Templates by BIGtheme NET

A profecia da inversão de valores em 1/3 da humanidade no final do Grande Ciclo

 

 

 

 

Esta profecia jaz oculta nas entrelinhas do Apocalipse, que anuncia, com as primeiras pragas (dos 4 Cavaleiros do Apocalipse, a saber, guerras, fome, doença e cataclismos) que 1/3 da humanidade iria perecer, nos quatro cantos do mundo.
Essa profecia é retirada dos livros do Antigo Testamento, e Ezequiel (sim, aquele profeta que andou nos céus, na Merkabah de Deus) falava nela.

Tudo porque 1/3 das estrelas iriam cair dos céus, e aqui está o indicador da profecia oculta da inversão de valores alcançando 1/3 ou mais da opinião pública no tempo das “trevas” (Kali Yuga dos hindus).

E quem causaria a queda das estrelas?
O Grande Dragão Vermelho, que o profeta João chama de Satanás e a mesma serpente enganadora da humanidade, desde os primórdios.

Se, em simbologia gravitacional, o Dragão Vermelho representa o segundo Sol abalando os astros com sua potência gravitacional (a cauda que faz derrubar as estrelas do céu, 1/3 delas) em simbologia moral e espiritual, esse Grande Dragão significa a Mente do Anticristo INVERTENDO E PERVERTENDO tudo na Terra, principalmente no seu alvo principal, o alvo religioso, infiltrado nas próprias religiões para destruir o espírito moral das doutrinas da Verdade.

A simbologia das estrelas fala do mesmo: na visão antiga, as estrelas marchando em harmonia no céu representavam as Leis do Criador sendo respeitadas pelos habitantes da Terra, mas quando elas começaram a cair, isso significa que essas leis começariam a ser desonradas e afrontadas pelas “novidades” culturais tenebrosas da era moderna, cheias de libertinagem e imoralidade, e pior, tomadas como normais, éticas, constitucionais, etc… e quando a lei dos homens se tornasse completamente invertida em relação às leis do Criador, esse seria o dia do anúncio do Juízo com Ele.

A meta do Anticristo libertado de suas masmorras no abismo é enfraquecer espiritualmente a humanidade, o que ele consegue investindo em toda filosofia carnal possível, e quanto mais degradante, mais promíscuo, mais imoral, invertido e pervertido, melhor para o seu controle, já que todos nós sabemos que o fundamento do Templo-corpo do Espírito Santo é a sexualidade, e o velho argumento da serpente se repete:

“pode comer esse delicioso fruto, não vai fazer mal nenhum, eu garanto…”

Os profetas anunciaram que, quanto mais promíscuo e profano o ambiente, mais força o Anticristo assume, tanto como pessoa como egrégora negra, e segundo os mesmos profetas, quando 1/3 (número mínimo) da humanidade estivesse com suas opiniões vibrando em ressonância não com as Leis do Criador dos corpos e almas, mas sim com as perversões e inversões da Mente do Anticristo, estaria madura para entrar em julgamento com o mesmo Criador dos corpos e almas, cujas leis estão sendo, uma a uma, transgredidas pela Moderna Filosofia, Ética, Valores etc.

O Dragão tem sete cabeças, quer dizer, já controla todas as nações da Terra com sua mente anticrística, investindo poderes às duas Bestas, a saber, o Poder da Política Mundial e o Poder da Religião Mundial (ou falsas religiões).

Exatamente como nos tempos de Noé, quando as transgressões carnais subiram alto, e corromperam toda a raça, mergulhada na mais profunda promiscuidade, ou como se deu com Sodoma e Gomorra, e todo o povo entregue à sodomia! ou ainda, quando Moisés desceu do Monte Santo, com as Leis do Criador, e viu o povo entregue a absoluta orgia, com poucos que se mantiveram fiéis no meio dessa “novidade” imposta pelo novo ídolo, não mais o Senhor libertador, e sim, o Touro do Egito, revivendo a idolatria carnal pagã… ou ainda, no Novo Testamento, quando o apóstolo Paulo pregou nas ruas da grande cidade, Roma, e testemunhou imundícies carnais em toda parte, anunciando em bom tom: cuidai e honrai do corpo, que é o templo do Espírito Santo, em uma vida de santidade e castidade…. certamente são sentenças que, hoje, levam as pessoas aos risos e ao escárnio geral.

A grande estratégia da mente do Anticristo é separar espiritualidade de sexualidade, e pregar conceitos falsos de que a pessoa pode ser espiritualizada, mesmo levando uma vida sexual impura, imoral e desregrada…esquecendo que o Kundalini, a raiz da vida na base dos chakras, na qualidade de raiz da árvore da vida (corpo), vai sendo destruída gradativamente conforme receba águas imundas na rega diária dos hábitos, e se ela apodrecer e morrer, todos os outros chakras cairão junto, e a espiritualidade fica inviabilizada na função dos perdidos potenciais do templo do Espírito Santo com tal conduta…

Quando a raiz da árvore da vida fica poluída, os frutos dessa árvore serão igualmente poluídos… mas se a raiz morre, toda a árvore tombará morta!

Pelo meu testemunho, vendo fóruns de debate sobre questões polêmicas e controversas… muito mais de 1/3 da humanidade já aceita a inversão de valores como normal.

Deus nunca é considerado nas questões morais do mundo, sendo que deveria ser a primeira coisa considerada, isto é, as Leis que os santos, sábios e profetas, aqueles que entraram em contato com seu Espírito, deixaram pra guiar a humanidade. Talvez Deus nem mesmo exista mais para estes círculos modernos do pensamento!

Assim sendo, a humanidade está madura para a sentença.

E mais uma vez, repito: Deus não castiga ninguém, mas a própria humanidade atrai suas desgraças quando fere de morte as leis do Criador, especialmente aquelas que desonram a vida no santuário da carne, e tornam imundas as águas da taça de sua experiência espiritual em corpo físico.

O que salvou Noé e sua família não foi um barco de madeira, e sim, sua integridade diante dos Olhos de Deus em tempos de absurda e generalizada corrupção. A mesma coisa é dita sobre os 144 mil, Apocalipse 14:

“…e foram achados puros, limpos, não se contaminaram carnalmente no mundo, e em sua boca não se achou a mentira… e seguem a Voz do Cordeiro (a Verdade) onde quer que estejam”… (Apocalipse 14)

E se fizermos a proporção de 144000 para o total de habitantes que teremos sobre a Terra até a chegada daqueles dias, perto da casa dos 8 bilhões… é ínfima, contudo, é a massa crítica necessária de almas puras, sem corrupção e cujas consciências vibram a Verdade crística capazes de reformar o mundo e reedificar a Terra. O resto, infelizmente, a Natureza involutiva terá que depurar no fogo. Porque esse mesmo resto, mesmo sem saber, é assassino direto da energia santa que se perdeu nesse planeta mergulhado em caos, trevas e inversão de valores, e o nome dessa era foi chamada pelos hindus de
Kali Yuga.

 

E essa inversão é tão grande que, naqueles dias, ela será considerada NORMAL pela maioria, e quem for contra ela, este será taxado de anormal, preconceituoso ou fora do esquema.

Graças a Deus, sou um anormal de carteirinha!

 

 

JP em 09.09.2019

Comentários