Templates by BIGtheme NET

440Hz, o Controle pela Música

Sendo que tudo tem sua vibração, o Sistema Solar em que vivemos também tem a sua, e é de 432Hz, e essa frequência está por trás de toda a criação, como em nosso DNA por exemplo.

432x440hz - To no Cosmos

A imagem acima mostra o efeito que 432Hz e 440Hz criam na água. Em 432Hz vemos uma harmonia nas partículas resultando em uma bela geometria, o que não ocorre em 440Hz.

Desde 1953, a maior parte das músicas são afinadas em 440Hz conforme a determinação da International Standards Organization (ISO). Porém as descobertas recentes mostram que a vibração diferente da natural, como a afinação contemporânea, pode ser muito prejudicial a saúde e também ao comportamento de todos que a escutam.

Gotadagua- To no CosmosA=432Hz, conhecida como Lá de Verdi é uma afinação alternativa que é matematicamente consistente com o universo. Músicas baseada em 432Hz transmite energia de cura benéfica, porque é um tom puro de matemática fundamental da natureza.

Há uma teoria que diz que a mudança de 432Hz para 440Hz foi ditada pelo ministro de propaganda nazista, Joseph Goebbels. Ele usou-a para fazer com que as pessoas pensassem e sentissem de uma certa maneira, e para fazê-los prisioneiros de uma certa consciência. Então, por volta de 1940, os Estados Unidos introduziram mundialmente o 440Hz, e finalmente em 1953, tornou-se o padrão pela ISO.

A quem diga que uma das famílias mais influentes do mundo, os Rockfeller, estiveram envolvidos nessa padronização.

Leonard Horowitz“A indústria da música tem essa frequência imposta que é “pastorear” populações para uma maior agressividade, agitação psicossocial e sofrimento emocional que predispõe as pessoas as doenças físicas”. Frase encontrada no manuscrito “Musical Cult Control (Controle do Culto Musical)”, de Dr. Leonard Horowitz.

Foi Leonard Horowitz que apresentou evidências de que a AIDS é uma doença criada em laboratório, além de ser autor de inúmeros livros que falam dos benefícios das frequências quando aplicadas de forma harmoniosa.

 

A diferença entre 440 Hz e 432 Hz é de apenas 8 vibrações por segundo, mas faz uma diferença notável na experiência da consciência humana. De acordo com os amantes da música, é mais agradável para a audição, mais suave, mais brilhante e mais bonita.

Coincidência ou não, o intervalo entre LÁ=440Hz (equivalente à FÁ#=741Hz na antiga escala original de Solfeggio) e LÁ=444Hz  (DÓ [5]=528Hz) é o clássico Intervalo do Diabólico na musicologia, devido ao imenso som desarmônico que é criado quando essas notas são tocadas simultaneamente. 

frequencias - To no Cosmos

A Sequência de Solfeggio é uma antiga frequência em que apenas 6 tons eram usados em músicas sagradas, como nos Cantos Gregorianos. Acreditavam que os cantos e seus tons especiais inspiravam graça espiritual quando cantados em harmonia.

poder musica - To no Cosmos

Não só ouvida, a música é também sentida.

Cada tom do Solfeggio é uma frequência para balancear sua energia e manter seu corpo, mente e espírito em harmonia.

Outras frequências benéficas ao corpo e mente também existem, como a 528Hz que é a frequência ligada ao Chacra do Coração. Frequência essa que John Lennon gravou a pacífica música Imagine.

Hoje em dia é comum encontrarmos tratamentos que usam a frequência 528Hz, para curas energéticas, físicas e mentais, conhecida também por sua capacidade de Reparação do DNA.

O vídeo abaixo foi feito em 528Hz, para ser ouvido com um fone de ouvido preferencialmente, com o intuito de acalmar e relaxar.

“Se você quer encontrar os segredos do universo, pense em termos de energia, frequência e vibração.”Nikola Tesla

Comentários