Templates by BIGtheme NET

Experimentos com a Quarta Dimensão

Já estudei e pesquisei muito sobre o tema, já tive experiências sutis, discretas, de aproximação com a quarta dimensão. Experimentos durante os quais relógios pararam, e voltaram sem explicação após o trabalho, além de outros fenômenos sem explicação.

Vibrações específicas, esta é a chave dos portais. Saber que a Terra tem uma contraparte de hiperespaço (quarta dimensão) que vibra todo o tempo na sua nota-padrão. Estimular a ressonância, outro instrumento importante.

Conhecer que vibração é esta do planeta, produzir artificialmente a mesma nota-chave, até conseguir algum eco no plano paralelo. Catalogar os sintomas. O que ocorreu nos relógios? Pararam? Atrasaram? Qual a sensação de tempo dentro do experimento? Se tornou mais lento? Você teve a sensação de alguns minutos, enquanto lá fora se passaram horas? O ambiente vibrou, tremeu?
O que aconteceu?

São muitos e outros os sintomas deste contato. Visões de vórtices não são incomuns, vai depender do grau de sensibilidade de cada um. São vários pontos a serem abordados. Mas lembrar que, todas as noites, saímos do nosso corpo por um vórtice-portal da cabeça (projeção astral) considerando o mesmo paralelo (vórtices são o primeiro sintoma de um portal se formando por efeitos vibracionais), ajuda a compreender que portais são os poros de comunicação entre as dimensões, e estão em toda parte, em tudo o que seja matéria.

Porque a matéria é que é multidimensional. Nosso corpo é matéria. A Terra é matéria. O Universo é matéria, e se essa matéria ocupa estruturas multidimensionais no espaço-tempo, não é difícil supor que os portais estão em toda parte e se formam segundo padrões vibracionais específicos.

Em outras palavras, se você conseguir encontrar e sustentar por um tempo específico a vibração-chave de determinado plano paralelo, com certeza efetuará algum grau de contato com ele.

A chave está no trabalho com os sons.

Essa é a ciência magna dos antigos. A ciência dos harmônicos, a ciência da Música das Esferas.  Se a Gravidade é a força cósmica que mantém todas as coisas unidas no Universo 3D, imagine que, no Universo paralelo 4D, em vez de Gravidade, o que existe é um laço de ressonância cósmica entre todos os sistemas pulsantes, que emitem sua vibração-chave, sua nota, sua frequência, a cada movimento realizado no tecido do Espaço-Tempo propagante de ondas, o que não irá admitir a teoria do Vazio espacial (vácuo inerte) por mais tempo diante das novas descobertas.

Qual o SOM QUE VIBRA MAIS PODEROSAMENTE em ressonância com O PLANO OCULTO DA TERRA, CHAMADO DE QUARTA DIMENSÃO ou Éden?

O FÁ PURO É UM TOM DE COR VERDE… é o tom marcado na pirâmide de Kéfren, guardada pela Esfinge do Mistério, altura dividida por metade da base, 4/3.

A nota do FÁ PURO, FÁ VERDE, COM ESPECIAL PODER SOBRE O CHACRA ANAHATA DO CORAÇÃO…  vibra num VERDE VENUSIANO.

Anahata Chakra

O VERDE É A COR DA NOTA FÁ.
A NOTA FÁ VIBRA O VERDE DA VIDA.


As proporções sagradas do Universo em equilíbrio nos levam ao coração ANAHATA do sistema… porque a Terra tem o seu coração pulsando em Fá, e somar o Fá que há em mim com o Fá que há na Terra pela ressonância é o caminho da reintegração, ou religião harmônica, digamos assim.

Levar até as últimas consequências a verdade contida em
NO PRINCÍPIO ERA O VERBO… E O VERBO ERA DEUS… é o que está se propondo aqui.

Explicando a quarta dimensão

A Quarta dimensão é e sempre foi a morada perfeita, definitiva, estável e pura, associada ao Éden, termo que, em hebraico, significa Voluptuosidade.

Aquele tipo de existência ideal, imortal, sem doenças, com a Terra numa eterna primavera, e o ser humano vivendo em bondade e cooperação, recebendo de Deus apenas a dita de viver para estudar e conhecer o infinito e suas excelências, sem o ônus do pecado, aquele suor do rosto para o sustento e fim inevitável chamado morte. O nosso mundo caiu na Terceira dimensão, e isso é simbolizado pela expulsão do paraíso primordial.

Nossos sentidos é que caíram, porque a Quarta dimensão ou hiperespaço continua no mesmo lugar de sempre. De qualquer forma, a tecnologia UFO se move com facilidade no Hiperespaço, e o que o Apocalipse chama de retorno de Cristo e implantação do Reino de Deus são termos que significam o gradual retorno da Terra à dimensão sutil, etérea, pura e inocente, não antes de passar pela dissolução, já se apresentando no fim do ciclo.

Antes de um novo cosmos surge um inevitável caos, e ele já está avançando, em tudo. No antigo éden, os cabalistas entendiam a voluptuosidade como a experiência de estar ligado a todas as coisas, o que parece ser uma característica daquela dimensão superior.

Aqui estamos fragmentados e vivemos o dogma da separatividade, em todos os aspectos. A morte é a dissolução corporal final que sela esse limite de tempo à nossa existência fragmentada, apartada do espírito.

A transição da Terra para a Quarta Dimensão será realizada pelos elevados seres que aqui estarão no futuro para a chamada reedificação. Porque os seres atuais (humanos caídos) são os que estão a acelerar a própria dissolução do Caos. A quarta dimensão é a morada da felicidade e da paz, vida real, sem doenças, sem decadência, sem ego..

A terceira é o exílio e a morte. Ilusão. Consequência fatal da vida vivida no erro e na transgressão da Ordem, Moral e Lei Maior. A Quarta dimensão abarca a Terceira, e todos os fenômenos da Física e da Química, Biologia e Tempo, tem por coordenada ou suporte invisível a quarta dimensão. Ela explica a propagação de ondas no espaço, e faz o papel do éter na concepção dos antigos.

Para resumir, imagine tudo ligado, tudo coeso, todas as coisas vibrando em harmonia e concordância, isso expressa a quarta dimensão, agora imagine o oposto disso, é a Terceira dimensão. Antes de mais nada, é bom lembrar que dimensões tem a ver com estados de consciência. Muitos UFOs que vemos aqui são meras projeções do hiperespaço na sombra tridimensional, bem como presenças espirituais, que não se deixam ver, mas deixam vários tipos de rastro.

E eles nos chamam de volta ao lar primordial, ao Éden, voluptuosidade da vida integral, pura e perfeita, pelo caminho da virtude e da reconciliação com Deus.

Jesus mesmo disse aos apóstolos antes de partir: Vou para preparar o lugar, depois volto para levar vocês. Ele falava do Reino da Quarta Dimensão. E ele mesmo nos deixou chaves muito especiais para nos ajudar a recobrar esse éden perdido, aquilo que os teosofistas chamam de Estado Jinas de corpo e de consciência.

E é certo, absolutamente certo, que as chaves para reabrir as portas da Quarta Dimensão foram entregues na Bíblia, especialmente nas passagens em código que mencionam a Arca de Noé, a Arca da Aliança, o Templo de Salomão e a crucificação, quando o flanco aberto de Jesus na cruz pela lança do soldado romano representou essa reabertura pelo sacrifício do Messias… e a própria cruz posta como A CHAVE MAGNA!

Sim, o flanco sobre o coração foi aberto… porque a chave está lá dentro do coração… pois o AMOR é o único status admissível e possível para a real existência no Éden… porque foi justamente pela falta de amor que o EGO assumiu a realidade virtual da nossa consciência presente, e nos colocou aqui, no exílio da felicidade outra vez…

JP em 01.05.2019

Comentários