Descoberta forma de vida na Terra que não respira oxigênio para sobreviver

Pela primeira vez, pesquisadores identificaram um animal que não precisa respirar oxigênio para sobreviver

Henneguya salminicola não precisa de oxigênio.
A necessidade de respirar parece ser comum a todos os animais, mas agora uma equipe de cientistas da Universidade de Tel Aviv, em Israel, lançou um fato impactante nas obras científicas, descobrindo uma criatura que parece ter desistido inteiramente da arte de respirar e consumir oxigênio para produzir energia.

Conhecido como Henneguya salminicola, esse espécime peculiar, que é parente de água-viva e corais, é um parasita de 10 células encontrado nos músculos do salmão.

A descoberta foi feita por acaso – os cientistas estavam realizando uma análise microscópica e genômica da criatura quando descobriram que ela não possuía um genoma mitocondrial – algo essencial para o processo respiratório.

O Professor Dorothee Huchon disse:

Acredita-se que a respiração aeróbica é onipresente em animais, mas agora confirmamos que esse não é o caso.

Nossa descoberta mostra que a evolução pode ir em direções estranhas. A respiração aeróbica é uma importante fonte de energia e, no entanto, encontramos um animal que abandonou esse caminho crítico. Portanto, se essa criatura não respira oxigênio, como é capaz de sobreviver?

Ainda não está claro para nós como o parasita gera energia.

Ele pode estar extraindo das células circundantes do peixe, ou pode ter um tipo diferente de respiração, como a respiração livre de oxigênio, que normalmente caracteriza organismos anaeróbicos não animais.

A procura por respostas continua.


Se a regra da vida na Terra é a respiração do oxigênio, então essa forma de vida descoberta é a primeira exceção à regra.
Se a humanidade é a regra de vida consciente e inteligente na Terra, então qualquer forma de vida extraterrestre será considerada também uma exceção à regra.
Logicamente, a vida extraterrestre, consciente ou não, sempre será uma exceção à regra quando comparada com a nossa Bioesfera.
Onde quero chegar? O que impede esse parasita, exceção à regra, ter sua origem em outros planetas cujas formas de vida não tem por regra a respiração de O2?


Detalhe: observando a aparência dos micróbios, não parecem aquelas faces ET estilizadas?

JP em 26.02.2020

Comentários
Compartilhar