Templates by BIGtheme NET

A Consciência do Amor

 

 

Consciência é a expressão pura e plena do amor.

Porque o Amor é mãe da primeira expressão da verdade, chamada de Luz.

Se o universo nasceu da saturação de amor do Criador, obviamente o amor é que regula todas, e cada uma de suas partes.

E se todos os seres nasceram dessa gestação esplêndida, é certo compreender que o amor está na raiz de todos nós, infelizmente ainda sufocada pelas pedras do ego na superfície, daí a sua dificuldade em florescer à luz da vida…

Consciência é amor… amor é consciência.

O amor é consciente. A ignorância é o berço de toda maldade. A escuridão prefigura a crueldade.

Jesus resumiu maravilhosamente os caminhos da consciência cósmica:

Amai a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a ti mesmo.

Nada mais seria necessário acrescentar aqui.

O que está faltando ao mundo, sinceramente, não são teorias de cientistas e nem máquinas novas da tecnologia.

Apenas mais amor. Muito mais amor. O que tornaria a humanidade muito mais consciente de tudo.

Contudo, este caminho é sempre o mais difícil.

Todas as coisas são mais fáceis ao homem do que amar, amar de verdade, e com todo o seu coração.

Esse é o grau final da evolução de todos os seres mergulhados na grande espiral infinita.

O amor é sabedoria, o amor é liberdade, o amor é imortalidade.

O amor é poder, o amor é verdade, o amor… é amor.

Tudo é mais fácil ao homem de realizar do que o amor verdadeiro.

Ele pode escalar altas montanhas, navegar por mares muito profundos, conquistar outros planetas com tecnologia avançada, pode realizar todo tipo de façanha…

Mas amar de verdade, e com todo o coração, isso lhe será sempre mais difícil.

E por tal razão, essa espécie de amor incondicional é que marca precisamente a morte do homem comum e o nascimento do homem cósmico.

A realização pura e plena do amor verdadeiro representa o último nível da evolução individual… e o primeiro nível da evolução cósmica.

O ponto mais alto de consciência está aqui. Nem tecnologia avançada, nem ciência sofisticada, nem nada disso. Mas a capacidade do amor incondicional, essa é a meta final do universo para todos nós, espíritos tragados pela Lei da Evolução nos mundos materiais.

O amor é a melhor parte de todos nós.

Quando estamos em estado de amor, nos sentimos divinos, nos sentimos eternos, nos sentimos perfeitos. Mas quando o ego nos leva a cometer transgressões, nos sentimos pesados, culpados, nos auto-condenamos sem que haja a necessidade de qualquer religião ou tábua moral para que essa sentença seja lavrada dentro da alma…

O amor é que nos torna semelhantes a Deus em essência.

O resto, todo o resto, é teoria fútil, ou letra morta, como diziam os letrados do espírito iluminado.

Quando a humanidade descobrir que não é possível separar a consciência do amor, e que o amor vivido é a única forma de se gerar consciência e sabedoria na alma, então transcenderá o intelectualismo ao qual é cativa na era moderna, e compreenderá a raiz de toda a limitação na qual se situa, e verá com clareza a origem de todo o mal que tem plantado com suas próprias mãos ao redor, no mundo inteiro, por um contínuo e sustentado ato de ignorância dessa verdade maior do amor…

Onde falta o amor, sobra a ignorância.

Onde falta o amor, sobra o medo.

Onde falta o amor, sobra tudo o que não presta.

 

JP em 13.06.2019

Comentários