNA da humanidade é o Livro da Vida que os “deuses” irão julgar no final do Grande Ciclo, como quem semeia antes, e depois colhe e pesa os frutos da seara no tempo da colheita.

Colheita de Consciência! Porque a Lei original dada a Adão e Eva no Éden era “Eu vos criei para serem a imagem e semelhança dos Deuses…” Esta será a régua do referido Juízo. E os arquivos de consulta no grande Tribunal, o Livro da Vida, o DNA da raça.

JP em 24.02.2019

Comentários